Trump apanhado por jornalista em direto a dar informações falsas

17091

O Presidente dos EUA ficou visivelmente atrapalhado, na conferência de imprensa desta quinta-feira, quando um jornalista da NBC o confronta, dizendo-lhe que tinha acabado de dar informações falsas sobre a sua vitória no colégio eleitoral.

Na conferência de imprensa desta quinta-feira, realizada na Casa Branca, Donald Trump apostou mais uma vez em focar-se nos media norte-americanos, acusando-os de fazer um trabalho desonesto e de divulgarem notícias falsas.

“Eu não estou a atacar a imprensa. Vocês sabem, só estou a dizer que vocês são pessoas desonestas”, chegou a dizer o Presidente dos Estados Unidos.

No entanto, o chefe de Estado não estava à espera do momento em que, em pleno direto, um jornalista da NBC o corrigisse numa das informações que tinha acabado de dar.

Tive 306 votos no Colégio Eleitoral. Não era suposto eu ter obtido 222. Disseram que era impossível obter 222 ou 230. Então os necessários 270, nem pensar. E obtivemos 306. Porque as pessoas saíram e foram votar como nunca tinha acontecido. Creio que foi a maior vitória no Colégio Eleitoral desde Ronald Reagan”, afirmou Trump.

Peter Alexander aproveitou então o momento para confrontar o Presidente: “Disse que obteve a maior margem eleitoral desde Ronald Reagan, com 304 ou 306 votos. Na verdade, o Presidente Obama obteve 365”.

Trump ainda tentou corrigir, dizendo que se estava a referir apenas aos republicanos, mas o repórter da NBC não perdeu tempo no contra-ataque: “George W. Bush teve 422 quando foi eleito Presidente”, declarou.

“Porque deverão os americanos confiar em si quando alega que a informação que recebem é falsa e o próprio Presidente passa informações falsas?”, questionou Alexander.

Visivelmente atrapalhado, Trump respondeu simplesmente que lhe tinham transmitido “essa informação” mas pede ao jornalista para admitir que “teve uma grande margem”.

ZAP //

 

7 COMENTÁRIOS

  1. entretenham-se com esse tipo de coisas, boa ideia..!
    pena é que quando os “bons”, Obama e Clintons, Soros, Cheney etc. andaram e andam desde há mais de 20 anos a destruir outras nações, a assassinar em massa, a corromper e a serem corrompidos, a financiar terroristas, a criar a crise de refugiados que tanta pena vos causa, não vos tenha suscitado a revolta que vos suscita a vitória de uma pessoa que contra tudo isso luta.
    É fácil agredir quando se tem uma audiência estupidificada a aplaudir. Não são melhores pessoas por tal, isso de certeza. Nem corajosos, nem revolucionários.
    Já agora, aproveito para informar os espectadores de tv e facebook que até a pedofilia (actividade intimamente relaccionada com o poder liberal desde há muito) está a ser combatida por Trump. Se não os senhores, pelo menos os vossos filhos agradecem..!

    • Outro que usa óculos de Alcanena…
      Repara que não estamos a falar de outros antigos presidentes, estamos a falar deste Trampa, que como já se viu é uma fraude, um mentiroso, e um perigo mundial!!!
      Não vamos desculpa este energumeno pelos defeitos dos anteriores.
      Acorda….

    • Designar pedofilia como ‘actividade’ já é grave o suficiente e muito mais para alguém que quer dar lições aos outros. Associar a pedofilia a qualquer orientação ideológica, liberal ou não, é apenas uma afirmação ridícula. Aproveito para perguntar quais as medidas que Trump tomou contra a pedofilia. Estou curioso para saber… Fico a a aguardar.

      • Tem razão em relação ao uso da expressão “actividade”, peço desculpa por tal. Substituo-a por “práctica”. Não desejei associar esse crime a uma ideologia específica, mas centenas de milhar de crianças que desaparecem todos os anos e quase a totalidade das investigações são arquivadas quando se chega a suspeitos protegidos ou parte do poder. Nos Estados Unidos, os governos Clinton e Obama, assim se passou. Nos anteriores também imagino que sim, é um crime “organizado” que tem passado impune ao longo de décadas. Quem fizer uma pesquisa sobre o assunto encontra bastante informação sobre isso. Li que só estes dois meses passados, mais de mil pedófilos foram presos, e muitas crianças salvas. Isso fez-me concluir que foi esta administração que desbloqueou as investigações.

  2. O País do “Tio Sam” é de facto um País onde muitos sonhos acontecem!
    Trump não é um líder político, não subiu nos meandros da política, não tem formação política! Nota-se!
    Foi um cidadão rico e conhecido que decidiu candidatar-se a Presidente e ganhou! (quem diria!!)

