Associação Acreditar demarca-se de tourada com João Moura

A Associação Acreditar – Associação de Pais e Amigos de Crianças com Cancro, que seria uma das beneficiárias de um festival taurino em Beja, agendado para 14 de março, que terá João Moura como cabeça de cartaz, demarcou-se do evento.

Em janeiro, de acordo com o Diário de Notícias, já depois de ter saído o programa da corrida, a Acreditar terá informado a organização do evento que não queria ver o seu nome associado, mas os promotores da tourada ignoraram o pedido de demarcação, mantendo o cartaz, em que se pode ver um touro e uma criança, a legenda “Acreditar na Vida” e a indicação de que o evento está a cargo do Centro de Paralisia Cerebral de Beja.

Na quinta-feira, a associação tornou público em comunicado que não apoia nem quer ver o seu nome associado ao evento e não pretende receber donativos.

(dr)

“Em abril do ano passado foi-nos proposta uma ação deste género por um pai de uma criança em tratamento em Coimbra. O avô da criança é o promotor da tourada. No decorrer desta negociação houve várias divergências e acabámos por não assinar nenhum dos protocolos. Não sabíamos sequer quando ia ser a tourada e no início deste ano fomos confrontados com cartazes em que aparece o nosso nome sem que o tenhamos autorizado. Pedimos aos organizadores para retirarem os cartazes, demarcando-nos de qualquer envolvimento neste evento, e recebemos uma carta do organizador a ameaçar que teríamos de pagar para retirar o nosso nome do cartaz”, disse fonte oficial da ACREDITAR, em declarações ao DN.

O avô da criança e empresário tauromáquico, José Manuel Ferreira Paulo, desmente a associação. “Mentem compulsivamente, contando meias verdades deturpadas, omitindo realidades e desvirtuando tudo o que se passou. Ficou acordado a realização do festival taurino e nenhuma condição me foi imposta. Para salvaguardar a minha intenção propus um protocolo que unicamente definia que a ACREDITAR não estava envolvida na organização e que iria receber 80% do lucro do referido festival e que dessa verba a prioridade seria pagar três próteses às amigas da minha neta do centro de Coimbra”, contou ao DN.

“Posteriormente foi-me pedido que no ponto 4 e 8 se fizesse uma alteração ao texto para que a atribuição das referidas próteses se enquadrasse nos critérios da associação. Nada mais desse protocolo foi motivo de discórdia. Não foi assinado porque entreguei com o texto alterado conforme tinha sido proposto e até hoje não nos foi devolvido. Portanto, mentem e insinuam com algo que não é verdade“, prosseguiu José Ferreira Paulo.

“Aquilo que lhes foi dito foi que para haver um incumprimento unilateral do que estava acordado teriam que pagar as despesas efetuadas até ao momento. Aquilo que tiveram foi medo. Medo de uma ou duas plataformas e de uma minoria ruidosa. E falta do que têm os homens para se assumirem como eles antitaurinos”, rematou.

A Acreditar diz que tem “recebido contactos de associações pró-touradas e anti-touradas”. “Estamos a sentir que estamos no meio de uma guerra que não é a nossa e entendemos fazer um esclarecimento público de que não estamos nem de um lado nem do outro. Simplesmente não estamos nesta guerra”, frisou fonte da associação.

A Acreditar está reticente em avançar para uma ação judicial. “Não é uma prática nossa e não estamos a pensar em fazê-lo. Entendemos que todos os recursos da nossa associação, obtidos através de mecenas, doadores anónimos e pais, devem ser utilizados na missão de que nos cumpre fazer: apoiar crianças com cancro e as famílias”, conclui a associação.

João Moura foi detido depois de as autoridades terem encontrado 18 cães subnutridos na herdade do cavaleiro em Monforte, no distrito do Portalegre.

ZAP //

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

RESPONDER

Campo magnético da Terra pode mudar 10 vezes mais rápido do que se pensava

As mudanças na direção do campo magnético da Terra podem ocorrer dez vezes mais rápido do que se pensava até então, sugerem novas simulações levadas a cabo por cientistas da Universidade de Leeds (Reino Unido) …

O buraco negro mais faminto do Universo engole por dia uma massa equivalente à do Sol

No centro do quasar mais brilhante já descoberto "mora" um dos maiores buracos negros que é também o mais "faminto" de todo o Universo: por dia, engole o equivalente à massa do nosso Sol. As …

Cientistas investigam estranho gelo cor-de-rosa num glaciar dos Alpes italianos

Uma equipa de cientistas anunciou esta segunda-feira estar a tentar averiguar a origem de gelo cor-de-rosa num glaciar nos Alpes italianos. O fenómeno deverá ser provocada por algas que aceleram os efeitos das mudanças climáticas. A origem …

Especialistas de 32 países alertam OMS: covid-19 também se transmite pelo ar

Numa carta aberta à Organização Mundial de Saúde, 239 cientistas pedem que a organização reveja as recomendações que tem emitido, alertando para o facto de a covid-19 poder transmitir-se pelo ar. Numa carta dirigida à Organização …

Moreirense 0-0 Sporting | Nulo em jogo de pólvora seca

A 30ª jornada fechou no Minho com um nulo entre Moreirense e Sporting, que continua sem derrotas sob o comando de Rúben Amorim. A formação leonina poderia muito bem ter vencido em Moreira de Cónegos, pois …

Armazém flutuante. A China está a guardar petróleo no mar (e já se sabe porquê)

A China está a guardar uma quantidade épica de petróleo no mar. De acordo com a CNN, o país comprou tanto petróleo estrangeiro a preços baratos que formou um congestionamento maciço de navios-tanque no mar, …

Peregrinos em Meca proibidos de tocar ou beijar a Caaba por causa da covid-19

Os muçulmanos que vão participar na peregrinação a Meca não poderão tocar ou beijar a Caaba nem a "pedra negra", presentes na Grande Mesquita, local considerado como um dos mais sagrados pelo Islão, informaram as …

Países Baixos continuam a abater milhares de martas. 20 quintas afetadas pela pandemia

Esta segunda-feira, as autoridades holandesas abateram milhares de martas em mais duas fazendas onde foram detetados surtos de covid-19. Esta segunda-feira, as autoridades abateram milhares de martas em mais duas fazendas, sendo agora 20 as quintas …

Cientistas criam robô para fazer testes à covid-19 (e proteger os profissionais de saúde)

O Korea Institute of Machinery & Materials (KIMM) desenvolveu um novo robô de coleta remota de amostras que elimina o contacto direto entre os profissionais de saúde e os pacientes, potencialmente infetados com o novo …

"Não use desodorizante". A peculiar estratégia de Berlim para promover o uso de máscaras nos transportes públicos

"Não use desodorizante". Esta é a peculiar campanha adotada pela empresa que controla os transportes públicos em Berlim, na Alemanha, para promover o uso correto de máscaras, evitando assim novos casos de covid-19.  Tal como escreve …