O trono do Egito terá sido partilhado por duas rainhas antes de Tutankhamun

Uma egiptóloga canadiana afirma que Tutankhamun terá chegado ao poder depois de as suas duas irmãs terem ocupado o trono juntas. 

Anteriormente, os especialistas sabiam que no século XIV a.C., uma rainha tinha precedido Tutankhamun, afirmou à AFP Velérie Angenot, egiptóloga e historiadora da arte na Universidade de Quebec, em Montreal (UQAM).

Alguns acreditavam que a rainha fosse Nefertiti, esposa de Aquenáton, autoproclamada faraó após a morte do seu marido, enquanto outros acreditavam que a rainha teria sido a princesa Meritaton, filha mais velha de Aquenáton.



O estudo conduzido foi baseado na semiótica – estudo dos signos -, que revelou que as duas filhas de Aquenáton assumiram o poder em conjunto porque o seu irmão Tutankhamun, que tinha na época 4 ou 5 anos de idade, era muito jovem para reinar.

Aquenáton tinha seis filhas e teve um filho mais tarde, que tinha uma constituição frágil e foi atormentado por doenças ao longo da sua vida. Aquenáton, que se tinha casado com a sua filha mais velha, Meritaton, para ensiná-la a reinar, teria vinculado o poder a outra das suas filhas, Neferneferuaten Tasherit, tendo ambas assumido o poder juntas sob o nome comum de Ankhkheperure, conforme o jornal Daily Mail.

A historiadora também analisou uma figura exposta no Museu Egípcio de Berlim que representa duas personagens sentados num trono, um dos quais está a acariciar o queixo do outro. “Levantaram todo o tipo de hipóteses sobre o assunto: se representa Aquenáton homossexual, Aquenáton com o seu pai, ou Aquenáton e Nefertiti”, explicou, “e eu percebi que este gesto de acariciar o queixo era típico das princesas, em 100% dos casos”.

A especialista também estudou várias esculturas de cabeças reais que, até então, eram atribuídas a Aquenáton, Nefertiti ou Tutankhamun.

A egiptóloga apresentou suas descobertas numa reunião de egiptólogos na Virgínia, nos EUA. Angenot acrescentou que esperava conseguir avançar no conhecimento sobre questões de sucessão no antigo Egito e no Período de Amarna, na era do reinado de Akhenaton, conhecido como o “rei herege”.

“Acho que podemos avançar a nossa compreensão sobre as questões de sucessão no Antigo Egito, mas acima de tudo, no nosso conhecimento sobre o período fascinante de Amarna, que viu o nascimento do primeiro monoteísmo”, objeto de debates cáusticos há séculos, concluiu Angenot.

O estudo de algumas peças do tesouro de Tutankhamun, descoberto em 1922 pelo arqueólogo britânico Howard Carter, revelaram que o faraó tinha usurpado a maior parte do material funerário da rainha Neferneferuaten Ankhkheperure.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Há três anos, esta obra de Banksy foi destruída. Agora, pode ser vendida por milhões

Em 2018, a obra do artista britânico chamada "Girl With Balloon" autodestruiu-se parcialmente, depois de ter sido vendida por 1,2 milhões de euros. Agora, o que restou do trabalho vai outra vez a leilão. "Girl With …

Dismorfia do Zoom. Há um efeito secundário da pandemia menos óbvio - o aumento das cirurgias plásticas

Depois de um ano e meio a fazer videoconferências regularmente, a obsessão com a imagem tem aumentado e as corridas aos consultórios cirúrgicos também. Um estudo mostra que os impactos na auto-estima podem não ser …

El Salvador tornou-se o primeiro país a reconhecer a Bitcoin como moeda legal

Esta terça-feira, El Salvador tornou-se o primeiro país do mundo a reconhecer a criptomoeda Bitcoin como moeda legal. Em junho, a Assembleia Legislativa de El Salvador aprovou a chamada Lei Bitcoin, que reconhece esta criptomoeda como …

Site para denúncias de abortos no Texas é removido pelo servidor - outra vez

O site usado para denunciar abortos no Texas está novamente com problemas desde ontem após já ter sido removido por outro servidor na sexta-feira por violar as políticas de privacidade. Depois de ter sido removido na …

A Apple pode ter abandonado o seu projeto automóvel

Responsável pelo projeto abandonou a empresa, juntando-se à lista de três trabalhadores que seguiram o mesmo caminho desde fevereiro. Desde 2014 que as intenções da Apple em se aventurar no mundo dos automóveis são conhecidos. A …

Estátua simbólica do passado esclavagista dos EUA retirada da Virginia

Após vários anos de tensões centradas no passado esclavagista dos Estados Unidos, o mais importante monumento apontado como um símbolo racista no país foi retirado, esta quarta-feira, da Virginia. Após um reinado de mais de 130 …

Espanhola trocada na maternidade pede indemnização de 3 milhões de euros

Uma espanhola está a pedir uma indemnização de 3 milhões de euros a um departamento regional de saúde no norte da país, após descobrir que foi trocada na maternidade por outra recém-nascida, há duas décadas. Este …

Ocidente vê Governo talibã com reservas. Ex-Presidente pede desculpa ao povo

O ex-Presidente do Afeganistão, cuja fuga abriu as portas de Cabul e do poder aos talibãs, apresentou as suas desculpas ao povo afegão, esta quarta-feira, por não ter conseguido garantir um melhor futuro para o …

Costa diz que "um primeiro-ministro deve distinguir muito bem as funções"

O primeiro-ministro considerou, esta quarta-feira, que um chefe do Executivo deve “distinguir muito bem” quando está nestas funções e quando está em funções partidárias. “Aquilo que, obviamente, um primeiro-ministro que está em funções deve fazer é …

OMS volta a pedir aos países ricos "moratória" na terceira dose

A Organização Mundial da Saúde (OMS) pediu, esta quarta-feira, aos países com taxas elevadas de vacinação contra a covid-19 que não avancem com uma terceira dose até ao final do ano, para reduzir a desigualdade …