Com a Austrália em chamas, primeiro-ministro diz que não fará cortes “imprudentes” no carvão

Apesar da Austrália estar a ser assolada por uma onda devastadora de incêndios, o seu primeiro-ministro recusa fazer cortes “imprudentes” na indústria do carvão.

Os incêndios florestais na Austrália têm-se intensificado nos últimos dias. A onda de calor que se faz sentir ultrapassou durante vários dias consecutivos recordes de temperatura. Estes incêndios ocorrem todos os anos durante a primavera e o verão na Austrália. Este ano, a temporada de incêndios está a ser particularmente precoce e violenta, e pode ser uma das piores já vividas.

Apesar da situação que o país atravessa, o primeiro-ministro da Austrália garante que não vai fazer ajustes às suas políticas em função do pânico vivido. Mais especificamente, Scott Morrison diz que não vai fazer cortes “imprudentes” na indústria do carvão.

“O que não faremos é adotar medidas destruidoras de empregos e da economia“, disse o primeiro-ministro australiano, citado pelo Expresso. Morrison defende que os incêndios não vêm de forma nenhuma alterar a importância que atribuíam às alterações climáticas.

“Não aceito a sugestão de que a Austrália não está a carregar o seu fardo”, atirou, garantindo que o país está a cumprir com os seus compromissos em reduzir as emissões de gases com efeitos de estufa.

Morrison estava de férias no Havai na altura em que os fogos se começaram a intensificar e, por isso, fez questão de pedir desculpa aos australianos. “Lamento profundamente qualquer ofensa causada a qualquer um dos muitos australianos afetados pelos terríveis incêndios ocorridos durante a minha ausência com a minha família”, disse.

O primeiro-ministro australiano foi criticado por ter tirado férias sem aviso prévio e uma fonte do Governo até disse que as informações de que Morrison estaria no Havai eram incorretas.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Maria de Belém, Paulo Macedo, Adalberto Campos Fernandes. Marcelo chama seis ex-ministros a Belém

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, vai chamar a Belém seis ex-ministros do setor para falar sobre a resposta da Saúde durante a pandemia. De acordo com o semanário Expresso, Marcelo Rebelo de Sousavai …

Pai de Rosa Grilo constituído arguido por suspeita de favorecimento pessoal

O pai de Rosa Grilo, Américo Pina, foi esta quarta-feira constituído arguido num segundo processo relacionado com a morte do triatleta Luís Grilo. Segundo o jornal Público, a notícia foi confirmada por fonte próxima do processo, …

NOS e Vodafone vão partilhar equipamentos de redes móveis

A NOS e a Vodafone fecharam acordos com vista à partilha de infraestruturas e equipamentos de rede móvel, abrangendo as tecnologias 2G, 3G e 4G. A NOS e a Vodafone anunciaram um acordo de partilha de …

Eutanásia começa a ser discutida. Deputados consideram pergunta "confusa" e "não" é quase certo

A discussão sobre a eutanásia começa hoje no Parlamento e estende-se até sexta-feira. A proposta, que conta com o apoio da Igreja Católica, deve ser chumbada, tendo em conta os sentidos de voto já conhecidos, mas …

Cabrita mantém auditoria sobre falhas na GNR e PSP em segredo

A auditoria "Cartografia de Risco", feita pela Inspeção-Geral da Administração Interna (IGAI) que detetou falhas na formação e organização na GNR e na PSP, continua em segredo no gabinete do ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita. Em …

Assassino publicou áudio a dizer que "vingou o profeta". Pai de aluna e dois menores podem ter sido cúmplices

O assassino do professor francês que mostrou caricaturas de Maomé numa aula divulgou uma mensagem de áudio nas redes sociais em que dizia ter vingado o profeta, após publicar uma fotografia da sua vítima, avança …

Avanços e ajustamentos em pezinhos de lã. Sem certezas, Governo tenta aproximar-se à esquerda

A tensão entre o PS e a esquerda já dura há duas semanas. O Governo já fez algumas cedências em troca do "sim" dos parceiros, mas falta a análise que tarda em chegar. Fonte do Governo …

"Bazuca" dá mais mil milhões para "revolução" nos transportes de Lisboa e Porto

O ministro do Ambiente e da Ação Climática, João Pedro Matos Fernandes, diz que estamos perante uma "revolução" que vai mudar muito a circulação das pessoas em Lisboa e no Porto. O dinheiro vindo da União …

"Médicos pela Verdade". Ordem abre processo contra movimento que desvaloriza gravidade da covid-19

A Ordem dos Médicos abriu processos disciplinares a 7 médicos do movimento Médicos pela Verdade, grupo que desvaloriza a gravidade da covid-19 e se mostra contra o uso generalizado de máscaras e de testes de …

"Esta é a crise das nossas vidas". Vieira da Silva diz que chumbo do OE seria "dificilmente compreensível"

O ex-ministro do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, José António Vieira da Silva, elogiou, em entrevista ao jornal ECO, a proposta para Orçamento de Estado para 2021 (OE2021) e disse que seria "estranho" que não …