Uso de máscara nas salas de aulas não reúne consenso em Itália

Rodrigo Antunes / Lusa

O uso de máscara nas salas de aulas italianas não reúne consenso entre os responsáveis envolvidos no arranque do ano letivo.

Os responsáveis envolvidos no arranque do ano letivo em Itália, previsto para o próximo mês de setembro, falharam esta quarta-feira um consenso sobre algumas questões ainda por definir no âmbito da pandemia de covid-19, nomeadamente o uso de máscara nas salas de aulas.

Numa reunião realizada por videoconferência, os ministros italianos com as tutelas da Educação, da Saúde, dos Transportes e dos Assuntos Regionais debateram com os especialistas pela gestão nacional da pandemia (por exemplo, a Proteção Civil italiana) e com os presidentes de todas as regiões de Itália um conjunto de medidas associadas ao início das aulas, agendado para 14 de setembro.

A par do uso de máscara nas salas de aulas para crianças maiores de 6 anos, os responsáveis também debateram a possível medição da temperatura corporal dos alunos, nomeadamente nas instalações dos estabelecimentos de ensino, e a questão dos transportes públicos e da potencial concentração de pessoas, situação que dificultará o cumprimento das regras de distanciamento físico.

No final do encontro, os representantes mostraram-se divididos sobre diversas matérias. Os presidentes das regiões da Lombardia e de Ligúria, Attilio Fontana e Giovani Toti, respetivamente, confirmaram a falta de consenso e criticaram “as dúvidas” levantadas pelo executivo italiano em relação a certas matérias.

Giovanni Toti já anunciou que não aceitará a obrigatoriedade do uso de máscara durante as aulas.

A cerca de 20 dias do arranque do ano escolar, as reuniões entre o governo italiano e as várias regiões vão prosseguir nos próximos dias, garantiram as partes envolvidas.

Entretanto, Itália iniciou uma campanha para testar todos os professores e todos os funcionários escolares. Até ao momento, e no âmbito desta campanha, já foram diagnosticados pelo menos 20 casos positivos da doença covid-19.

Alguns profissionais recusaram-se a fazer o teste de diagnóstico, que não é obrigatório.

Para garantir o distanciamento dos alunos dentro das salas de aulas, Itália comprou 2,4 milhões de carteiras individuais.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Um tumor e duas fraturas nas vértebras dificultaram a vida deste dinossauro (mas não o mataram)

Quando foi descoberto na década de 1980, na Argentina, este hadrossauro foi diagnosticado com uma fratura no pé. Porém, uma nova análise agora mostra que este tinha um tumor, bem como duas fraturas nas vértebras …

Morreu Otelo Saraiva de Carvalho, capitão de Abril

O capitão de Abril morreu, este domingo, aos 84 anos, no Hospital Militar, confirmou o presidente da Associação 25 de Abril. A notícia foi confirmada ao jornal online Observador pelo presidente da Associação 25 de Abril, …

Pela primeira vez, cientistas viram chimpanzés a matar gorilas

Investigadores testemunharam, pela primeira vez, chimpanzés e gorilas a lutar entre si, confrontos esses que provocaram a morte de alguns deles. De acordo com o site Science Alert, as duas disputas foram observadas no Parque Nacional …

Vírus com 15 mil anos descobertos no gelo do Planalto do Tibete

Cientistas que estudam glaciares encontraram vírus com quase 15 mil anos em duas amostras de gelo retiradas do Planalto do Tibete, na China. Muitos deles, que sobreviveram porque se mantiveram congelados, são diferentes de todos …

Leite sem lactose em laboratório (e com a ajuda de membranas de óxido de grafeno)

As membranas de óxido de grafeno (uma forma oxidada do material) têm sido muito estudadas para a dessalinização da água e separação de corantes, mas as suas propriedades podem não ficar por aqui. Uma equipa de …

Cientistas criam material de "auto-reparação" mais resistente do mundo (e é perfeito para ecrãs de telemóveis)

Investigadores do Instituto Indiano de Educação e Investigação Científica (IISER, na sigla em inglês) podem ter encontrado o material perfeito para fazer os ecrãs de smartphones: transparente, resistente e que a capacidade de se "auto-curar" …

"A bitcoin vai criar a paz mundial"

A rainha das moedas digitais, se não construir a paz no planeta, vai ajudar na pacificação entre os seres humanos. É a opinião de Jack Dorsey. É o centro de atenções de muitos investidores, é o …

"Burrolandia". Parque temático de burros no México está a tentar salvar estes animais

Um parque temático de burros no México serve de santuário a estes animais que estão aos poucos a desaparecer no país. "O burro ajudou o homem por muito tempo. É hora de retribuirmos o favor", …

Uma mão robótica que joga Super Mario Bros na Nintendo? Sim, existe

Uma equipa de investigadores da Universidade de Maryland, nos Estados Unidos, imprimiu em 3D peças para criar uma mão robótica capaz de jogar Super Mario Bros na Nintendo.  A mão robótica é totalmente montada com circuitos …

"Narco Drones" apanhados a entregar drogas numa prisão chilena

Reclusos e cúmplices no exterior estão a usar drones para contrabandear droga para a prisão mais antiga do Chile. As autoridades chilenas descobriram que o esquema de contrabando tinha como objetivo transportar drogas para a Ex …