”Números preocupantes”. Alemanha regista recorde de crimes imputados à extrema-direita

A Alemanha registou no ano passado um número recorde de crimes imputados a movimentos de extrema-direita, que continua a ser “a maior ameaça à segurança do país”, anunciou hoje o ministro do Interior, Horst Seehofer.

Os crimes vão desde assassínios, como os de nove jovens de origem estrangeira em Hanau (centro), em fevereiro de 2020, até à incitação ao ódio racial ou saudações ao antigo líder nazi Adolf Hitler.

As estatísticas oficiais referem mais de 23 mil casos, em 2020, um aumento de 5,7% relativamente a 2019, segundo o ministro, que explicou que essas ofensas representam mais de metade dos crimes de motivação política (44.692) perpetrados na Alemanha, atingindo níveis recorde desde 2001, quando começou a ser feita a contabilidade.

O anúncio acontece no dia em que a polícia de Berlim deteve um cidadão de 53 anos, acusado de ter enviado dezenas de cartas ameaçadoras e políticos, advogados e jornalistas, assinadas com a siga de um grupo neonazi.

A polícia apreendeu um disco rígido criptografado com dados que podem ajudar à investigação, que aponta no sentido de mais um caso de criminalidade política, neste caso ligado a um grupo que foi responsável por uma série de ofensas violentas entre 1998 e 2011, incluindo mortes por motivos raciais.

“Há claramente tendências de aumento de violência no nosso país”, lamentou Horst Seehofer, denunciando também o aumento dos crimes cometidos pela extrema-esquerda e por islamitas.

“Estes números são muito preocupantes. A tendência observada nos últimos anos é de consolidação”, explicou o ministro, referindo a existência de um “aumento da polarização” da sociedade.

As autoridades alemãs, mas também as organizações da sociedade civil, continuam a fazer soar o alarme sobre os perigos apresentados pelo ressurgimento de movimentos de extrema-direita num país assombrado pelo seu passado nazi.

Durante vários anos, este género de ameaça foi subestimado pelos serviços de informações, que se concentraram principalmente na luta contra o islamismo e com os riscos de movimentos ‘jihadistas’.

Após o assassínio, em 2019, de um oficial conservador – um defensor da política de imigração da chanceler Angela Merkel – a Alemanha ficou chocada com um ataque fracassado a uma sinagoga em Halle (leste).

O agressor era um simpatizante de extrema-direita que, frustrado por não poder entrar na sinagoga, matou duas pessoas.

Em fevereiro de 2020, nove jovens, todos de origem estrangeira, foram mortos em Hanau, perto de Frankfurt, num ataque racista realizado por um homem envolvido em movimentos de conspiração.

Também 12 membros de um grupo neonazi estão a ser julgados desde meados de abril, em Estugarda, acusados de terem planeado ataques contra mesquitas e líderes políticos.

Lusa // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

No seu último discurso, presidente do Supremo atira críticas aos megaprocessos

António Piçarra, presidente do Supremo Tribunal de Justiça, centrou o seu último discurso na falta de eficácia do sistema judicial em tratar os processos especialmente complexos de corrupção. Para o presidente do Supremo Tribunal de Justiça, …

Viagens não essenciais de e para o Reino Unido permitidas a partir de segunda-feira

Cristóvão Norte, deputado do PSD, criticou a indefinição em torno das viagens do Reino Unido para Portugal, em entrevista à BBC. Entretanto, esta manhã, fonte governamental revelou que as viagens não essenciais de e para …

PPP na saúde levou Estado a "poupar" mais de 200 milhões

As Parceiras Público-Privadas (PPP) dos hospitais de Braga, Vila Franca de Xira, Loures e Cascais trouxeram ao Estado uma "poupança" de 203 milhões de euros, menos de um terço do que se esperava no arranque …

Praias podem receber mais banhistas este verão

Apesar de o semáforo de lotação das praias se manter nesta época balnear, a percentagem de ocupação sobe para os 90%. Quem não respeitar as regras estará sujeito a coimas. As limitações à lotação, introduzidas no …

Ritmo de vacinação da UE ultrapassa o dos EUA e China. Grécia reabre turismo

Atualmente, o ritmo de vacinação da União Europeia ultrapassa o registado nos Estados Unidos da América e na China, de acordo com os dados da plataforma Our World in Data. Os dados recolhidos pelo Público …

"Síndrome de Havana" tem sido cada vez mais reportada por militares dos EUA

Diplomatas norte-americanos, espiões e funcionários da Defesa nacional dos EUA sofreram mais de 130 casos de lesões cerebrais, conhecidos como síndrome de Havana. Segundo o jornal The New York Times, três agentes da CIA revelaram ter …

Caso Maddie. Polícia alemã tem novas provas contra Brueckner

A polícia alemã tem novas provas contra Christian Brueckner, o principal suspeito do rapto de Madeleine McCann, que desapareceu do empreendimento turístico Ocean Club, no Algarve, há 14 anos. De acordo com o procurador Hans Christian …

PSP propôs festa dos adeptos dentro de Alvalade, mas "não foi aceite"

A PSP avança que sugeriu, na reunião de preparação da festa do título, que os festejos ocorressem dentro do Estádio de Alvalade, mas que a proposta não foi aceite. Esta quinta-feira, o presidente da Câmara de …

Nuno Tavares e Rui Patrício podem juntar-se a Mourinho em Roma

Treinador português José Mourinho vai liderar a Roma e poderá contar com dois compatriotas na sua nova equipa. Mais de uma década depois, José Mourinho vai voltar ao campeonato italiano. O futuro treinador da Roma pode, …

Governo vai dar apoio de 500 euros a quem quiser completar a sua formação

O Governo quer aumentar as taxas de conclusão dos níveis de qualificação e como tal vai criar um incentivo financeiro atribuído a quem já tenha avançado no processo e esteja na fase final. O valor …