Ativista pró-armas atingida a tiro pelo filho de quatro anos

(dr) Facebook

-

Uma ativista pró-armas norte-americana foi no início desta semana atingida acidentalmente a tiro pelo filho de quatro anos.

O acidente ocorreu quando Jamie Gilt, de 31 anos, se encontrava a conduzir o seu automóvel, na companhia do filho de quatro anos que ia no banco traseiro.

Segundo a BBC, a criança terá pegado na arma semiautomática de calibre .45 e disparou, ferindo a mãe com um tiro que a atingiu nas costas.

As autoridades locais contam que a mulher foi encontrada por um polícia, depois de este se ter apercebido que a mulher estava ferida e em sofrimento.

O veículo não apresentava sinais de ter sido alvo de disparos do exterior, por isso, a polícia conclui que o tiro se tenha tratado efetivamente de um acidente.

A ativista pró-armas, proveniente da Florida, está neste momento internada e a recuperar do susto.

Gilt defende o direito de os cidadãos norte-americanos poderem ter porte de armas, tendo até uma página no Facebook conhecida por “Jamie Gilt for Gun Sense”.

É através das redes sociais que a ativista promove a sua perspetiva, nas quais publica várias fotos com armas, inclusive na companhia do filho.

Investigadores que estão a trabalhar no caso afirmam que a americana poderá vir a sofrer acusações por parte das autoridades.

“As leis da Florida consideram um delito que uma pessoa guarde ou abandone, num lugar sob o seu controle, uma arma de fogo carregada de modo a permitir que uma criança tenha o seu acesso”, informou a polícia em nota.

ZAP / BBC

PARTILHAR

11 COMENTÁRIOS

  1. Assim coroou com a vida a sua opção de morte. É uma honra morrer pela causa. Deviam todos os que tal defendem proceder em conformidade.

    • Infelizmente a senhora parece que acabou por morrer a caminho do hospital o que é de lamentar e não teve a oportunidade de chegar a qualquer conclusão mas não faltarão outras cabecinhas como a dela nesse país que o poderão fazer por ela.

  2. “Gun Sense”? Gun NonSense! Provavelmente (se sobreviver) vai continuar a defender a razão principal de tantas mortes e violência nos Estados Unidos. Mas o lobby das armas é muito poderoso… E a produção de armas provavelmente (deve ser…) muito mportante para economia americana. Para consumo interno e externo (Iraque, Síria, etc…)

  3. Mas alguém acha, que esta gaja vai mesmo aprender algo com isto???
    Para isso, era necessário ela ter pelo menos, alguns neurónios…

RESPONDER

"Evento raro". Nasceu uma baleia-branca no maior aquário do mundo (e o momento foi gravado)

Whisper, uma baleia-branca de 20 anos, deu à luz uma cria saudável em 17 de maio após uma gravidez de 15 meses, marcando a chegada do mais novo cetáceo do Georgia Aquarium, numa altura em …

Telemóveis são uma ferramenta poderosa contra a desigualdade de género em África

Ao dar às mulheres acesso a informação que, de outra forma, era quase impossível de obter, os telemóveis estão a salvar e a transformar vidas. De acordo com o site IFLScience, o estudo responsável por esta …

Desde março, morreram mais de 100 elefantes no Botsuana. Ninguém sabe porquê

As autoridades do Botsuana estão a investigar a morte de 110 elefantes na região do Delta do Okavango desde março, anunciou esta semana o Ministério do Meio Ambiente, Conservação de Recursos Naturais e Turismo daquele …

Um robô aprendeu a fazer uma omelete. E ficou melhor do que o esperado

Uma equipa de engenheiros da Universidade de Cambridge, no Reino Unido, treinou um robô a preparar uma omelete. Para os investigadores, avaliar se um robô cozinhou uma refeição com sucesso é uma fonte interessante de …

Covid-19 já matou mais no Reino Unido do que os bombardeamentos alemães da II Guerra

A pandemia de covid-19 já matou mais pessoas no Reino Unido do que os bombardeamentos alemães durante a II Guerra Mundial. O novo coronavírus oriundo da China já matou cerca de 50.000 pessoas em território …

Estudo mostra que os cães querem mesmo resgatar os seus donos do perigo

Um novo estudo mostra que os nossos amigos de quatro patas querem realmente salvar-nos em momentos de aflição, mas desde que saibam como o fazer. De acordo com o site Science Alert, os investigadores reuniram 60 cães …

Derek Chauvin foi detido, mas os precedentes mostram que o polícia pode sair impune

Derek Chauvin, o polícia responsável pela morte de George Floyd, foi detido e aguarda a sua primeira audiência. No entanto, há precedentes que sugerem que o agente pode sair impune. Derek Chauvin tem a sua primeira …

Cientistas encontram dois fragmentos do meteorito de Barcelona

Cientistas espanhóis encontraram dois pequenos fragmentos do chamado meteorito de Barcelona, que caiu, há mais de 300 anos, no dia de Natal. No dia 25 de dezembro de 1704, um meteorito rasgou os céus e caiu …

"Pressionaram-me para o denunciar". Higuita recorda amizade com Escobar

A relação de amizade entre René Higuita e Pablo Escobar levou a que o ex-futebolista fosse seguido pelas autoridades. A polícia chegou a pressioná-lo para denunciar Escobar. O antigo internacional colombiano René Higuita é provavelmente uma …

George Floyd. Portugal junta-se às manifestações mundiais contra o racismo

Cinco cidades portuguesas juntam-se hoje à campanha de solidariedade mundial contra o racismo, associando-se à luta pela dignidade humana na sequência da morte, a 25 de maio, do afro-americano George Floyd, sob custódia da polícia …