PSD perde e ganha de novo maioria na Madeira

miguelalbuquerque.pt

Miguel Albuquerque, novo líder do PSD-M, manteve a maioria absoluta

Miguel Albuquerque, novo líder do PSD-M, manteve a maioria absoluta

Depois de a recontagem dos votos das Eleições Regionais ter atribuído à CDU o 3º deputado no Parlamento da Madeira, retirando a maioria absoluta ao PSD, uma segunda recontagem voltou a dar a maioria a Miguel Albuquerque. Em causa um erro informático da CNE, que não tinha contabilizado os votos de Porto Santo.

O porta-voz da Comissão Nacional de Eleições, João Almeida, anunciou esta terça-feira que a segunda recontagem dos votos relativos às eleições regionais da Madeira confirmou que o PSD conseguiu a maioria absoluta.

Depois de no domingo os resultados provisórios terem atribuído 24 deputados ao PSD e confirmado a sua 11.ª maioria absoluta, esta terça-feira uma primeira recontagem retirou essa maioria absoluta, tendo chegado a ser afixado um edital em que os sociais-democratas perdiam um deputado em benefício da CDU.

Na sequência destes resultados, várias personalidades da oposição madeirense congratularam-se com o “momento histórico” em que o PSD, após 40 anos e 11 sufrágios, perdia a maioria absoluta.

O mandatário da CDU, Leonel Nunes, declarou que esta terça era “um dia inesquecível” e saudou os que “acreditaram no projecto da CDU, que aumentou de dois para três os deputados eleitos”.

O número dois da lista do CDS-PP, Ricardo Vieira, considerou que a perda da maioria absoluta por parte do PSD representava “um dia histórico na Madeira“, em que “pela primeira vez, e de uma vez que julgo definitiva, acaba a maioria absoluta de um só partido”.

Em comunicado, o Bloco de Esquerda reagiu à perda de maioria absoluta do PSD Madeira no Parlamento Regional, “regozijando-se pela notícia que dá conta da perda de maioria absoluta” do partido laranja.

Volte-face: faltava Porto Santo

Duas horas depois de ter afixado o edital que retirava a maioria absoluta ao PSD, a assembleia de apuramento das legislativas viria a anunciar ter detectado um erro informático, em função do qual não tinha sido considerada a votação do Porto Santo.

O delegado da Comissão Nacional de Eleições (CNE), João Almeida, considerou “um erro lamentável” o engano verificado no programa informático que ditou a perda da maioria absoluta ao PSD e a eleição de mais um deputado à CDU.

“É verdade, é um erro lamentável que se deve à estrutura particular da nomenclatura das unidades territoriais das regiões autónomas do conceito ilha que não existe no resto do território nacional, mas isso não quer dizer que não seja, na mesma, indesculpável”, reconheceu.

João Almeida explicou que “os resultados apurados, em termos de votos, estão certos, o programa devia ter operado sobre esse total e, em vez disso, operou sobre o total da ilha da Madeira ignorando a ilha do Porto Santo”.

“Contabilizando os votos de Porto Santo, o resultado é diferente e o PSD mantém a maioria absoluta“, afirmou João Almeida, em declarações aos jornalistas, na residência oficial do Representante da República, onde decorreram as recontagens.

O PSD elegeu assim os 24 deputados que lhe garantem a maioria absoluta na Assembleia Legislativa da Madeira.

O mandatário da candidatura da CDU (PCP/PEV) na Madeira declarou entretanto que a força política “não vai aceitar de braços cruzados” a decisão do presidente da assembleia de apuramento eleitoral.

ZAP / Lusa

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. “…estrutura particular da nomenclatura das unidades territoriais das regiões autónomas do conceito ilha que não existe no resto do território nacional”
    A informática é dos diabos! Ou será dos do ‘input’? Ou será o que convém?

RESPONDER

Bolsonaro diz estar de "consciência tranquila". Brasil com quase 100 mil mortos

O Presidente do Brasil afirmou, esta quinta-feira, que está de "consciência tranquila", num momento em que o país sul-americano está quase a chegar aos 100 mil mortos por causa da pandemia de covid-19. "Estamos de consciência …

PSP já apanhou mais de três mil pessoas a conduzir sem carta este ano

O número de pessoas detetadas a conduzir sem carta aumentou 22% nos sete primeiros meses deste ano, em comparação com o mesmo período do ano passado. "De 1 de janeiro a 31 de julho de 2020, …

"Vacina deve ser um bem global de saúde pública". OMS critica "nacionalismo de vacinas"

A Organização Mundial de Saúde (OMS) criticou na quinta-feira o "nacionalismo de vacinas" para a covid-19, afirmando que qualquer país terá benefícios económicos e de saúde se o resto do mundo recuperar da pandemia. "O nacionalismo …

Depois da explosão, os protestos em Beirute. Manifestantes anti-Governo pedem mudança política urgente

Esta quinta-feira, dezenas de manifestantes foram dispersos com gás lacrimogéneo quando protestavam na sequência da explosão em Beirute, capital do Líbano, que provocou pelo menos 149 mortos, cinco mil feridos e a destruição de casas …

Em vez de flores, família de Fernanda Lapa pede donativos por Bruno Candé

A família da atriz, que faleceu esta quinta-feira, apela a que quem queira oferecer flores para o funeral faça antes um donativo para os herdeiros do ator Bruno Candé, que foi assassinado, em Lisboa. "A Família …

Orbán diz que todos os migrantes ilegais são potenciais "bombas biológicas"

O primeiro-ministro da Hungria, o ultranacionalista Viktor Orbán, defendeu esta sexta-feira que se deve impedir a chegada de imigrantes ilegais ao país porque estes são potenciais "bombas biológicas" devido à covid-19. Conhecido pelos seus discursos contra …

Donald Trump proíbe transações com empresa chinesa detentora do TikTok

Donald Trump assinou uma ordem executiva que proíbe as transações com a ByteDance no prazo de 45 dias e o Senado já aprovou o projeto de lei que proíbe o descarregamento e utilização da aplicação. …

Preocupado com os incêndios, Marcelo admite interromper férias. Ontem foi o pior dia

O Presidente da Repúblic disse esta quinta-feira que está a acompanhar a vaga de incêndios que assola o território continental e admitiu a possibilidade de interromper as férias no Porto Santo se a situação piorar. "É …

Portugal foi o "patinho feio", mas volta a estar em contraciclo com a Europa (por bons motivos)

Portugal destaca-se agora por apresentar uma tendência de redução de novos casos de infeção pelo novo coronavírus, ao contrário de outros países europeus. Quando o novo coronavírus começou a ganhar terreno no continente europeu, Portugal foi …

Kim Jong-un insiste que a Coreia do Norte travou o vírus, mas intensifica combate à covid-19

Kim Jong-un tem repetido várias vezes que a Coreia do norte "travou o vírus maligno", mas o reforço das medidas de combate à covid-19 e a canalização urgente de material médico e alimentos para Kaesong …