Benoit Hamon vence Valls e é o candidato socialista às presidenciais francesas

Parti socialiste / Flickr

O ex-ministro da Educação da França, Benoit Hamon

O ex-ministro da Educação da França, Benoit Hamon

O ex-ministro francês da Educação Benoit Hamon foi hoje escolhido para ser o candidato socialista às eleições presidenciais, de abril, ao derrotar o antigo primeiro-ministro Manuel Valls.

Benoit Hamon obteve 58,65% dos votos nas primárias dos socialistas, contra 41,35% de do antigo primeiro-ministro Manuel Valls, de acordo com os primeiros resultados provisórios, e depois de terem sido contados 60% das mesas, nas quais votaram cerca de 1,1 milhões de eleitores.

Um total de perto de dois milhões de pessoas participou na segunda volta das primárias socialista, contra 1,6 milhões de eleitores, na primeira volta, e de quatro milhões de pessoas que participaram, em dezembro passado, nas primárias da direita.

Hamon representa a alta mais à esquerda do Partido Socialista francês e a fação mais crítica do atual Presidente, François Hollande, do qual Manuel Valls foi ministro do Interior e, depois, chefe do executivo.

Benoit Hamon, de 49 anos, que fez parte do governo francês até agosto de 2014, terá a difícil tarefa de dar a volta às sondagens sobre as intenções de voto nas presidenciais, que lhe são desfavoráveis.

O candidato socialista parte em quinto lugar nas intenções de voto. A seguir, em quarto, surge o radical de esquerda Jean-Luc Mélenchon, depois o ex-ministro da Economia Emmanuel Macron e, em segundo, o conservador François Fillon. A líder da Frente Nacional (FN, extrema-direita), Marine Le Pen, surge em primeiro lugar nas sondagens.

Hamon, ex-dirigente da juventude socialista francesa e que fez boa parte da carreira política no aparelho do PS, terá agora a difícil tarefa da unir a família socialista, mais dividida que nunca.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Novo lay-off é para "aguentar o emprego e as empresas" (mas agrava cortes dos trabalhadores)

O novo regime de lay-off anunciado pelo Governo, para apoiar as empresas com "perdas mais significativas", nomeadamente na área do turismo, visa "aguentar o emprego e as empresas", segundo o ministro da Economia, Siza Vieira, …

Jornal "The Guardian" sugere que Portugal é um país racista e compara Ventura a Bolsonaro

O jornal britânico "The Guardian" noticiou, esta segunda-feira, alguns dos mais recentes acontecimentos racistas que têm ocorrido no país, afirmando no seu título que "Portugal regista um aumento da violência racista com ascensão da extrema …

Jornal Washington Post declara apoio a Biden e quer afastar "o pior presidente dos tempos modernos"

O jornal de referência Washington Post declarou esta segunda-feira o seu apoio ao candidato democrata à presidência dos EUA, Joe Biden, para derrotar o republicano Donald Trump, que considera “o pior Presidente dos tempos modernos”. No …

Portugal não recorrerá aos empréstimos do fundo de recuperação da UE

O primeiro-ministro António Costa salientou esta terça-feira que Portugal "recorrerá integralmente" aos cerca de 15,3 mil milhões de euros em subvenções que poderá receber do fundo de recuperação europeu, mas adiantou que não utilizará a …

Isabel dos Santos impugna nacionalização da Efacec

A empresária angolana Isabel dos Santos avançou com uma ação para impugnar a nacionalização da Efacec, decisão que foi anunciada pelo ministro da Economia, Pedro Siza Vieira, no início de julho. Numa nota enviada às …

Brexit. Na nona e última ronda, Von der Leyen está convencida de que acordo é possível

A União Europeia (UE) e o Reino Unido voltam esta terça-feira às negociações, na nona e última ronda para sair do impasse em questões como as pescas e concorrência e chegar a um acordo de …

Fundo de Resolução deve ser analisado com rigor, diz BCP. Presidente do banco defende moratórias

O presidente da Comissão Executiva do Millennium BCP, Miguel Maya, disse na segunda-feira que o tema do financiamento do Fundo de Resolução deve ser analisado com o "máximo cuidado e rigor", afirmando não ter nenhuma …

Falhas nas escolas: Falta de funcionários, alunos reprovados e Internet lenta condicionam resultados

Dois em cada três estudantes portugueses frequentam escolas onde os diretores apontam a falta de pessoal não docente como um dos fatores que condiciona a capacidade de ensinar. Chumbos ou Internet lenta também são condicionantes …

Há pontos de contacto e linhas vermelhas na relação amor-ódio que desenha o futuro do OE2021

O PCP foge por entre os dedos, o Bloco de Esquerda está cheio de dúvidas e o PSD é o terceiro interveniente à espera de intervir. A viabilização do Orçamento do Estado para 2021 é …

PS recuou e cedeu ao PSD na residência alternada dos filhos de pais separados

O PS e o PSD chegaram a um acordo no âmbito da residência alternada dos filhos de pais separados, de modo a que este regime passe a constar da Lei. Contudo, ao contrário do que …