Achado único no Egito pode revelar segredo da Grande Pirâmide de Gizé

Em 1954, um grupo de arqueólogos egípcios descobriu um achado intrigante: vigas de madeira que pareciam ter sido cuidadosamente removidas num poço perto da base da Grande Pirâmide de Gizé.

A Grande Pirâmide de Gizé, também conhecida como a Pirâmide de Quéops (ou Khufu), é a mais antiga e maior das três pirâmides do complexo em Gizé do Egito. Foi outrora a mais antiga das Sete Maravilhas do Mundo Antigo – e agora é a única que resta. O segredo de como foi construída tem deixado os arqueólogos e cientistas perplexos.

No entanto, podemos estar finalmente no limiar da resolução deste mistério. Durante o documentário “Grande Pirâmide do Egito: a Nova Evidência” do Channel 4, foi revelado como os arqueólogos estão a começar a aprender mais sobre esta antiga civilização.

O documentário de 2019 afirmou o seguinte: “A obtenção das 170 mil toneladas de calcário de alta qualidade para revestir a pirâmide foi o maior desafio de Khufu.” De acordo com o documentário, só podiam ser extraídas de pedreiras distantes num lugar chamado Tora. “Nunca ninguém soube ao certo quanta pedra foi trazida para Gizé para completar a construção em pouco mais de um quarto de século.”

A série fez referência a um achado feito por uma equipa de arqueólogos em 1954. Mas agora novas evidências estão a revelar que Khufu apenas pôde ter conseguido isso com uma frota de barcos especialmente construídos e marinheiros altamente treinados.

Num poço perto da base da pirâmide, um grupo de cientistas egípcios descobriu uma série de vigas de madeira cuidadosamente desmontadas. Na época, a descoberta pouco fez para iluminar os segredos da pirâmide.

Entretanto, os avanços modernos na tecnologia permitiram que os cientistas determinassem que as vigas eram os restos de um barco desmontado. O documentário acrescentou: “Hoje, ao pé da pirâmide, um achado único está a iluminar essa teoria”. Os pedaços de madeira são na verdade um barco desmontado — um navio cerimonial que Khufu comandaria na vida após a morte.

O achado oferece aos investigadores uma visão única sobre as embarcações que estavam em uso naquele período de tempo. Eissa Zidan, que supervisionou o projeto, acredita que este barco particular pode ter pertencido ao próprio grande faraó. “De acordo com a nossa análise, este é um resultado de 2.600 a.C.”, disse.

“Este é o mesmo período das pirâmides de Khufu, por isso sabemos que é o barco do rei Khufu”, disse Zidan, acrescentando que este é atualmente o projeto arqueológico número um, não só no Egito, mas no mundo.

Noutros achados recentes, arqueólogos descobriram estátuas excecionalmente bem preservadas e sarcófagos feitos de calcário de alta qualidade num cemitério recém-descoberto perto das pirâmides de Gizé. De acordo com os estudiosos, um dos túmulos mais antigos remonta a 2.500 a.C.

De acordo com as inscrições, o túmulo antigo contém os restos mumificados de dois homens — um sacerdote e um funcionário — que alegadamente viveram na época dos construtores das primeiras pirâmides. A maioria dos historiadores acredita que a Grande Pirâmide de Gizé foi construída durante um período de mais de 20 anos para o faraó Khufu, que foi enterrado numa tumba no seu interior.

Algo que sempre deixou os leigos e os cientistas perplexos é como uma antiga civilização que data de cerca de 2500 a.C. foi capaz de transportar seis milhões de toneladas de blocos de pedra para o local e montá-los para produzir uma estrutura grandiosa.

PARTILHAR

12 COMENTÁRIOS

  1. Com toda a consideração: Creio que o “Channel 4” não tem tradução para “Canal 4”, pois trata-se de um nome de marca. Channel 4 é Channel 4, em qualquer língua.

    Outra questão é “descobriu um achado”, é um pleonasmo. Ou descobriu, ou fez um achado… Mas “descobriu um achado” sería no caso de alguém descobrir que outro alguém fez um achado. Não é o caso aqui.

    • Parabéns pela intervenção em defesa da língua portuguesa ser utilizada corretamente! Sou revisora de textos e fico horrorizada com tanto descaso pela nossa língua que se verifica na internet!!

    • Caro Miguel,
      Obrigado pelos seus reparos.
      Efectivamente, “Channel 4” não deve ser traduzido.
      Quanto a descobrir um achado (arqueológico), já não temos a certeza de que se trate de um pleonasmo.
      No contexto da arqueologia, “achado (arqueológico)” não é o particípio passado do verbo “achar”, é um substantivo. Parece-nos equivalente a dizer “descobriu um *tesouro* arqueológico” (o que não é um pleonasmo), mas também equivalente a dizer o pleonasmo óbvio “descobriu uma descoberta arqueológica”.