    Não precisou de “lobies financeiros e poderosos” para conseguir levar a sua candidatura por diante.

    Reconheço-lhe mérito, parece um homem de bem, que quer governar com os seus ideais!
    Tenho a sensação que os “lobies instalados” e que de forma indiscreta tinham poder sobre os Presidentes e quadros políticos da América (quiça do mundo), estão aflitos!
    Estaremos a assistir a uma nova forma de governação dos EUA e do mundo?

    Se conseguir levar por diante as suas guerras contra poderes encobertos e que têm (pelos vistos) governado indirectamente a América, tirar-lhe-ei o meu chapéu!

    Será um exemplo para o resto do mundo evoluído! (Espero)

  3. Faz-me lembrar o Adolfo quando subiu ao poder. Devagarinho foi esmagando debaixo do pé todos os pedófilos e jornalistas da oposição, e nomeou manipuladores da opinião pública para irem controlando a oposição. A Declaração de Independência dos Estados Unidos diz que todos os homens são criados iguais, dotados pelo Criador de certos direitos inalienáveis, que entre estes estão a vida, a liberdade e a procura da felicidade. Talvez o arrogante Sr. Trump devesse ter começado por ler o que devia.

RESPONDER

Através do estudo de magnetizações remanescentes em antigos meteoritos, uma equipa do MIT determinou que a nebulosa solar - o vasto disco de gás e poeira que veio a formar o Sistema Solar - durou entre 3 e 4 milhões de anos

Cientistas estimam o tempo de vida da nebulosa solar

Há cerca de 4,6 mil milhões de anos atrás, uma enorme nuvem de hidrogénio gasoso e poeira colapsou sob o seu próprio peso, eventualmente achatando-se num disco chamado nebulosa solar. A maioria deste material interestelar contraiu-se …

-

Comer mais gordura é mais prejudicial para os homens do que para as mulheres

As gorduras são essenciais na nossa dieta, e os especialistas recomendam que correspondam a 20% a 30% das calorias que consumimos diariamente. Mesmo assim, é do conhecimento geral que comer muita gordura pode ser prejudicial para …

-

FC Porto vence Boavista e não larga Benfica

Um golo de Soares, aos sete minutos, deu hoje o triunfo ao FC Porto em casa do Boavista por 1-0, em jogo da 23.ª jornada da I Liga de futebol que deixa os 'dragões' novamente …

Manuel Vicente, vice-presidente de Angola

Jornal de Angola critica justiça portuguesa: "Tanta falta de vergonha"

O Jornal de Angola retomou este domingos as críticas a Portugal, afirmando que "custa ver tanta falta de vergonha", a propósito da divulgação pela comunicação social do processo na Justiça portuguesa envolvendo o vice-presidente angolano, …

Neil Fingleton, Mag the Mighty em Guerra dos Tronos

Morreu o homem mais alto do Reino Unido (e da Guerra dos Tronos)

Morreu este sábado, vítima de ataque cardíaco, o actor e basquetebolista britânico Neil Fingleton, o homem mais alto do Reino Unido. O malogrado actor Neil Fingleton, de 36 anos, desempenhava vários papéis na série 'Guerra dos Tronos', …

O 'coração' de Marte

NASA publica foto inédita do coração de Marte

A agência espacial norte-americana NASA publicou uma imagem rara da superfície marciana, na qual se pode observar a rocha-mãe do planeta vermelho. De acordo com a NASA, a maior parte da superfície do quarto planeta do …

O actor Bill Paxton

Actor Bill Paxton morre após cirurgia

O ator norte-americano Bill Paxton, conhecido pela sua participação em filmes como "Aliens" ou "Titanic", morreu no sábado, aos 61 anos, na sequência de complicações após uma cirurgia, divulgou hoje a imprensa norte-americana. Citado pela revista …

-

O “telefone mais destrutivo da história” é falso

O director do Museu de Comunicações de Frankfurt aponta discrepâncias quanto ao suposto telefone vermelho de Adolf Hitler, apresentado como a “arma mais destrutiva” da história, recentemente vendido por 239 mil euros em leilão - …

O ex-secretário de Estado dos Assuntos Fiscais, Paulo Núncio

Núncio "confessou responsabilidade" (e o país "deve-lhe muito")

O PCP considerou hoje que a "confissão" do ex-secretário de Estado Paulo Núncio no caso das transferências para 'offshore' responsabiliza não só o CDS, mas também o PSD e o anterior Governo. O antigo secretário de …

Freedom 251, o smartphone indiano de 3 euros

Criador do smartphone de 3 euros foi preso por fraude

Mais uma vez se comprova que quando as coisas parecem boas demais para serem verdade... quase sempre o são: e o smartphone de 3.29 euros que nunca se veio a concretizar não é excepção. Há um …