Ventura foi deputado único mais ativo, Joacine fez mais só do que pelo Livre

Tiago Petinga / Lusa

O deputado do partido Chega, André Ventura

O deputado único do Chega, André Ventura, foi o apresentou mais projetos de lei (11) na Assembleia da República, mais um do que a Iniciativa Liberal, mas nenhum dos partidos estreantes viu conseguiu aprovar qualquer projeto legislativo.

Segundo o balanço provisório da atividade parlamentar da 1.ª sessão da atual XIV Legislatura (entre outubro e julho), o populista de direita somou 11 projetos de lei (nenhum aprovado) e 48 projetos de resolução (dois aprovados), além de 11 perguntas, seis das quais com resposta, a Governo ou Administração Pública.

Desde o dia 25 de outubro de 2019 até à última sexta-feira (24 de jul 2020) foi apresentado no hemiciclo um total de 530 iniciativas legislativas e de 597 iniciativas de resolução.

Curiosamente, a agora deputada não inscrita Joacine Katar Moreira, após divergências com a direção do partido pelo qual foi eleita, Livre, registou maior atividade depois de se desligar das “papoilas”: dois projetos lei (nenhum aprovado) e 10 projetos de resolução (dois aprovados).

Enquanto representou o Livre, ou seja, até 3 de fevereiro, Joacine Moreira só submeteu um projeto de lei que não foi aprovado e fez duas perguntas ao Governo ou à Administração Pública.

O deputado único da Inciativa Liberal, João Cotrim Figueiredo, alcançou o segundo lugar do ‘ranking’, atrás de Ventura, com a apresentação de 10 projetos de lei (nenhum aprovado) e 29 projetos de resolução (um aprovado).

O liberal fez ainda 33 perguntas ao Governo ou à Administração Pública, tendo obtido 23 respostas, e formulou sete requerimentos à Administração Central ou Local ou a entidades independentes, sem qualquer retorno.

Também devido a desentendimentos no seio do PAN, Cristina Rodrigues passou a deputada não inscrita a partir de 25 de junho e tem somente no currículo um projeto de lei não aprovado.

// Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Essa senhora Joacine Moreira, vejo-a sentada, não sei o que fez pelas pessoas que a elegeram pelo livre.
    Sinceramente, não vejo trabalho.

RESPONDER

EUA aprovam legislação que pode excluir firmas chinesas do seu mercado de capitais

O Congresso norte-americano aprovou esta quinta-feira legislação que força as empresas chinesas a saírem dos índices bolsistas norte-americanos a menos que cumpram as regras de contabilidade nos Estados Unidos. A legislação, que pode afetar dezenas de …

Polícia Judiciária faz buscas na Câmara de Vila Verde

A Polícia Judiciária está a fazer buscas na Câmara de Vila Verde, no distrito de Braga, relacionadas com "adjudicações a juntas de freguesia", confirmou esta quarta-feira à Lusa fonte daquela força policial. Segundo a mesma fonte, …

Reino Unido começa a vacinar já na próxima semana

O Reino Unido vai começar a vacinar a sua população contra a covid-19 na próxima semana. Depois da aprovação do uso da vacina da Pfizer, os primeiros a receber a vacina serão os trabalhadores e …

Governo já garantiu 370 camas no setor privado

O Governo já garantiu 370 camas no setor privado, sendo que quase metade, 164, são para doentes covid. Há atualmente 3.338 pacientes infetados com o novo coronavírus internados em hospitais. A informação foi confirmada por fonte …

Covid-19 pode ter chegado aos EUA em dezembro de 2019. País prepara-se para o pior inverno da história

Depois de ter sido confirmado que o novo coronavírus já circulava em Itália desde setembro de 2019, agora surge um relatório que refere que a covid-19 pode ter infetado um pequeno número de pessoas nos …

Maior parte dos médicos aposentados que voltam ao SNS prefere trabalhar em tempo reduzido

A maior parte dos médicos aposentados que regressa ao Serviço Nacional de Saúde (SNS) opta por trabalhar em tempo reduzido, adianta o Jornal de Notícias. De acordo com o Jornal de Notícias, do total de 216 …

Bruxelas ameaça avançar com Fundo de Recuperação sem Hungria e Polónia

A Comissão Europeia (CE) está a perder a paciência e, caso não haja progressos nas negociações, ameaça avançar com o Fundo de Recuperação europeu sem a 'luz verde' da Hungria e da Polónia. O ultimato foi …

Empresas que reforcem lay-off não podem fechar portas, mas podem reduzir horários a 100%

O chamado “apoio à retoma progressiva” vai permitir que em dezembro as empresas saltem para o escalão seguinte, que garante mais financiamento, mas o Governo exige que mantenham atividade. Contudo, garante que tal não condiciona …

Reunião no Infarmed. Pico foi atingido em 25 de novembro, peritos pedem que não haja medo das vacinas

Especialistas, dirigentes dos partidos políticos e parceiros sociais voltaram esta quinta-feira a reunir-se para analisar a situação epidemiológica da covid-19, em vésperas de nova renovação do estado de emergência e da decisão sobre as medidas …

Governo tem algumas soluções para o Novo Banco (que dispensam o Retificativo)

Apesar do chumbo da transferência de 476 milhões de euros do Fundo de Resolução para o Novo Banco, o Governo garante que existem algumas soluções para que o contrato seja cumprido. Uma das hipóteses é a …