/

Dispositivo movido a energia solar vai transformar água salgada em potável no Quénia

1

Transformar água do mar em água potável é um processo muito caro e poluente, mas o Climate Fund Manager e a Solar Water Solutions querem mudar isso. A nova solução revolucionária tem uma pegada de carbono zero. 

A superfície do planeta Terra é coberta por água, mas a esmagadora maioria está no mar. Embora seja possível dessalinizar parte dessa água, a verdade é que o processo é muito caro e poluente.

Segundo o Interesting Engineering, o Climate Fund Manager e a Solar Water Solutions têm uma solução revolucionária com uma pegada de carbono zero: uma técnica alimentada por energia solar que funciona sem ligação a uma rede, sem pilhas ou produtos químicos.

A ambição é instalar 200 unidades deste dispositivo de dessalinização no Condado de Kitui, no Quénia. “Este projeto marca um avanço na infraestrutura da água alimentada por energia solar”, salientou Antti Pohjola, CEO da Solar Water Solutions, em comunicado.

“Não teria acontecido sem os quatro elementos-chave: uma tecnologia sustentável que faz baixar o custo da água limpa, acesso ao financiamento com um investidor institucional, parceiros locais e um modelo de negócio baseado no mercado”, acrescentou.

Apesar de as instalações não serem visualmente atrativas, são a solução ideal para áreas remotas. O sistema autónomo está instalado num contentor de cerca de seis metros e a capacidade de produção é de até 10.000 litros por hora.

Além disso, o processo também filtra a água através de uma membrana que elimina bactérias, vírus e outros contaminantes.

No Quénia, esta solução é uma esperança para os cidadãos que sofrem devido aos efeitos das alterações climática, incluindo secas severas.

  Liliana Malainho, ZAP //

1 Comment

  1. As aplicações para energia solar são realmente infinitas. Esta aplicação é realmente formidável poder ver a soma de duas tecnologias em prol do ser humano realmente não tem preço. Tomara que esta ideia alcance outros lugares do mundo.

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.