Afinal, a altura não depende apenas dos nossos genes

Vários especialistas em genética e biologia celular defendem que a altura não só depende dos genes transmitidos pelos nossos pais, mas também de fatores ambientais, como a dieta.

Muitas vezes consideramos a nossa altura imutável, determinada apenas pela nossa constituição genética, até porque, por norma, pais altos têm filhos altos, escreve o portal Science Alert.

Mas será que a altura pode ser influenciada por fatores ambientais, como a dieta? De acordo com quatro especialistas em genética, genómica e biologia celular, sim.



“Há muitas evidências de que a altura aumenta com o tempo, quando os países se industrializam e/ou ficam mais ricos. Essa mudança deve ser ambiental porque os fatores genéticos não mudam em curtos períodos de tempo (por exemplo, décadas)”, disse Peter Visscher, especialista em genética da Universidade de Queensland, na Austrália.

“Os fatores ambientais específicos mais prováveis são a abundância de alimentos e os melhores cuidados de saúde”, acrescentou.

E a verdade é que vários estudos já destacaram a forma como a dieta afeta a altura. Saverio Alberti, especialista em genética da Universidade de Messina, em Itália, explica que isso se verificou na “altura dos recém-nascidos durante o ano de 1944”, em que houve fome na Holanda.

As crianças que nasceram e cresceram durante essa época eram cerca de 4 centímetros mais baixas do que a altura média na Holanda.

Qual é o papel da genética?

É geralmente aceite que cerca de 80 por cento da altura é influenciada pela genética. Enquanto o ADN determina a potencial altura máxima, os fatores ambientais determinam se se atinge esse máximo, ou não.

Por este motivo, em países onde a desnutrição é prevalecente em crianças, é difícil prever a altura que uma pessoa irá atingir através da genética. Por outro lado, em países com nutrição adequada, é possível prevê-la com aproximação de três centímetros, recorrendo apenas aos genes.

Além disso, é provável que haja uma altura fisiológica máxima que podemos alcançar, acima da qual o nosso coração não seria capaz de bombear sangue eficazmente para o corpo todo.

Pensa-se que esse limite seja à volta dos 2,70 metros, que é a altura da pessoa mais alta de todos os tempos, Robert Wadlow.

A altura média global aumentou de forma constante ao longo de centenas de anos, mas estabilizou há cerca de 30 anos.

“É razoável supor que haja um limite superior para a altura média, em que os fatores nutricionais e de saúde são ideais. Mas também foi levantada a hipótese de que as mudanças recentes no estilo de vida podem estar a impedir novas mudanças na altura média dos humanos”, disse Eirini Marouli, especialista em genética e estatística da Queen Mary University, em Londres.

“Assim, fatores adicionais que influenciam a altura podem incluir alterações na saúde, nutrição e status socioeconómico. A altura [máxima] pode ter atingido seu limite? Só o tempo pode realmente dizer”, continuou.

O homem mais alto do mundo é Sultan Kosen, de 35 anos, que mede 2,51 metros. Jyoti Amge, de 24 anos, mede apenas 62,8 centímetros e é considerada a pessoa mais baixa. Ambos estão no Livro de Recordes do Guinness.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Não, também depende dos promotores de crescimento que muitos criadores usam, apesar de ilegais, e que foram usados legalmente durante décadas

RESPONDER

O Projeto Galileu quer provar a existência de aliens através da tecnologia deixada para trás

Investigadores vão centrar o seu trabalho na procura de objetos físicos associados a equipamento tecnológico extraterrestre, em oposição às pesquisas anteriores que se focaram em sinais eletromagnéticos. Um grupo de investigadores de Universidade de Harvard está …

O tesouro dos Templários pode estar escondido debaixo de uma casa em Inglaterra

Um historiador inglês alega que um edifício histórico em Burton, em Inglaterra, é onde está escondido o lendário tesouro dos Templários. Existem várias lendas sobre um tesouro que alguns templários conseguiram esconder do rei francês Filipe …

O núcleo interno da Terra está a crescer mais de um lado do que do outro

O núcleo interno da Terra está a crescer mais de um lado do que do outro. No entanto, isto não quer dizer que o nosso planeta esteja a ficar inclinado. Mais de 5.000 quilómetros abaixo de …

Incêndios devastam sul da Europa e obrigam a retirar moradores e turistas

Dezenas de aldeias e hotéis foram este domingo evacuados nas zonas turísticas do sul da Turquia devido a incêndios que começaram há cinco dias e já mataram oito pessoas no país, devastando também regiões da …

Há uma empresa a transformar as cinzas de entes queridos em diamantes

Uma empresa norte-americana transforma cinzas de entes queridos — e animais de estimação — em diamantes, que podem ser colocados em anéis ou colares. Lidar com a morte de um ente querido é sempre uma altura …

Pianista de aeroporto ganhou 60 mil dólares em gorjetas

Tonee "Valentine" Carter, que toca piano num aeroporto norte-americano, ganhou 60 mil dólares (cerca de 50.800 mil euros) depois de um estranho partilhar um vídeo seu a tocar. Tonee "Valentine" Carter, de 66 anos, não é …

Youtubers denunciam campanha de fake news contra vacina da Pfizer

De acordo com a imprensa brasileira, uma agência de marketing terá tentado que influenciadores digitais de todo o mundo partilhassem desinformação sobre as vacinas contra a covid-19. A denúncia foi feita por alguns dos influenciadores …

Na Tailândia, a legalização do aborto enfrenta "resistência espiritual"

Desde fevereiro, qualquer pessoa que procure fazer um aborto na Tailândia consegue fazê-lo legalmente, pelo menos no primeiro trimestre. Ainda assim, muitos médicos e enfermeiros recusam-se a levar a cabo o procedimento. A advogada Supecha Baotip …

Haiti. Viúva do presidente assassinado implica seguranças no crime

Martine Moise, a viúva do presidente haitiano Jovenel Moise — assassinado na sua residência por um comando armado no início de julho — descreveu abertamente o ataque e partilhou as suas suspeitas sobre o crime …

Covid-19. Portugal regista 2.306 novos casos e aumento nos internados

Portugal registou este domingo 2.306 novos casos de infeção por covid-19 e mais oito mortes, segundo o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS).  Portugal regista este domingo oito mortes atribuídas à covid-19, 2.306 novos casos …