Ventura alcança o segundo lugar e destrona Ana Gomes. Marcelo mantêm-se intocável e Tino escala

Pedro Pina / RTP / Lusa

Os candidatos, João Ferreira, Ana Gomes, Marisa Matias, Tiago Mayan Gonçalves, Marcelo Rebelo de Sousa (videoconferência), Vitorino Silva e André Ventura, durante o debate televisivo entre os candidatos às Eleições Presidenciais.

Entre um vai e vem de resultados, Ana Gomes está agora em terceiro lugar nas intenções de voto para as presidenciais. André Ventura alcança o desejado segundo lugar com apenas um avanço de duas décimas da ex-eurodeputada. Marcelo mantêm-se intocável.

Segundo a sondagem do Observador/ TVI/ Pitagórica, André Ventura perde quatro décimas em relação ao resultado da última sondagem mas consegue a segunda melhor marca de todas as sondagens realizadas por este grupo (na semana passada estava nos 11,4% e ficou a par de Ana Gomes).

De acordo com a sondagem, a socialista também perde balanço e cai seis décimas (estando agora com 10,8% das intenções de voto), desfazendo o empate da semana passada, encontrando-se assim um novo candidato ao segundo lugar nas eleições presidenciais.

Se a distância já era curta nesse momento, agora ela é ainda menor: apenas duas décimas, com vantagem para André Ventura (11% das intenções de voto). Com uma distância tão curta entre os dois candidatos que disputam o segundo lugar.

Estes resultados significam que, de uma sondagem para a outra – em traços largos, de uma semana pré-debates para uma semana pós-debates -, André Ventura reforçou significativamente a sua posição junto do eleitorado de pequenos partidos, brancos e nulos e, de um modo mais ligeiro, reforçou-se junto dos abstencionistas.

Ana Gomes, por outro lado, ganhou força junto de eleitores do CDS, do Bloco de Esquerda e, também, de eleitores dos pequenos partidos ou que votaram branco ou nulo.

Quanto a Marcelo, o recandidato segue na sua posição de líder absoluto das sondagens. Nesta edição, o Presidente recandidato soma 66,7% das intenções de voto.

Para Marcelo, a maior força continua a residir no eleitorado socialista, que sai até reforçado em comparação com a última sondagem: 71,5% dos eleitores do PS estão disponíveis para reconduzi-lo nas funções e garantir-lhe mais cinco anos na Presidência da República. Só depois surgem os eleitores do PSD, com 65% destes inquiridos a declararem-se rendidos a Marcelo.

Marisa Matias já desvalorizou as sondagens para estas presidenciais. Um dos argumentos que usou foi o de que, há cinco anos, os estudos de opinião a colocavam muito abaixo dos 10,2% que acabou por alcançar na noite eleitoral.

Marisa soma 4% das intenções de voto e teve uma perda de três décimas face à semana anterior. Os debates podem justificar este último resultado, mas deixam de fora a explicação mais alargada para a perda sucessiva de votos da candidata apoiada pelo Bloco de Esquerda.

João Ferreira seguia exatamente o mesmo caminho. Desde meados de dezembro que registava perda após perda após perda – até agora. O candidato apoiado pelo PCP sobe seis décimas face ao resultado anterior e chega aos 3,2% das intenções de voto.

Tiago Mayan Gonçalves surge com 2,3% das intenções de voto e, logo a seguir, Vitorino Silva tem já 2,1% das intenções, sendo a grande recuperação da semana.

Ana Isabel Moura Ana Moura, ZAP //

PARTILHAR

42 COMENTÁRIOS

  1. Ainda se riam enquanto os EUA elegiam a desculpa de ser humano de seu nome: Donald Trump, Presidente.

    o Marcelo ainda disse ao donald que seria impossível Portugal eleger o Cristiano Ronaldo, Presidente. «Portugal não é os EUA» dizia o crente do Marcelo ao donald. Pelos vistos é bem pior. Mais valia o Ronaldo… Ah! Ah! Ah! Ah! Ah! Ah! Ah! Ah!

  2. Até estou surpreendido por uma notícia com o nome “André Ventura” sem ataques de carácter ou carácter pejorativo. Esqueceram-se do habitual lembrete aos leitores de que é o líder do “partido de extrema direita”, como meio de assustar o povo com o papão do novo Hitler. Caricato é o facto de que Hitler, ou os fascistas, que mais se aproximam da esquerda portuguesa (BE; PCP), defendem exactamente o contrário de Ventura.

  3. Claro que o papagaio está em primeiro lugar. A vigarice é a primeira no pódio.
    __________________________________________
    Ana Gomes é uma rançosa com ideais de comunista.
    _________________________________________
    O Ventura é o meu ídolo, o ídolo que arrasou o presidente português mais atrasado que já tivemos na nossa História.

    • “O Ventura é o meu ídolo”
      Hahahahaaa… nada como o rebanho do encantador do burros (escolhido por Deus!) para nos fazer rir!…

      • E claro, lá tinha que vir o iluminado com o “suposto” QI superior da esquerdalha facciosa que come todas as cenouras que a mídia lhe põe às frente e recorre aos insultos para quem tem ideias contrárias às suas. CALE-SE MAS É HOMEM. RESPEITE! TENHA EDUCAÇÃO!

