Autarquia francesa recusa enterro a bebé cigana

thepeachpeddler / wikimedia

-

A Câmara Municipal da cidade francesa de Champlan, um subúrbio a sul de Paris, negou-se a permitir o enterro de uma bebé da comunidade cigana local, despertando a reacção de activistas dos direitos humanos e controvérsia nos meios políticos.

A criança, de cerca de 3 meses de idade, morreu a 26 de dezembro, vítima de síndrome de morte súbita infantil.

Segundo o jornal Le Parisien, o presidente da Câmara de Champlan, Christian Leclerc, negou o enterro à criança alegando que a cidade está a ficar sem espaço nos cemitérios e que “a prioridade deve ser dada aos que pagam impostos locais”.

A família da bebé, da origem romena, vivia num acampamento em Champlan.

Activistas locais expressaram já indignação. Um porta-voz da associação regional de solidariedade com os ciganos descreveu a decisão do autarca como um caso de “racismo, xenofobia e estigmatização“.

Contactado pela France Presse este sábado, Leclerc não comentou o caso.

Polémica instalada

A presença de ciganos originários do Leste Europeu é mal vista por parte da população e converteu-se numa polémica questão política em França.

Segundo a BBC, a maioria dos cerca de 20 mil ciganos de França vive em acampamentos improvisados.

O país tem uma das políticas mais duras da Europa contra os imigrantes, em particular de etnia cigana, cujos acampamentos são constantemente desmantelados.

Milhares de membros da comunidade cigana são deportados todos os anos, por se considerar que vivem ilegalmente em território francês. Estas deportações despertaram invariavelmente protestos dentro do país e no estrangeiro.

O presidente da Câmara de Wissous, cidade próxima de Champlan, diz que a decisão do autarca vizinho é “incompreensível” e prometeu dar um túmulo à bebé morta, por se tratar de “uma questão humanitária” – e porque “todos têm o direito a um enterro decente”.

Sem sequer ter tido tempo de vida para se aperceber da polémica que lançou, a menina deverá ser enterrada esta segunda-feira, em Wissous.

ZAP / BBC

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. A minha maior curiosidade (pese embora a triste infelicidade do que aconteceu à criança) é saber qual a opinião dessa tal associação regional de solidariedade com os ciganos sobre “o não pagamento de impostos e afins” dessa, digamos, minoria étnica cujos governos das “democracias” ocidentais protegem (ou acobardam-se) perante as ações e prepotências de tais minorias em contribuírem para o bem estar de todos.
    Algum associado/equiparado me pode responder?

  2. Rom; a sua pergunta e comentário é do mais hipocritamente que há! tem pouca formação, e alé disso é xenófobo seu comentário!?leia as noticias e cultive-se, a respeito da corrupção, da sociedade maioritária…e de quem paga ou não impostos! além disso isto é um caso de humanidade, comparando o Rom ao autarca de França!

  3. A Europa não presta.
    A França, Alemanha e mais são países que deviam desaparecer das ditas nações de interesse público, mas é o contrário não prestam. Despois à que de-rei os “atentados” quem paga são os cidadãos que têm trabalho honesto e que se deslocam pra as suas andanças diárias, pois os ditos SRs… esses são os fidalgos dos dinheiros e dos rendimentos dos contribuintes e dizem e fazem só MERDA, SÒ MERDA colegas franceses. É a porcaria da UE, amigos.

RESPONDER

Um planeta do Sistema Solar pode guardar os segredos da misteriosa matéria escura

Uma equipa de investigadores revelou que o planeta gigante Júpiter pode ser a chave para encontrar a indescritível matéria escura.  A natureza da misteriosa matéria escura é um dos maiores mistérios da Física. Interage gravitacionalmente, uma …

No funeral de Filipe, a família real não vai usar uniformes militares "para evitar envergonhar Harry"

No funeral do duque de Edimburgo os membros da família real não vão usar uniformes militares. A quebra na tradição é justificada como medida "para evitar envergonhar" o príncipe Harry. Segundo o The Sun, a decisão …

FBI diz que grupos radicais dos EUA têm fortes ligações com extrema-direita europeia

O diretor do FBI revela que os radicais norte-americanos são os que têm os laços internacionais mais vastos e que se têm deslocado para se encontrarem com outros ativistas. Os norte-americanos de extrema-direita e com motivações …

Nova espécie de pterossauro revela o polegar opositor mais antigo de sempre

Cientistas descobriram uma nova espécie de pterossauro que viveu durante o período Jurássico e que subia às árvores graças aos seus polegares opositores. Esta característica nunca tinha sido observada nestes animais. De acordo com a rede …

Devido ao sucesso da vacinação, Israel põe fim à obrigatoriedade de uso de máscara no exterior

As autoridades israelitas anunciaram hoje que a partir do próximo domingo acabará a obrigatoriedade de uso de máscara no exterior, medida no quadro do levantamento progressivo das restrições ligadas à pandemia de covid-19. Na primavera de …

A rainha Isabel de Castela ficou conhecida por cheirar mal (mas novos documentos põem fim aos mitos)

A famosa rainha Isabel I de Castela, em Espanha, era conhecida por lavar-se pouco e cheirar mal. Contudo, documentos recém-descobertos mostram que possuía uma quantidade enorme de perfumes de grande valor. Isabel I financiou a viagem …

Instagram testa opção que permite ocultar ou mostrar o número de likes

O Instagram vai começar a testar uma nova opção que dá aos seus utilizadores a possibilidade de esconder os likes recebidos nas publicações. Em 2019, a empresa começou por forçar esta mudança, aplicando-a a alguns utilizadores …

Atlético de Madrid: o que aconteceu a João Félix e companhia?

Equipa de Diego Simeone tinha vantagem confortável sobre os dois maiores rivais e, em pouco tempo, só ganhou metade dos pontos que poderia ter ganhado. Ainda lidera mas tem três adversários muito perto. Em Portugal, no …

EUA impõe novas sanções e expulsam dez diplomatas russos. Moscovo promete resposta “inevitável”

O Governo dos EUA anunciou hoje novas sanções financeiras contra a Rússia e a expulsão de 10 diplomatas russos, em resposta a recentes ataques cibernéticos e à interferência na eleição presidencial de 2020 atribuída a …

Rede 5G pode transmitir energia elétrica e substituir baterias

Os investigadores descobriram uma maneira inovadora de explorar a capacidade das redes 5G, transformando-as numa “rede elétrica sem fios” de modo a alimentar dispositivos de Internet das Coisas (IoT) que precisam de baterias para funcionar. Os …