Argelino furou segurança no aeroporto de Lisboa e conseguiu fugir

Sharon Hahn Darlin / Flickr

-

Um cidadão de nacionalidade argelina, que fazia a viagem entre a Argélia e Casablanca, em Marrocos, saiu ilegalmente do aeroporto de Lisboa, encontrando-se em parte incerta.

Em comunicado divulgado esta esta quinta-feira, o Ministério da Administração Interna (MAI) e o Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) confirmaram que o cidadão estrangeiro “furou” a segurança do aeroporto de Lisboa na passada terça-feira.

“O MAI confirma a saída do Aeroporto de Lisboa de um cidadão estrangeiro que estava em trânsito, provindo da Argélia e com destino a Casablanca. Trata-se de uma situação de tentativa de imigração ilegal, tendo sido acionados os necessários mecanismos para estas situações”, é referido no comunicado.

O MAI indicou ainda que não fará mais comentários sobre este caso.

O Jornal de Notícias avançou esta quinta-feira que um cidadão argelino conseguiu furar na terça-feira a segurança no aeroporto de Lisboa e encontra-se em parte incerta, o que deixou em estado de alerta todas as forças policiais”.

Sindicato do SEF alerta para questão de segurança

Este é o segundo caso do género em poucos meses e o Sindicato dos Funcionários do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SINSEF) já reagiu.

No final de julho, quatro homens foram detidos pela PSP no aeroporto de Lisboa por violação das regras de segurança, ao terem tentado fugir ao controlo de passaportes e “numa zona restrita”, mais concretamente na pista de aterragem.

Na altura, a ministra da Administração Interna, Constança Urbano de Sousa, disse que a ação, perpetrada por quatro homens de nacionalidade argelina, não constituiu um ato de terrorismo, mas sim uma “tentativa desesperada de imigração ilegal”.

“Parece um pouco precipitada a explicação de que a fuga no aeroporto de Lisboa (mais uma) de um cidadão, e que, entretanto, já havia sido “barrado”, foi protagonizada por um imigrante ilegal”, sublinha o SINSEF em comunicado.

“Como se pode afirmar tal, se o individuo em questão ainda não foi capturado e, como tal, interrogado? Mas mesmo que tal aconteça, o caso é seriamente grave. Se é tão fácil a um qualquer cidadão, sem apoio exterior, ludibriar a polícia de fronteira, o que não dizer dos que, eventualmente, tenham outro tipo de intenções e que, como tal, possuam redes de apoio bem montadas”, questionou o sindicato.

O SINSEF considerou tratar-se, efetivamente, de uma questão de segurança.

“E o que é paradoxal é que, aparentemente, pretende-se tornar o SEF numa simples polícia de imigração, ignorando os 50% dos seus funcionários que asseguram metade da missão confiada ao serviço, essenciais para que as medidas de segurança se afigurem eficazes”, refere-se no comunicado.

ZAP / Lusa

PARTILHAR

6 COMENTÁRIOS

  1. Que seja preso e mandado para a terra dele. E que as autoridades tenham maior controlo nos aeroportos, porque está a segurança dos portugueses em jogo.

    • O DAESH já informou que os vai fazer entrar em Portugal e Espanha através de Marrocos e Mauritânia e é mais que certo que a continuarem a entrar em Portugal desta maneira, não vai tardar estamos com graves problemas.

  2. A população exige saber o que aconteceu aos anteriores quatro (4) argelinos. Continuam cá ilegais ou estão a ser tratados com todo o carinho pelo acto terrorista que cometeram? Anda por aí sem se saber, ao certo, ao que veio? Sendo migrante ilegal deverá ser remetido à procedência. Pobreza já nós cá temos muita, além da criminalidade que aumenta a olhos vistos.
    Srª Ministra A. I. menos complacência com esta esta exige-se já que os tempos não estão para tomadas de posição desastrosas.
    Que outros países da UE sirvam de exemplo ao que se anda a passar.

