Mais 70 óbitos e 4.378 novos casos em Portugal. Norte ultrapassa 3.000 mortes desde março

Tiago Petinga / Lusa

Portugal contabiliza esta quinta-feira mais 70 mortes relacionadas com a covid-19 e 4.378 novos casos de infeção com o novo coronavírus, segundo a Direção-Geral da Saúde (DGS).

O boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS) revela que estão internadas 2.853 pessoas, menos 137 do que na quarta-feira, das quais 505 em cuidados intensivos, ou seja, menos seis.

Dos 4.378 novos casos, 1.952 (45%) estão na região Norte. Seguem-se Lisboa e Vale do Tejo (mais 1.271 casos), a região Centro (mais 800 casos), o Alentejo (mais 200), o Algarve (mais 94), a Madeira (mais 34) e os Açores (mais 17).

Das 70 vítimas mortais, 28 eram da região Norte, 24 de Lisboa e Vale do Tejo, 13 da região Centro, 4 do Alentejo e 1 da Madeira. Segundo o Observador, a vítima mortal da Madeira é a 11ª na região desde a chegada da pandemia a Portugal.

O Norte ultrapassou esta quinta-feira as três mil vítimas mortais desde março.

Mais 4.087 foram dadas como clinicamente recuperadas, após terem sido dadas como estando infetadas Apesar do elevado número de pessoas dadas como recuperadas, o número de casos ativos voltou a aumentar: são agora 68.690, mais 221 do que a véspera.

O número de “contactos em vigilância” também aumentou: há mais 1.935, havendo assim 88.978 pessoas que estão a ser monitorizadas por poderem ter sido contagiadas

Em véspera de Natal, Portugal entrou no sétimo estado de emergência com 109 concelhos nos níveis de risco muito elevado e extremo de contágio pelo novo coronavírus, menos seis do que no início do mês.

A nova lista que divide os municípios entre os níveis moderado, elevado, muito elevado e extremo de contágio foi divulgada pelo Governo na semana passada, tendo começado a produzir efeito às 0h desta quinta-feira, momento em que entrou em vigor o novo estado de emergência, que se prolonga até às 23h59 do dia 7 de janeiro.

Segundo a nova lista de níveis de risco, existem agora 30 concelhos em risco extremo de contágio, menos cinco do que a 2 de dezembro, e 79 em risco muito elevado, mais um do que no início do mês.

Desde o início da pandemia, Portugal já registou 6.413 mortes e 387.636 casos de infeção pelo vírus SARS-CoV-2, estando hoje ativos 68.690, mais 221 do que na quarta-feira-feira.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Jerónimo na campanha de João Ferreira para homenagear os que "se levantaram contra o fascismo"

O candidato presidencial comunista contou com a presença do secretário-geral do PCP, esta segunda-feira, na Marinha Grande, que destacou a importância de lutar contra os atuais "traços de regressão democrática". Durante uma ação na Escola Secundária …

Gilberto, Vertonghen, Grimaldo, Diogo Gonçalves e Waldschmidt infetados

Os futebolistas do Benfica Gilberto, Vertonghen, Grimaldo, Diogo Gonçalves e Luca Waldschmidt são os mais recentes casos positivos ao novo coronavírus no plantel do Benfica, informou esta terça-feira o clube da Luz. “O Sport Lisboa e …

Hospital de Portalegre abre inquérito a morte de doente que esteve 3 horas em ambulância

O hospital de Portalegre vai abrir um inquérito para apurar as circunstâncias da morte de um octogenário, na noite de segunda-feira, na área dedicada aos doentes respiratórios, depois de estar quase três horas numa ambulância, …

"Não somos heróis". Há quartéis que podem fechar se não houver vacinas para os bombeiros

O presidente da Associação Nacional de Bombeiros Profissionais (ANBP), Fernando Curto, disse que se o número de bombeiros infetados com covid-19 continuar a este ritmo muitos quartéis podem ter de encerrar. "As carrinhas de transporte de …

Mayan ouve lesados da pandemia e diz que "limitações têm de vir acompanhadas do cheque"

Tiago Mayan Gonçalves ouviu as lamentações de uma série de empresários algarvios afetados pela pandemia. O candidato aponta o dedo ao Governo, argumentando que "limitações severas têm de vir acompanhadas do cheque". Esta segunda-feira, Tiago Mayan …

Itália: Da crise pandémica à crise política. Conte tem agora o voto de confiança dos deputados

O primeiro-ministro italiano, Giuseppe Conte, obteve ontem a confiança dos deputados para se manter no governo, depois da demissão de duas ministras do partido Itália Viva (IV) ter aberto uma crise política, deixando o governante …

Hospitais do Centro no limite. Em Lisboa, vão abrir dois hospitais de campanha

Várias unidades hospitalares têm dado conta nos últimos dias de uma situação de rutura nos serviços, devido à pressão de doentes internados com covid-19. Pela primeira vez, este domingo, os óbitos associados à covid-19 no Centro …

"Risco de readmissão é grande". Quase um terço dos infetados voltou ao hospital (e um em cada oito morreu)

De acordo com um estudo recente realizado no Reino Unido, quase um terço das pessoas que tiveram alta de um internamento por problemas de saúde relacionados com a covid-19, em Inglaterra, regressaram ao hospital pela …

Fecho das escolas "seria a medida mais forte de saúde pública"

O encerramento das escolas "seria a medida mais forte de saúde pública a ser tomada", perante a existência de um "teto falso" na deteção de novos casos e o aparecimento da variante inglesa, defendeu esta …

"Ato ditatorial" e "humilhação cruel". Mourinho criticado por optar por Gedson em vez de Dele Alli

O ex-futebolista Stan Collymore chamou Mourinho de ditador e criticou o facto de ter deixado Dele Alli de fora dos convocados em detrimento de Gedson Fernandes. Stan Collymore, antigo jogador do Liverpool, criticou José Mourinho pela …