App da Huawei permite que cegos possam “ver” as emoções de outras pessoas

Nas conversas cara-a-cara, é possível avaliar o humor da outra pessoa vendo as suas expressões faciais. Este é um desafio constante para os cegos e é por isso que a Huawei desenvolveu a app “Facing Emotions”.

A empresa chinesa criou uma aplicação que traduz expressões faciais em sons, para que pessoas cegas consigam “ver” as emoções daqueles com quem conversam. Criado em parceria com a Polish Blind Association, a app para Android foi projetada especificamente para uso no smartphone Mate 20 Pro da Huawei.

Quando o utilizador cego fala com outra pessoa, as câmaras traseiras do telefone fazem um scan ao rosto da pessoa. Utilizando algoritmos baseados em inteligência artificial, a app presta atenção especial a recursos como os olhos, nariz, sobrancelhas e boca, e suas posições em relação uns aos outros.

Com base nesses dados, o programa é capaz de discernir sete emoções básicas e permitir que o utilizador invisual saiba qual delas a outra pessoa está a exibir, representando essa emoção como uma das sete músicas correspondentes.

As músicas curtas, simples e não-intrusivas foram criadas pelo compositor cego Tomasz Bilecki, com participantes invisuais, que alegam que são fáceis de lembrar e entender.

“Os sons que queria criar tinham de ser específicos para cada emoção e não distrair os utilizadores das suas conversas”, disse o compositor à plataforma Dezeen.

As músicas podem ser ouvidas através dos altifalantes do telefone ou, mais discretamente, através de auriculares de ouvido.

Para facilitar a utilização, foi também desenvolvido um suporte para o telemóvel: uma pequena bolsa deve ser utilizada ao pescoço para segurar o telemóvel junto ao peito, fazendo com que este esteja apontado para o interlocutor sem que seja necessário utilizar as mãos.

A app “Facing Emotions”, que funciona totalmente em tempo real e offline, pode ser adquirida na loja do Google Play.

Esta não é a primeira app que pretende ultrapassar as barreiras com que as pessoas cegas se deparam. A Samsung, juntamente com o Instituto Fraunhofer, da Alemanha, já desenvolveu anteriormente apps de leitura de emoções.

Em 2016, foi criada a Blind Tool, uma app que também utiliza a câmara fotográfica do telemóvel para descrever objetos a pessoas cegas.

Em 2018, investigadores da Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (UTAD) e do Inesc Tec criaram uma bengala eletrónica que, através da interação com uma aplicação, obtém a localização do utilizador, armazena informação geográfica, calcula rotas e comunica pontos de interesse.

Também a Google anunciou, para breve, o lançamento de uma nova aplicação pensada para pessoas cegas ou com deficiência visual: a Lookout. A app oferece informação relevante para a atividade do utilizador, através de avisos orais, que pretendem alertar para a existência de pessoas, textos ou pessoas no ambiente circundante.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Defeito nos travões força Metro do Porto a andar devagar. Falha foi detetada há um ano

O descarrilamento de um metro na estação de Campanhã foi provocado por um defeito nos patins eletromagnéticos. A avaria afeta vários veículos da frota do Metro do Porto. No passado dia 2 de janeiro, uma falha …

Soares da Costa acusada de ajudar hotel-fantasma a "sacar" 1,2 milhões de euros ao Estado

A Soares da Costa e dois ex-responsáveis de um dos maiores grupos de construção civil portugueses estão acusados de fraude e de branqueamento de capitais num processo judicial que envolve um hotel-fantasma, que nunca foi …

Chega vai organizar angariação de fundos para a pediatria do S. João (mas hospital não sabe de nada)

O partido Chega, liderado por André Ventura, vai realizar um jantar no Mercado Ferreira Borges, no Porto, esta sexta-feira, e anunciou que parte da receita reverte para o serviço de Oncologia Pediátrica do S. João. …

Isabel dos Santos também sai da Efacec. Era "o negócio mais vulnerável" da empresária em Portugal

A Efacec anunciou, nesta sexta-feira, que Isabel dos Santos decidiu "sair da estrutura accionista" da empresa, "com efeitos definitivos". Uma decisão que surge no âmbito do "Luanda Leaks" que implica a empresária no desvio de …

Há pessoas a fingir serem funcionários da Segurança Social

A Segurança Social está a alertar para situações de fraude e roubo por pessoas que se fazem passar por funcionários que prometem prémios. Esta sexta-feira, o Instituto da Segurança Social alertou para situações de fraude e …

Já chegaram à Assembleia da República quase 600 propostas de alteração ao Orçamento

Nos serviços do Parlamento já deram entrada quase 600 propostas de alteração ao Orçamento do Estado para 2020. A esquerda domina a lista de mudanças. O PCP foi o partido que mais alterações colocou em cima …

Brexit já recebeu luz verde da Comissão e do Conselho Europeu

A presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, e o presidente do Conselho Europeu, Charles Michel, formalizaram esta sexta-feira o Acordo de Saída do Reino Unido da União Europeia (UE), faltando agora apenas a …

Isabel dos Santos esteve em Portugal, mas saiu na hora da reunião entre procuradores

No mesmo dia, Isabel dos Santos chegou e saiu de Portugal, onde esteve em Lisboa para conceder "plenos poderes" aos seus representantes legais no processo de alienação do capital do Eurobic. Isabel dos Santos esteve em …

Invencível fora de portas. Benfica é quase caso único nas grandes ligas

O Benfica é uma das três equipas das grandes ligas europeias que ainda não perdeu fora de casa para o campeonato, esta temporada. As 'águias' venceram todos os oito jogos. Jogar em casa costuma ser um …

Guterres enumera os "Quatro Cavaleiros do Apocalipse" que desestabilizam o mundo

António Guterres listou, esta quinta-feira, os "Quatro Cavaleiros do Apocalipse" que causam incerteza e instabilidade: mudança climática, desconfiança da população, tensões geopolíticas e ameaças tecnológicas. O secretário-geral da ONU identificou esta quinta-feira, numa intervenção em Davos, …