13 casos de renúncia por acumulação ilegal de funções em 2018

João Relvas / Lusa

Lucília Gago, procuradora-geral da República

A Procuradoria-Geral da República recebeu em 2018 um total de 631 declarações a Incompatibilidades e Impedimentos de Titulares de Altos Cargos Públicos. Destes, 13 casos resultaram em renúncia por acumulação ilegal de funções.

Os números são avançados esta segunda-feira pelo Correio da Manhã, que cita o Relatório de Atividades da instituição liderada por Lucília Gago.

De acordo com o mesmo documento, contabilizaram-se 54 declarações de inexistência de incompatibilidades ou impedimentos depositadas na sequência de solicitação aos respetivos titulares. Houve ainda 63 pedidos de esclarecimentos adicionais.

Escreve o CM que houve ainda 12 pedidos de autorização de acumulação que foram aceites, havendo um caso em que a decisão da PGR de incompatibilidade foi revertida

Os 13 casos de renúncia envolvem titulares de cargos públicos que se enquadram no Estatuto de pessoal dirigente dos serviços e organismos da administração central, regional e local do Estado, bem como no Estatuto do Gestor Público.

O tema das incompatibilidades voltou a ser discutido depois da polémica sobre os três contratos públicos firmados pela empresa de Nuno Neves, filho do secretário de Estado da Proteção Civil, quando este já exercia funções no Governo.

Casos idênticos foram sendo depois noticiados, envolvendo a ministra da Justiça, Francisca Van Dunem, a ministra da Cultura, Graça Fonseca, e o ministro das Infraestruturas e da Habitação, Pedro Nuno Santos.

O primeiro-ministro, António Costa, pediu à PGR um parecer urgente sobre casos de contratos de familiares de governantes.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

António Mexia investe 25 mil euros no aumento de capital da EDP

O presidente do Conselho de Administração Executivo da EDP, que se encontra com funções suspensas, subscreveu 7738 ações, num investimento de 24.535 euros, no aumento de capital de mais de mil milhões de euros do …

Liga quer adeptos nas bancadas em setembro. Governo não se compromete

O presidente da Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP) disse, esta quarta-feira, que o organismo está a trabalhar para que a época 2020/21 comece com público nas bancadas. Na conferência "Futebol Profissional e Economia Pós COVID-19", …

ONU teme "catástrofe geracional" e pede medidas para reabertura das escolas

A Organização das Nações Unidas (ONU) pediu na terça-feira a todos países para que seja dada prioridade à reabertura das escolas sempre que haja controlo da transmissão local dos contágios de covid-19, alertando que o …

IMT suspende circulação de veículos como o que provocou acidente em Soure

O Instituto da Mobilidade e dos Transportes (IMT) decidiu, esta quarta-feira, suspender a circulação de veículos de manutenção da ferrovia, como aquele que colidiu contra um Alfa Pendular em Soure, até que sejam adotadas medidas …

PJ e MP fazem buscas no âmbito do caso das golas antifumo

A PJ e o Ministério Público estão a realizar 10 buscas, esta quarta-feira, no âmbito do processo sobre o negócio das golas antifumo, no qual o ex-secretário de Estado, Artur Neves, e o presidente da …

Mais uma morte e 167 novos casos de covid-19 em Portugal

Portugal regista, esta quarta-feira, mais uma morte e 167 novos casos de infeção por covid-19 em relação a terça-feira, segundo o boletim diário da Direção-Geral de Saúde (DGS). Segundo o boletim diário da Direção-Geral de Saúde, …

Presidente promulga lei que lança app Stayaway Covid

O Presidente da República promulgou, esta terça-feira, o diploma que estabelece o responsável pelo tratamento dos dados e regula a intervenção do médico no sistema 'Stayaway Covid'. À margem de uma visita a Lagoa, no Algarve, …

Prémios e dados pessoais. Worten alerta clientes para falso SMS em circulação

A Worten alerta os clientes para não partilharem dados pessoais em resposta a mensagens publicitárias falsas que estão a circular por SMS em nome da retalhista, a anunciar um prémio. "Alertamos que não devem ser facultados …

GNR já passou 2200 coimas por falta de limpeza de terrenos. Mais de cem câmaras multadas

Mais de uma centena de câmaras municipais foram multadas por falta de limpeza de terrenos, sendo a ausência de tratamento nas margens das estradas e junto às linhas de distribuição elétrica a principal infração registada …

Presidente do Governo da Catalunha pede a Filipe VI que abdique

O presidente do governo regional da Catalunha, Quim Torra, pediu na terça-feira ao rei Filipe VI que abdique e solicitou ao presidente do parlamento que convoque uma sessão plenária extraordinária para estabelecer uma "posição comum" …