Bloco quer subir taxa que financia cinema até 3,5 euros (e alargá-la à Netflix)

O Bloco de Esquerda quer que os operadores de telecomunicações paguem o dobro do que têm pago até agora para financiar o desenvolvimento da produção cinematográfica e do setor audiovisual.

Desde 2014, as empresas pagam uma taxa anual de 1,75 euros por cada cliente que subscreve os seus serviços de televisão ao Instituto do Cinema e do Audiovisual (ICA). A lei prevê que o valor suba este ano para dois euros por cliente.

No entanto, de acordo com o jornal Público, os bloquistas pretendem, com a proposta de aditamento à proposta de Orçamento do Estado (OE) que entregaram na quarta-feira na Assembleia da República, é que suba para 3,5 euros.

O Bloco pretende recuperar aquele que foi o montante inicialmente previsto para ser cobrado às empresas quando o Governo de Passos Coelho avançou com a medida em 2012, visando obter nessa época uma receita em torno de 10,7 milhões de euros.

O valor de 3,5 euros e o modelo de atualização estabelecido então – um aumento de 10% sobre o valor aplicável no ano anterior, até ao máximo de cinco euros – foram contestados pelos operadores de telecomunicações que se recusaram a pagá-lo. O braço de ferro e a ameaça de uma guerra jurídica acabou por levar o secretário de Estado da Cultura, Jorge Barreto Xavier, a reformular a medida.

Além disto, o Bloco quer ver estendida esta taxa a plataformas de streaming de conteúdos, como a Netflix e a HBO. Esta é uma medida defendida pelos operadores de telecomunicações, que se queixam que estão em desigualdades de circunstâncias face a estas empresas, que geram receitas em Portugal, mas não estão sujeitas aos mesmos encargos.

De acordo com a Anacom, no final de junho, existiam quatro milhões de clientes do serviço de TV paga, repartidos pela Nos (40,5% do mercado), Meo (39,6%), Vodafone (15,8) e Nowo (4%).

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Evolução de parasita está a tornar mais difícil detetar e tratar a malária

Uma mutação do parasita que causa a malária está a "camuflar" as proteínas que são identificadas nos testes rápidos, tornando mais difícil detetar e tratar a doença. De forma semelhante aos testes à covid-19, baratos e …

Banguecoque em alerta. Mais de 70.000 casas inundadas na Tailândia

As autoridades tailandesas têm feito esforços para proteger partes de Banguecoque das cheias, que já inundaram 70.000 casas e mataram seis pessoas nas províncias no norte e centro do país. A tempestade tropical Dianmu causou cheias …

Exilados sírios obrigados a pagar taxas para evitar o alistamento obrigatório

No início deste ano, Yousef, um sírio de 32 anos que vive na Suécia, teve que pagar as taxas que lhe isentavam da obrigatoriedade de se alistar no exército da Síria, caso contrário a família …

Portugal tem cerca de 8.200 pessoas em situação de sem-abrigo, mais de metade em Lisboa

Estima-se que, em 2020, cerca de 485 pessoas tenham abandonado esta condição, o que representa uma descida de 39% face a 2019. Portugal terá cerca de 8.200 pessoas em situação de sem-abrigo, segundo os resultados de …

Simone Biles: "Deveria ter desistido muito antes dos Jogos Olímpicos"

"Uma mulher preta tem que ser a melhor, as pessoas tentam menosprezar", lamentou a multi-campeã olímpica de ginástica. Simone Biles não conquistou qualquer medalha de ouro nos Jogos Olímpicos deste ano mas foi a atleta mais …

Mãe e filho de 2 anos morrem à porta do estádio. Jogo decorreu normalmente

Queda aconteceu pouco antes de começar um jogo da Major League Baseball, em San Diego. O desporto passou para segundo plano na tarde deste domingo, pouco antes de um jogo de beisebol, nos Estados Unidos da …

"Blá blá blá". Greta Thunberg acusa líderes mundiais de não cumprirem com as promessas climáticas

Ativista considera que os anúncios feitos pelos líderes mundiais não passam de bonitas intenções que, na prática, não se traduzem em ações com verdadeiro impacto na luta contra as alterações climáticas. Greta Thunberg acusou os líderes …

Mulher com síndrome de Down perde ação judicial contra a lei do aborto no Reino Unido

Na semana passada, uma mulher com síndrome de Down perdeu uma ação judicial contra o governo britânico por causa de uma lei que permite o aborto até ao fim da gestação de fetos que poderão …

Tribunal condena corticeira da Feira por despedir trabalhadora que denunciou assédio

A corticeira Fernando Couto foi condenada pelo Tribunal da Feira a pagar uma coima de cerca de 11 mil euros por ter despedido a operária Cristina Tavares, após esta ter denunciado ser vítima de assédio …

Dupla de cientistas apresenta uma nova abordagem para reciclar plástico

Um novo estudo oferece uma abordagem totalmente nova para reciclar plástico, tendo sido inspirada na forma como a natureza naturalmente "recicla" os componentes dos polímeros orgânicos presentes no ambiente. As proteínas são um dos principais compostos …