“Ataque ignorante.” Galamba diz que PSD se dedica “a revelar publicamente o desconhecimento da lei”

Tiago Petinga / Lusa

O deputado do Partido Socialista (PS), João Galamba

Em entrevista ao Expresso, João Galamba, garantiu não sentir a sua posição fragilizada com a polémica do lítio e apontou o dedo ao PSD.

João Galamba, secretário de Estado da Energia, afirmou ao Expresso que não sente a sua situação política fragilizada por causa da polémica em torno do lítio. As culpas, atira-as ao Partido Social Democrata (PSD) pela posição que tomou nesta matéria: “O PSD resolveu fazer um ataque demagógico e ignorante.”

“É demagógico porque não tem razão de ser e é ignorante porque revela que o PSD esqueceu os atos que praticou, os contratos que assinou e os direitos que garantiu”, começou por dizer.

“Os direitos da empresa Lusorecursos foram garantidos em 2012 como a leitura do contrato facilmente demonstra. O Estado garante a concessão à Lusorecursos e o pedido da concessão é feito ao abrigo do Decreto-Lei 88/90, que diz explicitamente que quem tem direitos de prospeção e pesquisa tem o direito e a garantia da concessão. E diz também que essa empresa pode também ela indicar sociedade constituída ou a constituir a quem será outorgada a concessão”, explicou Galamba.

Segundo o semanário, Galamba não sente que passou a ser o elo mais fraco do Governo com a polémica do lítio.

“Sinto é que o PSD como tem dificuldade em articular um discurso consistente de oposição dedica-se a revelar publicamente o desconhecimento da lei que o PSD aprovou, o desconhecimento do contrato que o PSD assinou em 2012 e das implicações que esse contrato e essa lei têm para qualquer decisão política após 2012″, justificou.

Sobre o episódio da passada segunda-feira, em que foi vaiado em Boticas, João Galamba garante que não cancelou a visita. “A única coisa que não correu de acordo com o esperado é que não foi possível falar com as pessoas que estavam em Cova do Barroso, porque não estavam particularmente interessadas em falar. Havia total disponibilidade do Governo para falar, mas não foi possível.”

“É totalmente falso que eu não tenha feito a visita, como previsto. E é totalmente falso que eu não tenha continuado a visita. Os manifestantes rodearam o carro, e fugimos para o sítio onde estava previsto que fôssemos, o sítio onde corriam as atividades de prospeção e pesquisa e onde estará situada a mina. E aí falei com pessoas da aldeia mais próxima do sítio onde ficará a mina”, explicou o secretário de Estado ao matutino.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Tensão nas eleições da JSD-Porto levam à intervenção da PSP

Rodrigo Passos foi eleito, no sábado, como novo líder da JSD-Porto, substituindo Rosina Ribeiro Pereira, que deixou algumas palavras duras para comentar o que se passou no ato eleitoral. Segundo o Público, Rosina Ribeiro Pereira, eleita …

Livre não aplica sanção a Joacine, mas condena declarações da deputada

O Livre decidiu não aplicar qualquer sanção disciplinar a Joacine Katar Moreira no seguimento do conflito entre Direção e deputada que surgiu após a polémica abstenção num voto no parlamento sobre uma investida israelita na …

Rio alerta para "claro divórcio entre a sociedade portuguesa e os partidos políticos"

O presidente do PSD, Rui Rio, disse ontem, em Paredes, no distrito do Porto, haver "um divórcio entre a sociedade e os partidos", defendendo que só uma maior "abertura" das estruturas às "pessoas" pode inverter …

Megaoperação de combate à pedofilia detém mais de 30 pessoas

Mais de 30 pessoas foram detidas em onze países no âmbito de uma megaoperação de combate à pornografia infantil realizada pela Europol e pela polícia nacional de Espanha, país onde foram presos mais de metade …

Grandes hotéis acusados de ignorar tráfico sexual. Queixa em grupo relata casos de 13 mulheres

Uma ação judicial deu entrada segunda-feira em Columbus, Ohio, nos Estados Unidos (EUA), com vários grandes grupos hoteleiros a serem acusados de lucrar com o tráfico sexual, ignorando os crimes e os danos nas vítimas. Segundo …

Líder da Birmânia, Suu Kyi, vai a Haia defender o país de acusação de genocídio

A líder birmanesa Aung San Suu Kyi decidiu comparecer perante o Tribunal Internacional de Justiça (TIJ) para defender o seu país da acusação de genocídio contra a minoria muçulmana rohingya, durante uma audiência de três …

Impeachment. Democratas preparam-se para avançar com duas acusações formais contra Trump

Os democratas estarão a planear apresentar esta terça-feira dois artigos de impeachment que acusam Donald Trump de abuso de poder e obstrução do Congresso. De acordo com o jornal norte-americano The New York Times, o Comité …

Esquema de venda de droga na darkweb. Fortuna em bitcoins fica nas mãos do Estado

Pedro e Rita vendiam droga para todo o mundo na darkweb. Agora, a fortuna em bitcoins acabou por ficar nas mãos do Estado. Pedro, um engenheiro informático, e Rita, uma web designer, montaram um esquema para …

CDS e PAN querem regime protetor do denunciante no combate à corrupção

CDS e PAN vão apresentar propostas no combate à corrupção que tem sido discutido desde segunda-feira. Os partidos querem um regime protetor do denunciante. Numa iniciativa de combate à corrupção, o CDS e o PAN vão …

Morreu Marie Fredriksson, vocalista dos Roxette

A cantora sueca Marie Fredriksson, dos Roxette, morreu segunda-feira aos 61 anos, anunciou esta terça-feira a sua manager em comunicado. Marie Fredriksson, vocalista e co-fundadora da banda Roxette, faleceu esta segunda-feira, aos 61 anos. A morte …