Beber água com limão pode corroer os dentes

Investigadores britânicos descobriram que consumir bebidas ácidas, como chás de frutas e águas aromatizadas, pode corroer os dentes e prejudicar o esmalte.

Uma equipa de cientistas da Universidade King’s College, em Londres, no Reino Unido, descobriu que consumir este tipo de bebidas entre as refeições e saboreá-las durante muito tempo aumenta o risco de erosão dentária por causa do ácido.

A pesquisa foi publicada na sexta-feira no British Dental Journal e investigou a dieta de 300 pessoas com erosão dentária severa, relata a BBC.

Concentrados, chás de frutas, bebidas de dieta, bebidas com açúcar e águas aromatizadas, todas contêm ácidos e podem corroer os dentes, concluiu o estudo. E a situação piora quando se passa muito tempo a beber e a saborear essas bebidas na boca, antes de as engolir.

Refrigerantes sem açúcar são quase tão erosivos quanto os que contêm açúcar, explicam os investigadores. Vinagre e conservas também podem levar à erosão dentária.

“Se se tomam as bebidas durante longos períodos de tempo, por mais de cinco minutos, por exemplo, ou se se brinca com a fruta nos dentes antes de a comer, pode-se deteriorá-los”, refere Saoirse O’Toole, do Instituto Dentário do King’s College, uma das autoras do estudo.

“Depois de comer uma maçã, tente não comer nada muito ácido mais tarde no dia”, recomenda O’Toole. “Se beber vinho à noite, não beba chá de frutas de manhã. É só equilibrar a dieta”, afirma.

Bebidas e refeições

Os investigadores descobriram que pessoas que bebem água com uma rodela de limão ou chá quente de frutas entre as refeições tinham mais de 11 vezes de possibilidades de ter erosão dentária média ou severa. Esse número caía para metade quando as bebidas eram ingeridas durante as refeições.

Segundo Russ Ladwa, do comité de saúde e ciência da Associação Dentária Britânica, ingerir bebidas ácidas durante uma refeição minimiza os danos porque mastigar comida aumenta a produção de saliva, que é alcalina e amortece a acidez.

“Devíamos promover o consumo em shots das bebidas, sem saboreá-las durante um longo período, e limitar os refrigerantes ao momento das refeições”, aponta Ladwa. O uso de palhinhas também pode evitar que o ácido das bebidas entre em contacto com os dentes.

Ladwa recomenda beber água e bebidas nutritivas como leite, além de alimentos que neutralizam o ácido, como queijo. Uma pesquisa anterior já tinha demonstrado que a maioria das crianças e adolescentes, no Reino Unido, tem perda de dentes devido à erosão dentária.

O problema também é reconhecido como uma das maiores causas de danos nos dentes em gerações mais velhas.

O que é a erosão dentária?

A erosão dentária é a perda progressiva do revestimento dentário devido a processos químicos que não envolvem acção bacteriana.

A acidez dos alimentos e bebidas é mais relevante para a erosão do que o açúcar – as bactérias, em conjunto com o açúcar, provocam cáries, não erosão.

Dieta, estilo de vida, o ambiente e, em alguns casos, medicações podem aumentar os riscos de erosão dentária. Já usar uma pasta dentífrica com flúor, um elixir bucal e mudar a dieta pode reduzir o risco de erosão.

ZAP // BBC

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Beber água com limão faz cair o cabelo. Acabei mesmo agora de constatar num vizinho meu que estava a beber um refresco de limão e é careca.

Responder a Pois Cancelar resposta

Morreu Rogério "Pipi", histórico jogador do Benfica

O ex-futebolista internacional português, que se evidenciou ao serviço do Benfica nas décadas de 40 e 50 do século passado, morreu este domingo, um dia depois de completar 97 anos. "Foi com profunda tristeza e pesar …

Milhares de manifestantes voltam às ruas de Hong Kong

A polícia de Hong Kong deteve, este domingo, onze pessoas e apreendeu várias armas, incluindo uma pistola, pouco antes do início de uma manifestação convocada para a cidade, para a qual se espera uma forte …

Irão e Estados Unidos trocam prisioneiros

Irão e Estados Unidos realizaram, este sábado, uma troca de prisioneiros que envolveu a troca de um investigador sino-americano por um cientista iraniano detido pelos EUA, num avanço diplomático que surge após meses de tensão …

Coreia do Norte anuncia "teste muito importante" em local de lançamento de mísseis

A Coreia do Norte anunciou ter realizado um "teste muito importante" no local de lançamento de mísseis de longo alcance, defendendo que terá um efeito fundamental na futura posição estratégica do país. A Agência Central de …

Balas que assassinaram John F. Kennedy preservadas em modelo 3D

A partir do próximo ano, os Arquivos Nacionais dos Estados Unidos vão disponibilizar, no seu catálogo online, imagens 3D das balas que assassinaram o antigo presidente norte-americano John F. Kennedy. Para criar os modelos das …

Pela primeira vez, neurónios artificiais foram criados para curar doenças crónicas

Uma equipa de investigadores conseguiu recriar as propriedades biológicas dos neurónios em chips, que podem ser úteis ajudar na cura de doenças neurológicas crónicas. Naquele considerado um feito única na ciência, investigadores da Universidade de Bath …

Cientistas encontram uma relação negativa "muito forte" entre inteligência e religiosidade

Uma equipa de investigadores sugere que pessoas religiosas tendem a ser menos inteligentes do que pessoas sem crenças religiosas. O estudo tem gerado uma grande controvérsia. A religião é um tema forte, capaz de juntar ou …

Descoberta nova espécie de tubarão pré-histórico que podia chegar aos sete metros

Uma nova espécie de tubarão pré-histórico foi descoberta no Kansas, nos Estados Unidos. Este predador podia crescer até quase sete metros de comprimento. De acordo com a revista Newsweek, Kenshu Shimada, da Universidade DePaul, e Michael …

Conhecido medicamento para diabetes pode conter um carcinógeno

A Food and Drug Administration, agência federal e reguladora do Departamento de Saúde e Serviços Humanos dos Estados Unidos, está a testar amostras de metformina, um medicamento para diabetes que pode conter o carcinógeno N-Nitrosodimetilamina …

Nobel da Física diz que o ser humano não está concebido para viver fora da Terra

Didier Queloz disse, este sábado, estar convencido de que o ser humano não está concebido para viver fora da Terra, razão pela qual está "zangado" com alguns argumentos do cofundador da Tesla, Elon Musk. Os suíços …