/

Governo vai dar vales para financiar obras contra a pobreza energética

Mário Cruz / Lusa

O ministro do Ambiente, João Pedro Matos Fernandes

O Ministério do Ambiente e da Ação Climática vai financiar obras de 100 mil famílias contra a pobreza energética. Este ano, serão entregues os primeiros 20 mil vales eficiência, totalizando 100 mil até 2025. As famílias podem inscrever-se no final de agosto.

Arrancou esta sexta-feira o programa “Vale Eficiência“, uma iniciativa do Ministério do Ambiente e da Ação Climática que tem como objetivo entregar “cheques” de 1.300 euros às famílias em situações de carência energética para financiar obras nas suas casas.

De acordo com o Diário de Notícias, as famílias podem concorrer aos vales a partir do final do mês de agosto. Na primeira fase, o Governo irá distribuir 26 milhões de euros, podendo atingir pelo menos 20 mil famílias, segundo anunciou em 16 de abril o secretário de Estado da Energia, João Galamba.

O objetivo do Executivo é alcançar as 100 mil famílias até 2025, tendo a iniciativa uma dotação máxima de 162 milhões de euros. A medida é financiada através do Plano de Recuperação e Eficiência.

Os vales poderão ser usados para a compra de aquecedores, fogões elétricos, equipamentos para arrefecer a casa ou instalar painéis solares. O DN escreve que podem também servir para pagar obras que tornem as habitações mais eficientes, como troca de portas ou janelas, ou o revestimento de paredes exteriores e de coberturas.

O programa tem duas fases: a primeira, que começou esta sexta-feira, 6 de agosto, destina-se aos fornecedores que devem inscrever-se na plataforma do Fundo Ambiental. A segunda, com início previsto para o final de agosto, diz respeito às candidaturas das famílias, esclarece o Jornal Económico.

  Liliana Malainho, ZAP //

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE