Atriz injeta-se com bactéria de 3,5 milhões de anos que promete a juventude eterna

Viciada em cirurgias plásticas, a atriz russa Manoush injeta-se há três meses com uma antiga bactéria descoberta na Sibéria, na Rússia, e afirma sentir-se mais jovem.

A atriz de 45 anos, que usa o nome artístico de Manoush, já gastou 50 mil dólares em cirurgias plásticas, numa tentativa de conservar a sua juventude. Este ano deu um outro passo na intenção de deter o envelhecimento, algo que considera uma “doença”, e há três meses que se injeta com uma bactéria de 3,5 milhões de anos, conta a RT.

A bactéria Bacillus F foi encontrada em altas concentrações nos restos do cérebro congelado de um mamute, descoberto em 2009 no permafrost da Yakutia, no noroeste da Sibéria, em bom estado de conservação. O mamute teve as condições de conservação ideais: caiu num poço com água, que se congelou e nunca mais descongelou.

Os cientistas que desbloquearam o seu ADN em 2015 destacaram que a bactéria milenar não mostra indícios de envelhecimento e pode ser a chave para melhorar a saúde e aumentar a longevidade dos humanos.

Manoush, que participou em filmes como “Cannibal” ou Seed 2″, recebeu a bactéria das mãos do cientista russo Anatoli Brushkov, mas injeta-se sozinha, desde 22 de julho, já que o procedimento é considerado experimental e nenhum médico se atreveria a injetá-la em alguém, devido ao risco de perder a sua licença.

Todos os meses, a atriz é submetida a testes de sangue, e os resultados são comparados com os testes anteriores.

A atriz afirma que nunca se sentiu melhor e que a sua pele melhorou consideravelmente. Ainda que se dê conta de que este tratamento não a ajudará a rejuvenescer 20 anos, a atriz acredita que a ajudará, pelo menos, a viver até aos 80 ou 90 anos.

“A minha pele está tão suave como a de um bebé”, revelou a mulher, que também acredita que agora contrai menos constipações. “Quero morrer com o pleno funcionamento das minhas funções corporais e se isto ajudar, tudo terá valido a pena”.

Anatoli Brushkov, que encabeça o departamento de Geocriogenia da Universidade Estatal de Moscovo, injetou-se com a mesma bactéria em 2015, mas agora toma por via oral e destaca os resultados positivos, e aconselhou a atriz a tomar a bactéria da mesma forma.

Brushkov assegura que a zona onde encontraram a bactéria tem fama de que os residentes locais são os que mais vivem na Sibéria e explica que “consomem esta bactéria na água”.

“Os microrganismos possuem uma espécie de mecanismo surpreendente que os mantém vivos durante milhões de anos. Agora imaginem se as pudéssemos utilizar para prolongar a nossa existência por milhões de anos”, sustentou o cientista russo.

Até à data, as únicas pessoas a tomar esta bactéria foram Brushkov e Manoush. Relatórios antigos evidenciam os efeitos positivos em casos de injeções em organismos vivos, como as células sanguíneas de humanos, ratos, ou moscas de fruta.

Brushkov acredita que temos nas nossas mãos algo que vive milhões de anos na Terra e que “não devíamos desperdiçar esta oportunidade“.

ZAP // RT / Barcroft TV

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. A Manoush que venha para Portugal que temos cá muitos centenários e vivemos mais de 80 ou 90 anos sem essa bactéria! Pelo menos que se saiba!

RESPONDER

Islândia está a tentar trazer de volta árvores cortadas pelos Vikings

Numa tentativa de reflorestar o país, a Islândia está a tentar trazer de volta as árvores derrubadas pelos Vikings no passado. É o país menos florestado da Europa. As árvores na Islândia são tão raras e …

Parlamento encerra trabalhos com reunião-maratona de sete ou oito horas

O parlamento encerra, na sexta-feira, a legislatura com uma reunião plenária que começa às 09:00, para vários debates e uma “maratona” de votações, e deverá prolongar-se, no total, sete a oito horas, até às 17:00. A …

EUA. Florida recruta insetos para matar plantas invasoras

A Florida, nos Estados Unidos (EUA), está a importar insetos para travar as espécies invasoras que estão a destruir as plantas do Parque Nacional de Everglades. Estes insetos parecem ser menos prejudiciais do que as …

Falcao colocado na órbita do FC Porto

O avançado do Mónaco está a ser apontado pela imprensa francesa como possível reforço do FC Porto. De acordo com o portal Le10Sport, os dragões estão no mercado a tentar garantir a contratação de Radamel Falcao, internacional …

TAP deu prémios em ano de prejuízos quando era totalmente pública

O presidente executivo da TAP disse que os prémios atribuídos relacionam-se com a melhoria de indicadores e que não é a primeira vez que a companhia paga prémios em ano de prejuízos, incluindo quando era …

MP pede à Hungria extensão do Mandado de Detenção Europeu de Rui Pinto

O Ministério Público (MP) pediu à Hungria o alargamento do Mandado de Detenção Europeu (MDE) de Rui Pinto para assim poder acusar o colaborador do Football Leaks por novos factos apurados na investigação relacionada com …

Alcochete. Bruno de Carvalho está na lista internacional de terroristas

Juntamente com os outros 43 arguidos do processo do ataque à Academia de Alcochete, Bruno de Carvalho, antigo presidente do Sporting CP, está na lista internacional de terroristas. A advogada de Fernando Mendes, antigo líder da …

O primeiro golfinho boto-branco ibérico visitou praias de Matosinhos e Porto. Chama-se Gaspar

O primeiro golfinho boto-branco registado na Península Ibérica tem visitado as praias do Porto e de Matosinhos e, além de ser bastante "sociável", os pescadores acreditam tratar-se de uma fêmea por já o terem avistado …

Centro nos EUA com condições "cruéis e ilegais" mantém quase 2 mil crianças detidas

A Amnistia Internacional (AI) denunciou nesta quinta-feira as condições "cruéis e ilegais" em que vivem quase duas mil crianças migrantes, a maior parte desacompanhada, num centro de detenção em Homestead, na Florida, Estados Unidos (EUA), …

Governo vai agravar penalização por uso do telemóvel ao volante

O Governo anunciou esta quinta-feira que está a fazer “alterações cirúrgicas” ao Código da Estrada que passam por agravar a penalização ao uso do telemóvel durante a condução e reduzir o período de notificação das …