Arcebispo sul-africano denuncia apartheid da vacina contra a covid-19

O arcebispo sul-africano Thabo Cecil Makgoba diz que a escassez de vacinas contra a covid-19 na África do Sul faz lembrar o apartheid e pede ajuda a Joe Biden.

O programa de vacinação da África do Sul previa que se usasse a vacina da Oxford/AstraZeneca. No entanto, a sua administração foi suspensa no país na semana passada, uma vez que mostrou oferecer proteção mínima contra a variante sul-africana, que representa 90% dos casos do país.

Assim, na África do Sul, quase ninguém foi vacinado até ao momento, embora seja um dos países com a maior taxa de letalidade pela covid-19.

“Esta crise realmente faz-me lembrar o apartheid”, atirou o arcebispo sul-africano Thabo Cecil Makgoba. “Estas vacinas que estão disponíveis para o norte global e para o ocidente e disponibilizadas pela Moderna lembram-me que estamos a dizer, como o apartheid, ‘Ei, vocês não são humanos o suficiente. Esperem um pouco'”.

O apartheid foi um regime de segregação racial implementado na África do Sul em 1948 pelo pastor protestante Daniel François Malan — então primeiro-ministro —, e adotado até 1994 pelos sucessivos governos do Partido Nacional, no qual os direitos da maioria dos habitantes foram restringidos pela minoria branca no poder.

Thabo Cecil Makgoba aconselha o Presidente dos EUA, Joe Biden, a usar a imensa riqueza e poder do país para garantir que a África do Sul e outros países que precisam desesperadamente de uma vacina eficaz contra o coronavírus tenham acesso a ela.

“Eu diria ao presidente Biden: você tem uma oportunidade incrível de ser uma força do bem no mundo”, disse Makgoba ao The Intercept. “Portanto, estamos a apelar para que olhem para aqueles que estão a sofrer e garantam que haja acesso, especialmente no sul global, a esta vacina que salva vidas”.

Makgoba está a pedir especificamente que a administração Biden torne a vacina Moderna disponível na África do Sul. O governo norte-americano tem o direito de anular uma patente a qualquer momento, desde que a empresa receba uma “compensação razoável”.

Daniel Costa Daniel Costa, ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Não é necessário incomodar o Biden.
    O Papa Francisco vai doar uns milhões de euros para pagar as doses à África do Sul.
    Mas é só à África do Sul!
    Para os outros, a OMS que as pague.
    Aliás…quantas vacinas é que a OMS já forneceu aos países pobres?
    E a China? Hã?

  2. Realmente dá náuseas este choradinho constante dos que querem viver de mão estendida. Caros sul-africanos, norte-asiáticos, centro-americanos, o que quiserem… vocês não são mais do que os outros. Porque diabo os outros é que têm que produzir as vossas vacinas? E talvez oferecê-las? E talvez até produzi-las antes das que são necessárias nos países onde são produzidas? Caramba, mas será que entendem que igualdade não é privilégio? Palhaços.

RESPONDER

Fauci prevê que seja retomado o uso da vacina da Johnson & Johnson nos EUA

Anthony Fauci prevê que o regulador norte-americano ponha fim à pausa temporária do uso da vacina da Johnson & Johnson (J&J) contra a covid-19. Acrescentou ainda que acredita que a decisão será tomada até sexta-feira. "A …

Relatório secreto aponta o dedo à CMVM, auditoras e Angola na queda do BES

O Banco de Portugal não será o único culpado pela queda do BES. O Relatório Costa Pinto aponta o dedo à CMVM, à KPMG e PwC, e ao Banco Nacional de Angola. O Relatório Costa Pinto …

Ventura vai "atrás" de Costa (e espera um milhão de votos nas legislativas)

O Chega organizou, este domingo, uma manifestação contra a ilegalização do partido. André Ventura sublinhou que o partido não tem medo e que "só o povo" pode fazê-lo. O presidente do Chega afirmou, este domingo, que …

Juiz-Anti-Confinamento

"Pelos castelos de Portugal" em protestos ilegais, juiz anti-confinamento não pode ser detido

O juiz Rui Fonseca e Castro, que se tornou conhecido pela postura anti-confinamento tem reunido vários apoiantes em protestos sem máscaras e sem distanciamento social. Mas, apesar da detenção de alguns desses apoiantes, o magistrado …

Navalny. Ministros europeus analisam situação de opositor russo

Os ministros dos Negócios Estrangeiros europeus vão analisar a situação de Alexei Navalny, opositor à Presidência russa cujo estado de saúde se agravou devido à greve de fome que iniciou na prisão, anunciou este domingo …

Espanha aprova lei para proteger as crianças contra a violência. Decisão é pioneira a nível mundial

Espanha está a pouco mais de um mês de dar um passo importante em prol da defesa dos direitos sociais dos cidadãos. O Congresso dos Deputados aprovou na passada quinta-feira o projeto de lei de …

Linhas do tempo da monarquia. Pela primeira vez, Portugal vai ter um Plano Ferroviário

Pela primeira vez, Portugal vai ter um Plano Ferroviário Nacional (PFN). Esta segunda-feira, é dado o pontapé de saída para o debate nacional sobre a ferrovia. Em declarações à TSF, o ministro das Infraestruturas, Pedro Nuno …

Sporting volta à carga por Yaremchuk, mas tem concorrência de Paulo Fonseca

Roman Yaremchuk volta a entrar na equação do Sporting. O avançado ucraniano leva 20 golos esta temporada e pode ser reforço para a próxima temporada. O Sporting CP não desiste de procurar opções para o ataque, …

Atraso de três meses do Governo terá facilitado venda de barragens da EDP

O Ministério do Ambiente demorou quase três meses a pedir uma avaliação do negócio das seis barragens da EDP à Engie, o que terá facilitado o processo de venda. Em 30 de julho de 2020, a …

Marques Mendes acredita que Sócrates tem ajudado a extrema-direita a crescer

Segundo Luís Marques Mendes, José Sócrates "tem dado um contributo enorme, enorme, enorme para o crescimento da extrema-direita em Portugal". No seu habitual espaço de comentário no Jornal da Noite da SIC, Luís Marques Mendes defendeu …