Bolívia. Identificadas “ações deliberadas” de manipulação eleitoral a favor de Evo Morales

Alain Bachellier / Flickr

Evo Morales, o presidente da Bolívia

A Organização de Estados Americanos (OEA) publicou o relatório final sobre as eleições de 20 de outubro na Bolívia, revelando “ações deliberadas que procuraram manipular os resultados das eleições” a favor do agora ex-Presidente Evo Morales e do seu partido, o Movimento Ao Socialismo (MAS).

Segundo noticiou esta quinta-feira o Observador, entre as doze “ações deliberadas”, encontra-se um conjunto de servidores “para os quais se desviou de maneira intencional o fluxo de informação do [Sistema de Transmissão de Resultados Preliminares]”.

Estes servidores alternativos “registaram atividade” no momento em que a divulgação dos resultados foi alvo de um apagão. Nessa altura, Evo Morales tinha maioria (83,76% dos votos), mas seria obrigado a disputar uma segunda volta. A contagem voltou a ser pública já com 89,34% dos votos contabilizados e com Evo Morales a vencer à primeira volta.

Os resultados finais, anunciados no dia seguinte às eleições, colocaram Evo Morales e o MAS com 47,08% dos votos, tendo menos de 50% mas mais do que 10% necessários de vantagem sobre o segundo classificado, Carlos Mesa (Comunidade Cidadã), a quem foram contabilizados 36,51% dos votos.

“A análise estatística realizada revela que a vitória à primeira volta de Evo Morales foi estatisticamente improvável e que a sua proclamação se verificou por um aumento massivo e inexplicável dos votos do MAS nos 5% finais do cômputo”, indica o relatório.

No relatório lê-se ainda: “Sem esse aumento, mesmo que o MAS tivesse conseguido a maioria dos votos, não teria obtido a diferença de 10% necessária para evitar a segunda volta. Este incremento deu-se a partir de quebras marcadas nas linhas de tendência de voto no oficialismo e na Comunidade Cidadã, a nível nacional e departamental. O tamanho das ruturas é extremamente incomum e coloca em dúvida a credibilidade do processo”.

Este relatório surgiu no seguimento de um relatório preliminar, divulgado a 10 de novembro de 2019, onde foi apontada uma “clara manipulação” dos resultados eleitorais.  A revelação levou a que a polícia se revoltasse contra Evo Morales. A 12 de novembro, os militares sugeriram que se afastasse do poder.

Dois dias depois, Evo Morales recebeu asilo político no México. A vice-presidente do Senado, Jeanine Añez, assumiu a presidência de forma interina a 12 de novembro, depois de uma votação boicotada pelo MAS e que, por essa razão, não teve quórum.

ZAP //

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Falsificação de resultados: A ÚNICA MANEIRA DOS COMUNISTAS E SEUS DEJECTOS SOCIALISTAS GANHAREM UMA ELEIÇÃO. Será que as urnas electrónicas testadas na Tugalândia também são da Smartmatic venezuelana?!!!! Esquerdopatas são iguais em toda a galáxia!!!!!!! O povo é burro, mas nem tanto…!!!!

  2. Correntes de direita ou simplesmente oligárquicas usavam e abusavam do autoritarismo e da manipulação para permanecer no poder e impedir opositores de avançarem.

    Nas últimas décadas a rejeição internacional forçou essas correntes a absterem-se do autoritarismo e honrar pelo menos minimamente os princípios de não dificultar a alternância de poder.

    Do outro lado, as correntes ‘progressistas’ e francamente de esquerda continuaram suas práticas de impedimento de oposições, apenas aperfeiçoando os métodos de legalização do ilegal.

    Cuba é um dos exemplos infelizes mas eloquentes de como conseguir que um regime permaneça no poder por muitas décadas, com um partido único e eliminação de candidatos oposicionistas com alguma chance prática, e ainda ser considerada pelas esquerdas como um regime plenamente democrático. Aliás, mais democrático do que os dos países menos à esquerda…

    A Venezuela talvez esteja em segundo lugar, com mudanças das regras políticas que permitiram maioria Legislativa para coonestar mudanças constitucionais, acompanhadas de intervenções no Judiciário para dar ganho jurídico a todas as iniciativas do governo. Quando, mesmo assim, a oposição conseguiu maioria no Legislativo, novas mudanças nas regras políticas acompanhadas de mudanças constitucionais e referendo judiciário. A manipulação grosseira não consegue disfarçar a anti-democracia mas o fato é que, também por décadas, Chavez está no poder (a necessidade de colocar o preposto Maduro não muda o fato). Também a Venezuela tornou-se um modelo de democracia para as esquerdas…

    A Bolívia seguia pelo mesmo caminho: mudanças de regras políticas, constitucionais e do judiciário para garantir a Evo Morales a perpetuação no poder. Com tudo isso, ainda foram necessárias fraudes no processo eleitoral para diminuir os riscos causados pela oposição.

