Agricultor belga redesenhou (acidentalmente) a fronteira com França

Mayor David Lavaux of Erquelinnes / Facebook

Um agricultor na Bélgica redesenhou inadvertidamente a fronteira do país com França recentemente, quando tirou uma pedra pesada do caminho do seu trator.

Nos últimos 200 anos, uma pedra marcou a fronteira franco-belga, de acordo com um tratado de 1820.  Aparentemente incomodado com a pedra no caminho do seu trator, um agricultor moveu-a para dentro do território francês, aumentando o território belga.

O erro foi notado, segundo a BBC, quando um entusiasta da história local estava a caminhar na floresta e percebeu que a pedra que marcava a fronteira entre os dois países se tinha movido 2,29 metros.

“Tornou a Bélgica maior e a França mais pequena, não é uma boa ideia”, disse o autarca da vila belga de Erquelinnes, David Lavaux, em delcarações ao canal de TV francês TF1.

A mudança causou uma dor de cabeça aos proprietários de terras privadas – e aos estados vizinhos.

“Fiquei feliz, a minha cidade era maior”, acrescentou o autarca belga, rindo. “Mas o autarca de Bousignies-sur-Roc não concordou.”

“Devemos ser capazes de evitar uma nova guerra de fronteira”, disse a autarca do vilarejo francês vizinho, Aurélie Welonek, em declarações ao La Voix du Nord.

As autoridades belgas locais planeiam entrar em contacto com o agricultou para pedir-lhe que devolva a pedra ao seu local original.

Se isso não acontecer, o caso pode acabar no Ministério das Relações Exteriores da Bélgica, que deverá convocar uma comissão de fronteira franco-belga, adormecida desde 1930.

Além disso, se não cumprir a ordem, o agricultor também pode enfrentar acusações criminais. “Se mostrar boa vontade, não terá problemas, resolveremos a questão amigavelmente”, rematou Lavaux.

A fronteira entre a França e o que agora é a Bélgica estende-se por 620 quilómetros. Foi formalmente estabelecido sob o Tratado de Kortrijk, assinado em 1820 após a derrota de Napoleão em Waterloo cinco anos antes. A pedra data de 1819, quando a fronteira foi demarcada pela primeira vez.

É fácil perceber por que o agricultor cometeu o erro, já que as fronteiras entre os dois países não são exatamente fáceis de detetar. Desde 1995, ambas as nações fazem parte da Zona Schengen, uma área de 26 países que aboliu oficialmente todos os tipos de controle de fronteira nas suas fronteiras mútuas.

A Zona foi estabelecida em 1985 e era um esforço conjunto em nome de França e da Alemanha, a fim de agilizar a passagem de pessoas e mercadorias entre as suas fronteiras.

O seu nome vem da pequena cidade de Schengen em Luxemburgo, onde França, Alemanha, Bélgica, Luxemburgo e Países Baixos assinaram o acordo.

De acordo com a Comissão Europeia, isto conduziu à livre circulação de mais de 400 milhões de cidadãos europeus que podem viajar, trabalhar e viver num país europeu sem vistos restritivos ou formalidades burocráticas.

Maria Campos, ZAP //

 

PARTILHAR

RESPONDER

Um carro movido a energia solar? Bom. Um carro-casa movido a energia solar para fazer 3 mil km? Melhor ainda

Projeto foi desenvolvido por estudantes universitários holandeses, cujo trabalho em veículos movidos a energia solar é já conhecido. O Stella Vita será testado numa viagem de longo curso pelo sul de Espanha já este mês, …

Há uma rua no Texas onde todas as casas foram impressas em 3D

Esta é a primeira comunidade de casas impressas em 3D nos EUA que está pronta a receber habitantes. A construção torna as habitações mais resistentes ao fogo e a inundações. Chama-se East 17th Street e fica …

A filha de Picasso doou nove obras do artista espanhol a França

A família de Pablo Picasso doou nove obras do artista ao Estado francês, que serão agora integradas no Museu Picasso, em Paris. Maya, a filha de Pablo Picasso, doou nove obras do artista como parte de …

Dormir bem? Depois da pandemia, não

O novo coronavírus criou uma "nação" de pessoas com insónias. Trabalhar menos horas pode ajudar. Insónias. Já eram um problema para muita gente até ao início de 2020 mas a pandemia que mudou o mundo também …

"Não posso ficar sentado a ver-nos voltar a 1972". Médico desafia a lei no Texas e admite que já fez um aborto

Um médico texano escreveu uma coluna de opinião no Washington Post a admitir que já fez um aborto no estado, depois da lei que proíbe interromper as gravidezes após seis semanas ter entrado em vigor. Em …

A cidade mais segura do mundo foi revelada (e é europeia)

Copenhaga foi eleita a cidade mais segura do mundo em 2021 pelo Índice de Cidades Seguras (SCI), da Economist Intelligence Unit. Quando se trata de escolher o destino a visitar, a segurança é um dos aspetos …

Benfica 3-1 Boavista | Águia evolui com Darwin para a vitória

Desde 1982/83 que o Benfica não vencia os primeiros seis jogos no Campeonato. Pois bem, na noite desta segunda-feira, os encarnados venceram o duelo ante o Boavista e fizeram xeque-mate graças ao bis de Darwin …

Milhões de pessoas em risco de tráfico e escravidão devido à crise climática, revela relatório

Milhões de pessoas forçadas a deixar as suas casas por causa da seca severa e ciclones correm o risco da escravidão moderna e de tráfico humano nas próximas décadas, alertou um novo relatório publicado esta …

Mercado teme corrida ao imobiliário com o fim dos vistos gold

A partir de janeiro, segundo as novas regras aplicáveis aos vistos gold, vão deixar de estar abrangidos os investimentos em imobiliário com destino a habitação em Lisboa, no Porto e no litoral. O regime que visa …

Desempregados inscritos no IEFP caem 10% em agosto

O número de desempregados inscritos no Instituto do Emprego e Formação Profissional (IEFP) voltou a cair, pelo quinto mês consecutivo. Agosto fechou com 368.404 desempregados inscritos nos serviços públicos de emprego De acordo com os dados …