  3. No final de julho, quatro homens foram detidos pela PSP no aeroporto de Lisboa por violação das regras de segurança, ao terem tentado fugir ao controlo de passaportes e “numa zona restrita”, mais concretamente na pista de aterragem.

    Na altura, a ministra da Administração Interna, Constança Urbano de Sousa, disse que a ação, perpetrada por quatro homens de nacionalidade argelina, não constituiu um ato de terrorismo, mas sim uma “tentativa desesperada de imigração ilegal”.Isto só mesmo quando cair um avião é que se toma medidas, mas mal das vitimas.

  4. O SEF deve ser uma mera policia de imigração.

    A SEGURANÇA deve ser feita por quem tem competência real para isso.

    Que depois Portugal seja o país das bananas, é outra história, infelizmente verdade.

RESPONDER

"Matem-nos". Presidente das Filipinas autoriza disparos contra quem violar quarentena

O Presidente das Filipinas, Rodrigo Duterte, ordenou aos agentes da polícia e aos militares que disparem sobre qualquer pessoa que esteja a causar "problemas" durante o isolamento obrigatório, decretado devido à da pandemia de Covid-19. De …

Há mais de nove mil casos de covid-19 em Portugal. Número de recuperados sobe para 68

Um mês desde o primeiro teste positivo confirmado do novo coronavírus no país, Portugal tem um total de 9.034 casos confirmados de Covid-19, segundo o Relatório da Direção Geral da Saúde sobre a situação epidemiológica …

Ramalho Eanes: "Nós, os velhos, se for necessário oferecemos o nosso ventilador"

O antigo Presidente da República apelou aos mais "velhos", como ele, para darem o exemplo neste combate ao coronavírus, caso Portugal passe por uma situação semelhante à de Itália ou Espanha. Em entrevista à RTP, o …

"Profundamente preocupados". 13 países enviam recado a Viktor Orbán

Portugal e mais 12 países, entre os quais França, Bélgica e Espanha, garantiram, numa declarações conjunta, que apoiam a iniciativa da Comissão Europeia para verificar se as medidas de emergência implementadas respeitam os valores europeus. Os …

Da gripezinha ao "problema mundial". Bolsonaro fala com Trump e anuncia mais medidas

Jair Bolsonaro mudou de tom. Esta quarta-feira, o Presidente brasileiro anunciou um novo pacote financeiro de apoio a medidas para "manutenção de empregos", uma das suas maiores preocupações diante da pandemia de covid-19. O Presidente brasileiro, …

Bale não abdica de salário milionário e quer ficar em Madrid

Bale vai rejeitar todas as propostas que receber para sair do Real Madrid no final da temporada. O jogador não aceita uma redução do seu salário de 19 milhões de euros anuais. Gareth Bale não tem …

"Abuso da força é recorrente". Imprensa ucraniana levanta suspeitas sobre o SEF no aeroporto de Lisboa

A imprensa ucraniana tem estado a dar grande destaque à morte de Igor Homenyuk nas instalações do aeroporto de Lisboa. Em causa está a morte de um cidadão ucraniano que desembarcou no aeroporto de Lisboa, com …

Benfica pagou 34,2 milhões em comissões a intermediários. Sporting gastou metade

Entre os clubes portugueses, o Benfica foi quem mais gastou em comissões a intermediários. O FC Porto gastou 23,7 milhões de euros e o Sporting CP desembolsou 15,9 milhões. O SL Benfica foi o clube português …

EUA atingem recorde diário de 884 mortes. Quarentena chega aos campos de refugiados

Os Estados Unidos são, atualmente, o país do mundo com o maior número de casos de infeções pelo novo coronavírus: mais de 210 mil infetados. Os Estados Unidos registaram, esta quarta-feira, um novo recorde diário de …

UEFA decide: Ligas europeias têm até 3 de agosto para terminarem

As principais ligas europeias de futebol têm até ao dia 3 de agosto para encerrar a atual época, tendo a UEFA deixado nas mãos de cada federação a decisão de retomar ou dar por terminados …