80% dos diplomados em Educação e Saúde em Portugal são mulheres

Quase cinco milhões de pessoas graduaram-se em 2014, na União Europeia. Em Portugal foram 88.500. Maioria é do sexo feminino.

Em Portugal, saíram das universidades e dos politécnicos do país 88.500 diplomados em 2014. Destes, 59% eram do sexo feminino e 30% formou-se na área das Ciências Sociais, Gestão de Empresas ou Direito, a que mais estudantes acolhe.

A União Europeia obedece às mesmas tendências: dos quase 5 milhões de graduados em 2014, 58% são do sexo feminino e 34% são da área das Ciências Sociais.

As áreas da Educação e da Saúde e Bem-Estar são aquelas em que o desequilíbrio de género é mais evidente. Em Portugal, 79% dos formados nestas áreas, em 2014, – mais do que 3 em cada 4 – eram do sexo feminino.

Na União Europeia, a média é de 80% para a Educação, mas mais baixa na Saúde e Bem-Estar (75%).

Já nas áreas da Engenharia, Indústria Transformadora e Construção, no nosso país, 67% dos diplomados nestas matérias são homens, uma percentagem que é ainda assim mais baixa do que a média europeia para o setor: 73%.

A área que em Portugal não obedece à média europeia é a das Ciências, Matemática e Informática.

A maioria dos diplomados em 2014 nesta área em Portugal era do sexo feminino – 57% contra 43% – contrariando a média europeia que é, neste setor, de maior domínio masculino.

Na União Europeia diplomaram-se 4,75 milhões de pessoas em 2014 segundo dados divulgados esta quarta-feira pelo Eurostat.

O Reino Unido (772 mil), a França (741 mil) e a Polónia (557 mil) – à frente da Alemanha (521 mil) – são os países que mais contribuem para a estatística.

JPN

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Então e agora?… Festeja-se? Ou fala-se em discriminação contra o sexo masculino?
    Então se as mulheres estão em maioria no sucesso universitário, será que aí não há discriminação dos homens? Não está o meio académico vocacionado para favorecer as mulheres? Ah aí já é mérito… Mas se não as querem contratar já é discriminação. Vocês decidam-se!.. Não podem ter tudo a vosso favor, minhas senhoras. Não podem, mas querem… Sim, isso já se notou. Reivindicadoras por natureza, tenham o que tiverem vão sempre achar que não chega. E será que já não chega mesmo?

    Se têm mais capacidades que os homens para ter melhores resultados académicos, porque precisam que a Lei garanta 50% de lugares femininos no trabalho? Se eu estiver a contratar para 10 vagas e receber 10 currículos de mulheres em que só 2 são bons, e receber 10 currículos de homens em que 8 são bons… Tenho de contratar à força 5 mulheres e 5 homens, sacrificando a produtividade da empresa? E se não o fizer é discriminação?

RESPONDER

22 mil pessoas vão assistir (no estádio) ao Super Bowl

Um terço das pessoas presentes será composto por profissionais de saúde. Quatro equipas ainda na luta pelo título do campeonato principal de futebol americano. O dia 7 de fevereiro vai contar com uma "visão rara" nos …

Investigadores "voltam atrás no tempo" para calcular idade e local de explosão de supernova

Os astrónomos estão a "voltar atrás no tempo" num remanescente de supernova. Usando o Telescópio Espacial Hubble da NASA, refizeram o percurso dos estilhaços velozes da explosão a fim de calcular uma estimativa mais precisa …

Cientista dos EUA acredita que o monstro do Lago Ness pode ser uma antiga tartaruga marinha

Um importante cientista dos Estados Unidos acredita que desvendou o mistério do Monstro de Lago Ness e pensa que a criatura é uma espécie ancestral de tartaruga marinha. Henry Bauer, professor aposentado de Química e Estudos …

Biden quer banir uma palavra das leis de imigração dos Estados Unidos

Se o projeto de lei proposto por Joe Biden, recém-eleito Presidente dos Estados Unidos, for aprovado, a palavra alien ("estrangeiro") vai desaparecer das leis de imigração norte-americanas, sendo substituída pelo termo noncitizen ("não cidadão"). A …

“As pessoas são mortas na mesquita, na rua e no trabalho". Em Cabul, reina o medo

Os assassínios seletivos de jornalistas, políticos e defensores dos direitos humanos são cada vez mais frequentes no país, com Cabul e várias províncias a registarem um aumento da violência nos últimos meses. O medo está …

"Fiquem em casa". Enfermeiros deixam "grito de alerta desesperado" aos portugueses

A Ordem dos Enfermeiros lançou esta sexta-feira uma campanha de sensibilização a apelar aos portugueses para ficarem em casa, afirmando que é “um grito de alerta desesperado face à situação de catástrofe que se vive …

Senado francês aprovou lei que protege os sons e cheiros do campo

O Senado francês aprovou a lei, esta quinta-feira, que protege o "património sensorial" das áreas rurais do país, depois de várias queixas sobre os ruídos e cheiros típicos do campo. De acordo com o canal televisivo …

Identificado em Portugal o primeiro caso da variante da África do Sul

O primeiro caso de covid-19 associado à variante genética da África do Sul foi identificado esta sexta-feira em Portugal pelo Instituto Nacional de Saúde Ricardo Jorge (INSA), adiantou à agência Lusa a instituição. O caso identificado …

Está a nascer o primeiro comboio português a hidrogénio (e vai substituir o Vouguinha)

Já arrancou o projecto para o desenvolvimento do primeiro comboio português a hidrogénio. A iniciativa visa transformar as automotoras a gasóleo que circulam na Linha do Vouga - o comboio chamado Vouguinha - por células …

Guardiola diz que Bernardo Silva "sempre foi importante" para City

O treinador Pep Guardiola disse esta sexta-feira que o português Bernardo Silva “está de volta” ao melhor nível e que “sempre foi importante" para o Manchester City, depois de ter "sentido" dificuldades na temporada passada. “Ele …