Atentados no Bataclan: três anos depois, são “cicatriz aberta que não fecha”

quentinchevrier / Flickr

Manifestação pelas vítimas do ataque ao Bataclan

Manter a memória das vítimas “intacta e presente” no espírito de todos os franceses é a missão das associações de familiares e amigos das vítimas dos atentados no Bataclan, ocorridos faz três anos na próxima terça-feira.

A cidade de Paris presta homenagem aos 130 mortos e mais de 400 feridos dos atentados no Bataclan no dia 13 de novembro através de uma cerimónia “sóbria” e uma Torre Eiffel feita de mais 50.000 cartas de condolência enviadas de todo o mundo.

Sofro todos os dias, é uma cicatriz aberta que nunca fechará. Para mim, é um combate diário e uma triste realidade”, disse à Lusa Patrícia Correia, mãe da lusodescendente Precilia Correia, morta no Bataclan.

Patrícia Correia é vice-presidente da associação 13onze15: Fraternité et Vérité, que junta os familiares e amigos de cerca de 350 vítimas.

Esta associação, em conjunto com a associação Life for Paris : 13 novembre 2015 (que agrupa maioritariamente os feridos dos ataques) está a coorganizar a homenagem às vítimas junto da ‘mairie’ [presidência] do 11.º ‘arrondissement’ [bairro] – os ataques do 13 de novembro aconteceram no Stade de France, no Bataclan e em esplanadas à volta da sala de espetáculos, na zona do 11.º ‘arrondissement’ -, em coordenação com a presidência da câmara de Paris e o Governo francês.

A cerimónia será “sóbria”, segundo indica o comunicado da presidência da câmara, mas servirá para lembrar “todas as vítimas no seu conjunto e também na sua diversidade”. Contempla momentos musicais, discursos das associações das vítimas e um lançamento de balões para recordar as vidas perdidas na noite de há três anos.

“Esperamos que a memória reste intacta e que esteja sempre presente nos corações de todos. É um momento que deve ficar inscrito na memória coletiva do país”, disse Patrícia Correia.

A instalação artística foi feita por artistas alemães: uma Torre Eiffel feita de 50.000 cartas de condolências enviadas de todo o mundo, entre desenhos de crianças e cartas de adultos, que ficará em exposição na ‘mairie’ do 11.º ‘arrondissement’ até ao fim do mês de janeiro.

Ao contrário do ano passado, Emmanuel Macron não marcará presença nesta cerimónia sendo substituído pelo primeiro-ministro Edouard Philippe.

A ausência do Presidente foi justificada pela realização em Paris do Fórum da Paz, que trará à capital dezenas de chefes de Estado, mas também porque não quererá fechar-se numa “comemoração permanente”, segundo o jornal Le Figaro.

Patrícia Correia diz compreender a ausência de Macron e que a presença de vários chefes de Estado estrangeiros em Paris “é uma razão forte” que justifica a ausência.

A cidade de Paris está agora a estudar novas formas de homenagem às vítimas, preparando nos próximos anos um monumento evocativo. Também o Governo francês continua empenhado nos esforços de homenagem com a possibilidade de construção de um monumento no Palácio de Justiça para relembrar as vítimas.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

44 jogos seguidos sem ganhar. Mas o presidente não está preocupado

O Atlético Mogi não vence qualquer jogo oficial há mais de quatro anos. Perdeu em 42 desses 44 duelos. 17 de Junho de 2017 foi o último dia em que o Atlético Mogi venceu um jogo …

Autárquicas: António Costa promete que os municípios terão mais mil milhões de euros

O secretário-geral do PS, António Costa, indicou hoje, em Celorico de Basto, no distrito de Braga, que os municípios “vão passar a ter, a partir de abril, mais mil milhões de euros que acompanham a …

Mais de trinta anos após ter sido lançada ao mar no Japão, mensagem em garrafa é encontrada no Hawaii

Durante uma viagem ao Hawaii, uma jovem de apenas 9 anos encontrou uma garrafa que foi lançada ao mar há mais de trinta anos. Esta continha uma mensagem que, posteriormente, acabou por revelar uma experiência …

Mais 939 infeções, sete mortes e nova redução nos internamentos

Portugal registou nas últimas 24 horas mais 939 casos de infeção pelo coronavírus SARS-CoV-2, sete mortes atribuídas à covid-19 e nova redução nos internamentos em enfermaria e cuidados intensivos. De acordo com o boletim epidemiológico da …

Milionário norte-americano Robert Durst condenado por matar melhor amiga

O milionário norte-americano Robert Durst, tornado famoso por um documentário do canal HBO, foi condenado na sexta-feira num tribunal de Los Angeles, nos Estados Unidos, por matar a melhor amiga, um crime que remonta a …

Em Inglaterra, há crianças de 16 anos que vão passar a viver em alojamentos não regulamentados

A 9 de setembro, foi aprovada uma nova lei em Inglaterra, segundo a qual as crianças com 16 e 17 anos podem ser colocadas em alojamentos não regulamentados. O sistema de acolhimento de crianças inglês está …

Suspeitos numa mota sem matrícula dispararam na direcção de candidata do CDS

A candidata do CDS à Junta de Freguesia de Palmela, em Setúbal, foi surpreendida, na noite de sexta-feira, por disparos de caçadeira, protagonizados por "duas pessoas sem capacete", numa mota sem luzes, nem matrícula. O incidente …

Jerónimo diz que conquista de Guimarães só é possível "milho a milho"

O secretário-geral do PCP defendeu, esta sexta-feira, que a presença da CDU na autarquia de Guimarães só pode ser reconquistada “milho a milho”, na noite em que a dirigente do PEV Heloísa Apolónia integrou a …

Parlamento aprovou Constitucional em Coimbra (mas PS ainda pode chumbar a saída de Lisboa)

O Parlamento aprovou, na generalidade, a proposta do PSD para transferir o Tribunal Constitucional (TC) e o Supremo Tribunal Administrativo (STA) de Lisboa para Coimbra. Mas a mudança só poderá ser concretizada depois da votação …

Concluídas obras de segurança e consolidação da catedral de Notre-Dame em Paris

A fase de segurança e consolidação da catedral de Notre-Dame, em Paris, quase destruída num incêndio há mais de dois anos, terminou, dando lugar à etapa de restauro, anunciaram este sábado as autoridades. Em 15 de …