Ataques a petroleiros no mar de Omã “têm a assinatura” do Irão (a culpa é “quase certa”)

David Maxwell / EPA

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump

O Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, disse esta sexta-feira que os ataques a dois petroleiros no mar de Omã, na quinta-feira, “têm a assinatura” do Irão, baseando-se num vídeo entretanto divulgado pelo Pentágono.

“Vemos um barco com uma mina que não explodiu e que tem a assinatura do Irão”, afirmou Donald Trump, numa declaração à estação televisiva Fox, referindo-se às imagens divulgadas pelo Pentágono, que os Estados Unidos dizem mostrar a Guarda Revolucionária iraniana a remover uma mina por detonar de um dos petroleiros atacados no mar de Omã, sugerindo que Teerão estaria a tentar retirar provas do seu envolvimento.

Foi o Irão quem o fez (o ataque aos petroleiros)”, concluiu Donald Trump, apesar de o Irão já ter negado a responsabilidade pelo ataque.

Por sua vez, o ministro dos Negócios Estrangeiros britânico, Jeremy Hunt, afirmou também esta sexta-feira que a responsabilidade pelos ataques na quinta-feira a dois petroleiros no Golfo de Omã é “quase de certeza” do Irão.

“Condeno os ataques contra dois navios no Golfo de Omã. A nossa própria avaliação leva-nos a concluir que a responsabilidade pelos ataques recai quase de certeza no Irão“, afirmou em comunicado o chefe da diplomacia britânica, secundando a posição dos EUA.

Jeremy Hunt apelou ao Irão para que acabe com toda a “atividade desestabilizadora”, sublinhando que o Reino Unido “está em estreita coordenação com os parceiros internacionais para encontrar soluções diplomáticas que visem acalmar as tensões”.

Já a Rússia pediu “moderação” e que “não se tire conclusões precipitadas” após os ataques. “Condenamos veementemente estes ataques qualquer que seja o responsável. Mas é necessário abster-se de tirar conclusões precipitadas”, indicou o Ministério dos Negócios Estrangeiros da Rússia em comunicado.

O Ministério considerou “inaceitável acusar quem quer que seja de estar ligado a este incidente antes da conclusão de uma investigação internacional detalhada e imparcial” expressando a sua preocupação com as tensões no mar de Omã.

“Estamos a testemunhar uma escalada artificial de tensões, em grande parte devido às políticas anti-irão dos EUA”, referiu a mesma fonte, pedindo “contenção” a todas as partes.

Dois petroleiros, um norueguês e um japonês, foram na quinta-feira alvo de um ataque no mar de Omã, em pleno Golfo Pérsico, uma região já sob tensão devido à crise entre os Estados Unidos e o Irão.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Flamengo chega a acordo com o Inter por Gabigol

Flamengo e Inter de Milão já chegaram a acordo para a transferência definitiva de Gabigol, jogador que esteve durante a última temporada na equipa brasileira por empréstimo. Segundo o portal brasileiro Globo Esporte, os dirigentes do …

Espanha quer "assaltar" o lugar de Centeno no Eurogrupo

Nadia Calviño, a número dois do Governo Espanhol, assume-se como favorita para assumir a presidência do Eurogrupo, caso o ministro das Finanças português, Mário Centeno, decida não entrar na corrida. A notícia é avançada esta terça-feira …

Dívidas de hospital de Lisboa travam compra de dois medicamentos para cancro

As dívidas do Centro Hospitalar Universitário de Lisboa Norte, que inclui os hospitais de Santa Maria e Pulido Valente, levaram o Tribunal de Contas (TdC) a chumbar a compra de dois medicamentos para um cancro …

Em 15 dias, foram transferidos 73 milhões da Sonangol para uma empresa de Isabel dos Santos

Em 15 dias, foram transferidos 73 milhões das contas da petrolífera estatal Sonangol no private banking do Eurobic, em Lisboa, para uma empresa de Isabel dos Santos, avança o Correio da Manhã esta terça-feira. …

Livro de John Bolton pode prolongar julgamento de Donald Trump

  Ao segundo dia de defesa dos advogados da Casa Branca no julgamento do impeachment de Donald Trump, caiu uma "bomba" no Senado. O livro escrito por John Bolton, ex-conselheiro de segurança nacional do Presidente dos …

Afinal, Bruno Fernandes pode rumar ao Barcelona (e fazer escala no Valência)

Afinal, o futuro do internacional português Bruno Fernandes pode passar por Espanha e não por Inglaterra, onde foi dado como quase certo. O negócio envolve dois emblemas espanhóis e o avançado ex-Benfica Rodrigo Moreno. De …

Coronavírus já matou 106 pessoas na China. E já chegou à Alemanha

A China elevou para 106 o número de mortos causados pelo coronavírus e o número de infetados já chegou aos quatro mil. Esta segunda-feira, confirmou-se um caso na Alemanha, sendo agora o segundo país da …

Iniciativa Liberal quer privatizar CGD, TAP e RTP

O Iniciativa Liberal quer privatizar a Caixa Geral de Depósitos, a TAP e a RTP. Esta segunda-feira, no Parlamento, o deputado único João Cotrim Figueiredo defendeu ainda a redução do IVA na eletricidade para uma …

PSD convidou BE e PCP para negociar. Teme-se uma "perigosa" coligação negativa no IVA da luz

O PSD está disponível para "conversar" com a esquerda parlamentar para negociar uma solução que permita baixar o IVA da eletricidade. A garantia foi dada por um dos coordenadores do processo orçamental do PSD, Duarte Pacheco, …

Cientistas fazem múmia de 3.000 anos "falar" (e já a podemos ouvir)

Uma equipa de cientistas recriou o som da voz de um antigo padre egípcio com a ajuda de uma múmia com três mil anos e usando uma combinação de tomografias computadorizadas, impressão 3D e uma laringe …