        • E lá vem o rebanho do pastor Ventura!…
          Ò cordeirinho alienado, em Portugal não há “mídia”; isso é no Brasil onde proliferam as seitas em que o Ventura se inspirou e onde a carneirada vai buscar essas frases feitas!!
          Em Portugal há “media”!
          A “esquerdalha facciosa” também é uma seita de alienados como a vossa?
          Deve ser uma seita rival…
          Ideias?? Mas o rebanho agora tem ideias próprias?!
          O normal é seguirem cegamente o pastor – com o resultado que se viu há dias no Capitólio!…
          “Cala-se”?!
          E ainda falas em educação e respeito?!
          Enfim… mesmo à imagem do 4° pastorinho de Fátima.

      • Cenouras que a mídia lhe põe à frente senhor “Eu!”. Continue com essas palas nos olhos pois o dizer já é antigo “Vozes de burro não chegam ao céu” e a sua não chegará certamente.

        • Diz o Altissimo na Biblia “umas Criaturas que não sabem o que fazem, nem sabem o que dizem”, ou seja uns Caoticos e uns Charlatães.
          Estamos avisados, esses gajos da esquerdalhada são uma especie a manter bem distante.
          Também diz o Altissimo: “Tens de procurar os teus semelhantes”, e semelhantes não na aparencia mas sim no modo de pensar e agir.
          Portanto, estamos avisados, afastem-se desses gajos, são a vossa “perdição”

  4. O apelido Oliveira Martins recorda-me um historiador português que, pelo seu enorme mérito, não está nada de acordo com a vileza da sua linguagem e dos seus ideais polítcos.

  5. Ninguém de bom senso pode acreditar que o reco consiga ultrapassar Ana Gomes.
    Estas sondagens em que o Observador entra são sempre para rir.

  6. Ventura + Vitorino igual a 13,1% dos votos. Temos pelo menos 13,1% da população que põe em causa o voto universal. Toda a gente deve poder votar mas estes 13,1% de palermas e idiotas que escolheriam ou o indívíduo que tem fraca formação para exercer um cargo, o Vitorino, ou um idiota do ventura, que não passa de um aldrabão? O que é que esta gente tem na cabeça a não ser ar?

    • É não votar na artolas/gaulaguista Ana Gomes. Fácil e linear.
      Votar em protesto a tudo, ainda não percebeu?

    • Claro voçê lá está é o poço da inteligência que anda a votar há 40 anos na mesma merda com os resultados conhecidos. Antes um Vitorino simples e honesto, e não diga que ele têm fraca formação, que se calhar com jeitinho tem bastante mais que você! Continue pois a votar nos mesmos que nos estão a levar para o bom caminho! Os trogloditas da Europa, uma vergonha, ultrapassados por países de leste que arrepiaram caminho….

    • Essa da formação tem graça.
      O actual PR tem-na toda, é catedrático e na maioria dos dias do seu (actual) mandato só tem feito burrada!

  7. Quando se aproxima o dia do tira teimas, as sondagens começam a ser mais fiáveis. Porque as agências não querem ficar mal vistas. Isto para referir que daqui até ao dia 24, ainda vai haver surpresas nas sondagens.

  8. Temos o que merecemos. O Barreto/ Soares indemnizaram todos estes srs restituindo-lhes todo o poder absoluto que agora parecem ter. Ricardo Salgado considerado um dos maiores Bankester, deve estar feliz com estes resultados. Brincou com as economias dos portugueses e qualquer dia virá um presidente e um governo que o absolverão de todos os seus crimes. Quem o seu inimigo poupa nas mãos lhe morre, lá diz a máxima. E estou convencida que a atitude de Ricardo Salgado foi um acto de vingança.

    • Tanta asneira junta Meu Deus, Maria do Mar e da Terra, é preciso não saber nada da Vida, nem os exemplos do Bolsonaro no Brasil ou do Trump na América, lhe abriram a mente Santo Deus, este Sr. de quem falam é Bolsonaro e Trump, é triste por isso somos o que somos.

  9. Esperemos que os bons resultados do André Ventura no livrem desta esquerda radical.
    Desta esquerda que possui um ódio infinito a tudo que não seja estatal.
    Desta esquerda que quer acabar com os ricos, em vez de querer acabar com os pobres.
    Desta esquerda que só gosta dos miseráveis enquanto eles são miseráveis, passando a odiá-los se vencerem na vida.
    Desta esquerda que não se importa de haver gente a morrer por falta de assistência na saúde, desde que os privados não possam tratar ninguém.
    Desta esquerda que acha que os portugueses que não são funcionários públicos não contam.
    Desta esquerda que nos últimos 25 anos foi quem nos governou e nos coloca hoje perto de ser o país mais pobre da Europa.
    Desta esquerda da qual faz parte o maior criminoso que a política já viu em portugal, e que levou Portugal quase à bancarrota.
    Esperemos que estas eleições sejam o fim da esquerda e o princípio do desenvolvimento de Portugal!

