“Nesta legislatura, andámos a recuperar aquilo que tinha sido destruído”

Miguel A. Lopes / Lusa

O primeiro-ministro, António Costa

O secretário-geral do PS, António Costa, promete que, na próxima legislatura, o partido vai “fazer o avanço de que o SNS precisa”.

O secretário-geral do PS, António Costa, defendeu este domingo que quem quer a vitória do partido nas legislativas, “só tem um voto a dar” e é no Partido Socialista para que este continue “a mudança de política” iniciada há quatro anos.

“Quem quer uma vitória do Partido Socialista só tem um voto a dar: é o voto no PS para dar força ao PS para continuar a mudança de política que iniciámos há quatro anos e que tem que seguir agora com mais vigor para podermos fazer ainda mais e ainda melhor”, disse António Costa, num comício em Beja.

As declarações de Costa surgem um dia depois de a coordenadora bloquista, Catarina Martins, em entrevista à Lusa, ter defendido que nas eleições legislativas de 6 de outubro o voto útil dos socialistas que não querem maioria absoluta é no Bloco de Esquerda.

O líder do partido disse que os socialistas têm “motivos para se alegrarem” com as sondagens, mas acrescentou que já aprendeu na vida política que “nunca ninguém ganhou eleições nas sondagens, as eleições perdem-se ou ganham-se nas eleições“.

Em Beja, tal como já tinha feito num almoço comício em Évora, António Costa dedicou a maior parte do discurso ao Serviço Nacional de Saúde (SNS), que completou 40 anos neste domingo. “Nesta legislatura, andámos [Governo PS] a recuperar aquilo que tinha sido destruído, na próxima legislatura vamos fazer o avanço de que o SNS precisa para servir ainda mais e melhor as portuguesas e os portugueses.”

“Quando celebramos [PS] os 40 anos do SNS, não olhamos para o SNS com saudosismo ou só pelo muito que lhe devemos do passado, olhamos para o SNS com a consciência de que tem ainda muitos problemas e que há muitos problemas para resolver”, sublinhou.

No discurso, António Costa também falou das três principais reivindicações da população do distrito de Beja, nomeadamente o aproveitamento do aeroporto local, a melhoria das acessibilidades rodoviárias e a eletrificação do troço ferroviário da Linha do Alentejo entre Casa Branca e Beja, que permite a ligação de comboio a Lisboa.

“Quando olhamos para o que acontece no aeroporto de Beja só podemos mesmo dizer: é preciso fazer mais, é preciso fazer melhor, porque não nos conformamos com o que acontece no aeroporto de Beja”, afirmou. “Já quando vemos o atraso no desenvolvimento dos acessos rodoviários aqui no distrito nós dizemos: é preciso fazer mais, é preciso fazer melhor, porque não nos conformamos com o estado em estão os acessos rodoviários ao distrito de Beja”, disse António Costa.

Lembrando que o Governo PS inscreveu “no plano nacional de infraestruturas que a eletrificação da ligação ferroviária entre Casa Branca e Beja seria entre 2021 e 2025”, António Costa disse que a “ambição” do PS é de a “poder fazer em menos tempo, mas nunca, nunca mais atrasar essa obra, que já tarda há muito” em ser concretizada.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Gabriel confirma recuperação. "Pronto para voltar aos relvados"

Recorrendo às redes sociais, o médio brasileiro do Benfica Gabriel confirmou que já recuperou da lesão ocular e que se encontra pronto para voltar aos relvados. "Estou recuperado e pronto para voltar aos relvados graças …

Défice está a agravar-se. Medidas contra a pandemia custaram 660 milhões ao OE

O défice orçamental em abril agravou-se em 341 milhões de euros, quando comparado com o mesmo mês do ano passado. Os impactos da pandemia de covid-19 já se estão a fazer sentir. De acordo com os …

Equipas da I Liga vão poder fazer cinco substituições até ao final da época

As equipas da I Liga vão poder fazer cinco substituições e ter nove jogadores suplentes nos restantes encontros da edição 2019/20, anunciou a Liga de clubes. "No remanescente da época desportiva 2019/20, os clubes devem designar …

António Costa avisa TAP. Plano de rotas "não tem credibilidade"

O primeiro-ministro considera que a Comissão Executiva da TAP tem o dever legal de "gestão prudente" e "não tem credibilidade" um plano de rotas sem prévia informação sobre a estratégia de reabertura de fronteiras de …

Acordo iminente entre FC Porto e PSG por Alex Telles. Dragões encaixam 25 milhões

O desportivo A Bola garante esta quarta-feira que está praticamente alcançado o acordo para a para a transferência de Alex Telles do FC Porto para o PSG. De acordo com o jornal, o negócio que levará …

Líder do CDS não descarta coligações com o Chega (nem apoio a Marcelo nas Presidenciais)

Francisco Rodrigues dos Santos disse, esta quarta-feira, que os "partidos à direita do PS" devem ter as mesmas ferramentas que a geringonça. Por esse motivo, não descarta coligações com o Chega. Numa entrevista à TSF, o …

Sem contrato com Estado, CP só tem dinheiro até junho

A CP - Comboios de Portugal enfrenta dificuldades de liquidez, não só por causa do impacto económico da pandemia, mas também porque o Estado ainda não pagou a respetiva compensação anual pelo serviço público prestado. De …

Encontradas ruínas de uma cidade chinesa construída há 5.300 anos

As ruínas de uma antiga cidade chinesa com 5.300 anos foram encontradas por uma equipa de investigadores. A descoberta revela um planeamento urbano sem precedentes. Uma equipa de investigadores encontrou as ruínas de uma antiga cidade …

Twitter coloca alerta de "verificação de factos" em publicações de Donald Trump

O Presidente dos Estados Unidos rejeitou na terça-feira a interferência do Twitter na "liberdade de expressão" que a rede social exerceu diretamente contra um texto publicado, através do novo processo de verificação de mensagens. "O Twitter …

PSP detém dois polícias suspeitos de integrar grupo criminoso violento

Dois polícias foram detidos numa operação que a PSP está a realizar, esta quarta-feira, em várias zonas do país, em particular em Lisboa e em Setúbal, no âmbito de uma investigação sobre um grupo criminoso …