  2. A grande pirâmide é um enigma a ser decifrado.O mistério Não é somente o transporte de muitas toneladas mas o corte e o alinhamento são incompreensiveis.A construção e muito mais antiga que as outras.Minha teoria é que a terra tinha outra realidade gravitacional.

    • Gilberto, as pirâmides, inclusive a Esfinge e o templo de Abydos são muito mais antigos do que aquilo que nos querem fazer crer.
      Aconselho toda a gente a ver a análise histórica e geológica que estes dois pesquisadores fazem, podem ir ao youtube, Graham Hancock e Brien Foerster. Depois tirem as vossas próprias conclusões.

  3. Na época de Khufu, a pirâmide já estava ali há milênios. Existe uma estela onde o próprio Khufu afirma isso.

  4. Verdade, incrível como um simples barco desmontado já chegam a conclusão que foram transportadas X quantidade de pedras, etc, etc…. A história do Egito remonta mais de de 10.000 anos, nem ao menos a de Jesus com pouco mais de 2.000 anos se tem certeza de tudo e isso porque tem a Bíblia, Alcorão dentre outros livros. Egito, eterno mistério da humanidade.

  5. A Pedreira devia ser lá perto, só que gastaram a pedra toda nas pirâmides e o resto foi coberto de areia durante milhares de anos. Quanto mais simples a solução mais difícil o problema.

Confrontos em Londres entre polícia e opositores das restrições devido à pandemia

A polícia de Londres, Inglaterra, entrou hoje em confronto com manifestantes que protestavam contra as restrições que visam conter a disseminação do novo coronavírus. De acordo com a agência Associated Press (AP), os confrontos ocorreram quando …

Milhares infetados por bactéria após fuga em fábrica farmacêutica chinesa

Milhares de pessoas no noroeste da China contraíram uma doença bacteriana depois de uma fuga que causou um surto numa biofarmacêutica no ano passado. De acordo com a CNN, que cita relatos dos media locais, mais …

Guardas da Revolução do Irão prometem vingar morte do general Soleimani

O chefe dos Guardas da Revolução, o exército ideológico do Irão, garantiu hoje que a morte do general Qassem Soleimani, alvo de um raide aéreo dos Estados Unidos, será vingada em “todos os seus implicados”. “Senhor …

"O mundo está no momento mais perigoso da história humana", diz Noam Chomsky

O professor norte-americano Noam Chomsky, conhecido como o pai da linguística moderna, advertiu que o mundo está no momento mais perigoso da história da humanidade devido à crise climática, à ameaça de guerra nuclear e …

Portugal com 849 novas infecções por covid-19. Há 20.722 casos activos

Portugal registou 849 novos casos de covid-19 nas últimas 24 horas, mantendo-se a tendência de subida verificada nos dias anteriores. Mas o número de pacientes recuperados também não era tão alto desde Julho. O boletim da …

A Grândola Vila Morena abafou "a maior marcha alguma vez vista" do Chega

Com a Praça do Giraldo, em Évora, dividida por barreiras anti-motim, os participantes da concentração "Pela Liberdade" receberam os apoiantes do Chega de André Ventura ao som de "Grândola Vila Morena" e empunhando cravos vermelhos …

Pandemia assola Irão. EUA com mais 888 mortos. 19 países europeus bateram recorde de casos

Naquele que é o número mais elevado de casos diários desde abril, a Alemanha registou 2.297 novos contágios, 19 países europeus já ultrapassaram o recorde de casos do pico da pandemia. O Irão ultrapassou as …

Rangel "é um turista do carago". SMS atestam que Vieira usou Benfica em "benefício pessoal"

Luís Filipe Vieira é um dos acusados da Operação Lex, com o Ministério Público (MP) a alegar que o presidente do Benfica utilizou o clube em "benefício pessoal" para obter uma cunha do juiz Rui Rangel. O …

Farmácias em risco de não ter vacinas da gripe para tantos pedidos

As farmácias privadas receiam não ter doses suficientes de vacina contra a gripe para dar resposta a todos os pedidos. As encomendas da vacina já sãocinco vezes mais do que as registadas em 2019. A preocupação …

É responsabilidade a mais. Médicos não querem integrar Brigadas Rápidas dos lares

Está a ser difícil contratar médicos para as Brigadas de Intervenção Rápida dos lares que foram anunciadas pelo Governo. Mesmo a receberem acima da tabela de pagamentos, os médicos receiam a falta de condições e …