Activistas tinham preparado acção de guerrilha para a final do Mundial

Uma “acção de guerrilha”, com uso de bombas de fragmentação, coquetéis molotov e outros engenhos de fabrico artesanal, estava prevista para o dia da final do Mundial 2014, de acordo com um relatório da Polícia Civil do Brasil.

O inquérito da Polícia Civil sobre atos de violência em manifestações – a cujo relatório final de duas mil páginas o jornal O Globo teve acesso – foi iniciado em setembro do ano passado e levou à Operação Fire Wall, com ordem de prisão preventiva para 23 pessoas.

Dessas 23 pessoas, 18 continuam foragidas, tendo o tribunal negado aos outros o pedido de habeas corpus.

Segundo o relatório, o grupo investigado, que tinha uma hierarquia rígida, apostava na fabricação e colocação de bombas, coquetéis molotov e “ouriços” (peças feitas com pedaços de barras de ferro), com o objectivo de ferir polícias e furar os pneus das patrulhas.

A hierarquia teria no topo a ativista Elisa Quadros Pinto Sanzi, conhecida como “Sininho“, enquanto a comissão de organização era encabeçada pela professora de filosofia Camila Rodrigues Jourdan.

A 28 de junho a polícia apreendeu, numa área de vegetação da Praça Saens Peña, no Rio de Janeiro, 178 “ouriços” e 20 bombas, escondidos em sacos, que deveriam ser utilizados numa ação de protesto naquele mesmo dia – um facto que Camila Jourdan comentou, em mensagens interceptadas pela polícia: “Foram três dias de trabalho jogados fora. Perdemos tudo, é isso?”, disse a um interlocutor.

Os engenhos seriam utilizados por um terceiro nível da organização, o Black Bloc, descrito no relatório como “uma linha de frente”, vocacionada para operar no terreno.

/Lusa

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

RESPONDER

Vulcão Kilauea provoca nuvem de gases ácidos e farpas de vidro

O vulcão Kilauea está a originar um novo perigo para a população da zona, devido às nuvens de gases ácidos, vapor e de partículas semelhantes ao vidro que estão a ser causadas pela chegada da …

Estudar música ou falar mais do que uma língua torna o cérebro mais eficiente

Uma equipa de cientistas do Centro de Cuidados Geriátricos de Baycrest, no Canadá, realizou uma investigação e concluiu que músicos bilingues têm um cérebro mais eficiente. Cientistas do Centro de Cuidados Geriátricos de Baycrest, no Canadá, …

Gel inteligente "caminha" e move objetos debaixo de água

Uma equipa de engenheiros criou um gel inteligente impresso em 3D capaz de caminhar debaixo de água, agarrar e mover objetos. O produto tem potencial em engenharia biomédica por ser semelhante a tecidos do corpo …

Ferramentas de madeira encontradas em Espanha eram de neandertais

Não é muito comum encontrarem-se na Europa ferramentas de madeira associadas a neandertais. Os instrumentos encontrados em Espanha têm cerca de 90 mil anos e as ferramentas de madeira descobertas em Itália têm cerca de …

600 anos e 4 terramotos: cientistas desvendam como é que a Torre de Pisa ainda continua em pé

Era um mistério que há anos intrigava engenheiros: como é que a Torre de Pisa consegue resistir a terremotos estando tão inclinada? Com 58 metros de altura, o campanário da catedral da cidade italiana de Pisa …

Descoberto primeiro asteróide extrassolar que se fixou no Sistema Solar

Cientistas descobriram o primeiro asteróide extrassolar que se fixou no Sistema Solar, na órbita de Júpiter, revela um estudo publicado esta segunda-feira. O "2015 BZ509", com origem fora do Sistema Solar, está 'aninhado' na órbita de …

"Não sejas malvado". Google apagou o seu popular lema do código de conduta

A gigante tecnológica eliminou do código de conduta que distribui aos seus funcionários o popular lema "Bon't Be Evil", "não sejas malvado", que fazia parte da cultura da empresa desde os anos 2000. O lema não …

Prisão preventiva para todos os agressores de Alcochete

O juiz de instrução criminal do Tribunal do Barreiro decretou, esta segunda-feira, a medida de coação de prisão preventiva a todos os 23 arguidos detidos na sequência das agressões na Academia do Sporting, em Alcochete. Num …

12 anos depois, nasceu o primeiro bebé na ilha onde é proibido nascer

Este fim de semana, uma brasileira deu à luz uma bebé, na remota ilha de Fernando de Noronha onde, por falta de de estrutura hospitalar, os nascimentos não são autorizados. O arquipélago Fernando Noronha, no Brasil, …

Sem-abrigo multados e detidos por pedirem esmola e dormirem na rua

O número de pessoas em situação de sem-abrigo que estão a ser multadas, condenadas e presas por mendigar ou dormir nas ruas é cada vez maior em Inglaterra e no País de Gales. Em relação a …