  10. Por André Ventura, estou disposto a deslocar-me a minha mesa de voto e votar nele.
    Basta desta esquerda, que nos tem levado para a miséria.

  11. Esta sondagem não é credível. Uma a sério dá o ventrulha no quarto lugar atrás do João Ferreira. Ainda assim os fachos ficam contentes.

  12. O Sr. Tiago da Iniciativa Liberal já tem o meu voto.
    Tem um discurso educado, coerente sem ser ofensivo, de direita.
    Mas em Portugal gosta-se de votar naquele que quase de certeza vai ganhar – talvez para o votante se sentir bem – um pouco semelhante aos clubes de futebol onde quase todos são do mesmo clube. A maior parte da população não pensa por si, nem existe grande informação sobre as propostas dos candidatos, nem a população as procura.
    Seremos sempre mais pobres a continuar assim.

  13. Na verdade quando aparecem, todos eles (partidos) conseguiram o voto com o discurso anti-sistema mas o facto é que assim que podem estão a sustentar-se dele como todos os outros. São vigaristas a fazerem-se políticos. Claramente!
    Este Chega é mais do mesmo com a diferença de ter como líder outro troca-tintas que é um autentico labrego.
    Será que este povo não consegue entender a diferença entre extracção e criação de riqueza?
    Para esclarecer, tenho a dizer que não tenho nenhuma lealdade partidária. Desprezo mesmo todas as organizações políticas portuguesas no momento.

  14. Algo de bom e interessante deve haver nas intenções do Ventura para que este tanto incomode a restante e variada claque política e grande faixa de comunicação social, é que de corrupção, trafulhice e insegurança o povo começa a sentir-se farto, isto é uma certeza! Poderá ser esse possivelmente o grande argumento do Ventura que lhe está a dar sucesso, restará aos adversários meditarem um pouco e verificarem se será mais conveniente bater no ceguinho ou remediarem-lhe a cegueira.

RESPONDER

Governo do Cambodja acusado de usar covid-19 para estabelecer uma "ditadura totalitária"

Uma nova lei estabelecida no Cambodja define que quem violar as regras para controle da pandemia de covid-19 pode apanhar até 20 anos de prisão, medida que coloca o país "em direção a uma ditadura …

Rússia vai abandonar a Estação Espacial Internacional em 2025

Decisão foi aprovada em 12 de abril durante uma reunião do Presidente russo Vladimir Putin com líderes da indústria espacial do país. A Rússia vai informar os seus parceiros internacionais que vai abandonar o projeto da …

Verdes alemães vão candidatar-se pela primeira vez ao cargo de chanceler

Os Verdes alemães anunciaram, esta segunda-feira, Annalena Baerbock como candidata a chanceler nas próximas eleições gerais de setembro. A formação política ecologista alemã, segunda nas intenções de voto depois dos conservadores, anunciou que foi uma decisão …

Alexei Navalny foi transferido para um hospital prisional

Os serviços prisionais russos decidiram, esta segunda-feira, transferir para um hospital prisional o opositor russo, em greve de fome há cerca de três semanas, apesar de julgarem que o seu estado de saúde é "satisfatório". "Uma …

Depois da "bomba" da Superliga, UEFA anuncia alterações na Champions

A UEFA anunciou, esta segunda-feira, alterações nas competições europeias a partir de 2024, com a Liga dos Campeões a passar de 32 para 36 equipas, num modelo sem fase de grupos, passando para uma liga …

Mesmo com a bazuca, investimento de 2021 pouco sobe face ao que se estimava no pré-pandemia

O investimento público deverá chegar a 2,6% do PIB. Em 2019, o Governo já se tinha comprometido com um investimento público de 2,5% do PIB em 2021. Segundo o Jornal de Negócios, face ao que se …

Bruxelas admite atingir mais cedo meta de 70% dos adultos vacinados

A Comissão Europeia espera atingir antes do objetivo oficial de final do verão a meta de 70% dos adultos da União Europeia (UE) vacinados contra a covid-19, dada a "aceleração do ritmo de entregas". "Existe apenas …

Fisco volta a pedir pagamento de IVA nos ginásios

A Autoridade Tributária e Aduaneira (AT) avançou com um pedido de revisão de casos que tem vindo a perder contra os ginásios na arbitragem tributária por causa da cobrança do IVA das consultas de nutrição. De …

Depois do funeral do Príncipe Filipe, líder do Sinn Féin pede desculpas pelo assassinato de Lorde Mountbatten

Um dia depois do funeral do Príncipe Filipe, a presidente do Sinn Féin, Mary Lou McDonald, pediu desculpa pelo assassinato de Lorde Mountbatten, tio do duque de Edimburgo, pelo Exército Republicano Irlandês (IRA, na sigla …

Rússia expulsa 20 diplomatas checos

A Rússia anunciou a expulsão de 20 diplomatas checos, depois de o país ter expulsado 18 diplomatas russos, acusados de espionagem. A Rússia anunciou, este domingo, a expulsão de 20 diplomatas checos e deu-lhes até ao …