Adolescente italiana libertada depois de matar pai abusador. Autoridades alegaram legítima defesa

Uma adolescente italiana que matou o seu pai abusador foi libertada da prisão domiciliária que as autoridades lhe tinham imposto depois de os promotores considerarem que a jovem agiu em legítima defesa.

De acordo com o diário britânico The Independent, Deborah Sciacquatori, de 19 anos, atingiu a cabeça do seu pai, Lorenzo, de 41 anos, quando este atacou a jovem, a sua mãe e a sua avó na sua casa, no norte de Roma. O incidente ocorreu no passado domingo, tendo Lorenzo acabado por morrer na sequência desta agressão.

Inicialmente, Deborah foi acusada de homicídio involuntário, enfrentando agora uma acusação menor, sustentada numa ação por legítima defesa. Os promotores acreditam que o caso pode mesmo vir a ser arquivado.

“É possível que nas próximas duas semanas possamos pedir ao juiz responsável pelas investigações preliminares que arquive o caso porque a jovem, segundo o que apuramos, agiu para se defender”, explicou o promotor-chefe italiano, Francesco Menditto.

Segundo a BBC, Lorenzo, antigo pugilista, seria já conhecido pela polícia devido ao seu passado de violência e álcool, tendo cumprido prisão por agredir um polícia em 2016. Os seus sogros revelaram que a sua filha tinha sido espancada durante vinte anos, não tendo nunca relatado os abusos por medo. Também Deborah terá sofrido anos de violência.

A imprensa local conta que o homem chegou a casa embriagado na madrugada de domingo, tendo iniciado uma discussão com a mulher e a filha. Deborah trancou-se com a mãe a avó num quarto para evitar um eventual ataque.

O homem tentou aproximar-se e foi aí que Deborah o atingiu na cabeça. Depois, e de acordo com o relato da imprensa italiana, tentaram fugir de casa, mas Lorenzo ameaçou-as. Foi então que a jovem o atingiu no pescoço com uma faca que tinha tirado da cozinha. A jovem tentou estancar a hemorragia no pescoço, mas o homem acabaria por morrer devido à lesão na cabeça, revela o jornal italiano Corriere Della Sera.

“Não me deixes, eu amo-te”, terá dito a jovem após tentar parar a hemorragia, citada por testemunhas que foram ouvidas pelas procuradoria.

O tribunal vai decidir nos próximos dias se o caso é arquivado ou não. O caso está a reacender o debate em Itália sobre o crime de violência doméstica e sobre a legítima defesa, discutindo-se quando é que esta pode ser legitimamente usada.

ZAP //

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. Bem feita. Tenho uma raiva aos bebados que voces nem queiram saber, só causam problemas, não aguentam a bebida bebam m****

RESPONDER

União Europeia anuncia 540 milhões para investir no "Nosso Oceano"

A União Europeia vai anunciar esta quarta-feira compromissos no valor de 540 milhões de euros para manter os oceanos limpos, assim como um mapa para acompanhar o que se faz nesse sentido, na abertura da …

Escócia e Gales querem eleições se houver adiamento do Brexit

Os chefes dos governos da Escócia e de Gales defenderam hoje eleições antecipadas no Reino Unido no caso de uma extensão do prazo de saída do país da União Europeia. “Quero que se realizem eleições gerais. …

Governo grego apresenta legislação mais restritiva do direito de asilo

O Governo grego enviou na terça-feira ao parlamento uma proposta de lei que endurece os procedimentos para concessão de asilo, reforça os poderes de detenção e acelera as deportações, noticiou a imprensa. A proposta, de 250 …

Libertadores. Jesus veta acesso de funcionários do Flamengo ao derradeiro treino

Escreve a imprensa brasileira que Jorge Jesus vetou o acesso de funcionários do Flamengo ao derradeiro treino que antecede o jogo com o Grémio para a Libertadores, que vai decidir um dos finalistas da competição. …

Caso do bebé sem rosto. Médico suspenso não viu que menina tinha duas vaginas, um rim e espinha bífida

O Conselho Disciplinar do Sul da Ordem dos Médicos suspendeu preventivamente o obstetra envolvido no caso do bebé que nasceu, em Setúbal, com malformações graves. Entretanto, surgem novos dados sobre suspeitas atribuídas ao médico noutros …

Rede de imigração ilegal no SEF. Denúncias de corrupção eram antigas, mas ficaram na gaveta

A inspectora do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) que foi detida nesta semana, por pertencer alegadamente a uma rede de imigração ilegal, já tinha sido identificada num inquérito interno desta entidade, devido às mesmas …

Bancos querem passar a cobrar por grandes depósitos. Particulares escapam

BCP, Novo Banco e Caixa Geral de Depósitos defendem que é preciso cobrar aos grandes clientes por depósitos de grande dimensão. Particulares e pequenas e médias empresas escapariam desta medida. A ideia foi lançada pelo …

Filho de Bolsonaro já não vai ser embaixador em Washington

O deputado Eduardo Bolsonaro, filho do Presidente do Brasil, anunciou na terça-feira, na Câmara dos Deputados, que desistiu da sua indicação para embaixador do país em Washington, nos Estados Unidos (EUA). Na véspera, Jair Bolsonaro, que …

OE2020. Catarina Martins critica chantagem da Comissão Europeia a cada ano

A coordenadora do Bloco de Esquerda criticou esta terça-feira a chantagem da Comissão Europeia em relação a Portugal repetida a cada legislatura e a cada ano, reiterando a disponibilidade "para negociar um Orçamento do Estado …

Maior parte das escolas não cumprem lei de 2009 sobre a educação sexual

Grande parte das escolas não está a cumprir a lei de 2009 que define como deve ser dada a educação sexual no ensino obrigatório, do 1.º ao 12.º ano de escolaridade. A conclusão surge num relatório …