/

Áustria 3-1 Macedónia do Norte | Banco austríaco vale triunfo inédito

Vadim Ghirda / POOL / EPA

A Áustria estreou-se, este domingo, com um triunfo sobre a Macedónia do Norte, por 3-1, no Euro2020, no primeiro jogo do Grupo C da competição, disputado em Bucareste.

Stefan Lainer (18 minutos), Michael Gregoritsch (78) e Marko Arnautović (89) marcaram os golos dos austríacos, com o veterano Goran Pandev (28) a fazer o tento da Macedónia do Norte, que se estreou em fases finais.

No outro encontro da primeira jornada do Grupo C, os Países Baixos jogam hoje, às 20:00, com a Ucrânia, em Amesterdão.

Áustria dominou, soube mexer e foi premiada

A Áustria somou a sua primeira vitória de sempre em fases finais de Campeonatos da Europa, ao bater a estreante Macedónia do Norte por 3-1, num jogo que só ficou decidido no quarto-de-hora final.

Num jogo bem disputado, os austríacos dominaram a maior parte do encontro e marcaram três golos de belo efeito, mas ao intervalo o resultado era de 1-1 e foi preciso Franco Foda recorrer ao banco para fazer entrar Gregoritsch e Arnautović, que assinaram os golos do triunfo.

A Áustria entrou a mandar no jogo e cedo ganhou vantagem, com talvez o melhor golo do torneio até ao momento. Assistência fantástica de Sabitzer e finalização perfeita de Lainer, com um desvio de primeira ao segundo poste.

A comprovar o domínio austríaco nos primeiros 45 minutos, os 59% de posse de bola, as oito acções com bola na grande área contrária e os três jogadores com melhor GoalPoint Rating.

Mas uma carambola levou o jogo empatado para o intervalo. Pandev (quem mais poderia ser) aproveitou para fazer o primeiro golo de sempre da Macedónia do Norte em fases finais, no primeiro remate da sua selecção na direcção do alvo (e único no primeiro tempo).

A segunda parte começou mais dividida, com ocasiões de golo junto das duas balizas, mas com o passar dos minutos o domínio austríaco voltou a acentuar-se. A Áustria terminou o encontro com dez remates, seis deles no alvo, excelentes 22 acções na grande área contrária e 61% de posse de bola. Números que justificaram os dois golos que marcou nos 12 minutos finais. Primeiro numa grande assistência de Alaba para Gregoritsch, depois numa boa combinação entre Laimer e Arnautović.

Melhor em Campo

Começou como central, acabou a assistir para o golo que desempatou o jogo. Estrela da companhia, David Alaba puxou dos galões e foi decisivo no triunfo da Áustria. Além da assistência para o 2-1, mostrou uma eficácia de passe notável (94%), incluindo 11 passes longos acertados em 14 tentados, e totalizou ainda 12 recuperações de posse e 114 acções com bola, ambos máximos do jogo – registou um GoalPoint Rating de 7.6. Os adeptos do Real Madrid devem ter ficado de água na boca…

Destaques da Áustria:

Stefan Lainer 7.3 – Além da finalização perfeita e plena de classe no primeiro golo do jogo, o ala direito do Borussia Mönchengladbach foi, a defender, o “rei” das intercepções no jogo, com quatro, e conseguiu ainda igual número de desarmes. A atacar, quatro cruzamentos e cinco acções com bola na grande área contrária. Excelente exibição, apenas prejudicada pelos cinco mais controlos e os três desarmes sofridos.

Marcel Sabitzer 7.2 – O médio do Leipzig esteve em grande no capítulo do passe: uma assistência, duas ocasiões flagrantes criadas em três passes para finalização, incríveis 11 passes valiosos e dez passes longos acertados em 11. E também contribuiu no capítulo defensivo, com três desarmes.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Destaques da Macedónia do Norte:

Enis Bardhi 6.3 – O extremo-esquerdo do Levante teve o melhor rating entre os jogadores da selecção estreante em fases finais do EURO. Ajudou a defender, com oito recuperações e dois desarmes, e a atacar deu algumas dores de cabeça à defesa austríaca, tendo sido quem mais faltas sofreu na partida (cinco).

Goran Pandev 4.5 – O veterano avançado voltou a fazer história pelo seu país (já tinha sido ele a marcar o golo que colocou a Macedónia do Norte neste EURO 2020), mas viu o seu rating prejudicado pelas 14 perdas de posse, cinco maus domínios de bola e três desarmes sofridos.

Resumo

ZAP // Lusa / GoalPoint

 


CLASSIFICAÇÃO DO GRUPOCalendário de Jogos patrocinado por Solverde

Calendário de jogos no Especial ZAP Euro 2020


Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.