    Não se pode acusar as esquerdas de inconsistência. Defenderam a democracia na URSS e na China contra todas as propagandas mentirosas do imperialismo norte-americano até muitos anos depois da queda do Muro de Berlim. Ainda hoje é incapaz de qualquer auto-crítica quanto à sua defesa de regimes ditatoriais.

    Não é surpresa, portanto, que hoje se mostrem indignadas com o golpe praticado na Bolívia contra o legitimamente eleito presidente Evo Morales.

    Absolutamente normal!

RESPONDER

Afinal, os tubarões-baleia macho não são os maiores peixes dos oceanos

Um novo estudo revela que, afinal, os tubarões-baleia machos não são os maiores peixes do oceano. As fêmeas crescem continuamente muito depois de os machos pararem, atingindo tamanhos maiores - ainda que demorem mais tempo …

Exército norte-americano usou fundos de emergência covid-19 para comprar armas

O exército dos Estados Unidos utilizou fundos de emergência aprovados pelo Congresso especificamente para combater a covid-19 para comprar armas, denuncia esta semana o jornal norte-americano The Washington Post. O caso remonta a março passado, …

Carpinteiros usam técnica medieval na reconstrução de Notre Dame

A reconstrução de Notre Dame - que se prevê estar concluída no prazo de cinco anos - continua a avançar e os carpinteiros usaram técnicas medievais para erguer uma estrutura na fachada do monumento. A Catedral …

Durante um ano e meio, uma aldeia inteira perdeu a Internet todos os dias à mesma hora (e já se sabe porquê)

Durante 18 meses, os residentes de uma vila no País de Gales perderam a Internet todos os dias à mesma hora. Agora, engenheiros identificaram o motivo: uma televisão em segunda mão que emitia um sinal …

Gado na UE produz 704 milhões de toneladas de CO2 (mais do que todos os transportes juntos)

De acordo com uma nova análise da Greenpeace, animais de criação como vacas, porcos e outros, estão a emitir mais gases com efeito de estufa na Europa do que todos os transportes juntos. Na última década, …

É distraído e está sempre a perder a carteira? A Cashew Smart Wallet é para si

Uma simples carteira pode vir a melhorar os seus dias. A Cashew Smart Wallet é dotada de uma tecnologia de bluetooth que permite proteger os seus bens e ainda o ajuda caso a perca por …

Desportivo das Aves SAD desiste do Campeonato de Portugal

O Desportivo das Aves SAD vai abdicar da participação no Campeonato de Portugal (CdP), após ter falhado as negociações com o Perafita para utilizar as instalações do clube de Matosinhos. "As inscrições fechavam ontem [terça-feira] e …

Celebridades doam dinheiro para pagar dívidas a ex-presos impedidos de votar nos EUA

O bilionário Michael Bloomberg, o cantor John Legend e o basquetebolista LeBron James são algumas das celebridades que estão a doar dinheiro para pagar dívidas de ex-presidiários da Florida, impedidos de votar nas próximas eleições …

No debate sobre o Plano de Recuperação, evocou-se Sócrates e Passos

O líder do PSD questionou o primeiro-ministro se pretende "fomentar o desemprego" com o aumento do salário mínimo. O chefe do Governo manifestou-se "completamente perplexo". Na abertura do debate sobre o Plano de Recuperação e Resiliência, …

380 baleias morreram encalhadas na Austrália. Este é o maior incidente registado no país

Morreram pelo menos 380 baleias-piloto presas numa baía remota da Tasmânia. Apesar dos intensos esforços para tentar salvá-las não foi possível evitar este cenário, informou hoje um responsável pelos serviços de socorro. "Temos um número mais …