Usar a coroa britânica é mais perigoso do que possa imaginar

Facundo Arrizabalaga / EPA

A Rainha Isabel II

A rainha Isabel II falou do perigo de usar a coroa britânica mais importante, pois as suas pedras preciosas tornam-na muito pesada, e do desconforto da carruagem que a transportou no dia da sua coroação em 1953.

A soberana, que nunca concede entrevistas, explicou detalhes da sua coroação na Abadia de Westminster, em Londres, para um programa sobre as jóias da coroa que vai para o ar este domingo pela BBC.

“Quando ponho a coroa, deixo de poder olhar para baixo para ler o discurso, tenho que o levantar. Se olhar para baixo, parto o pescoço“, contou a rainha sobre a coroa que usa na abertura formal do Parlamento britânico, onde deve ler o programa do Governo.

“Pelo que há desvantagens nas coroas, mas são coisas bastante importantes”, disse Isabel II, que também contou detalhes do dia da sua coroação, 2 de junho de 1953, um ano após suceder ao seu pai, o rei Jorge VI.

A coroa, chamada Imperial de Estado, foi feita para a coroação do seu pai em 1937 e conta com 2.868 diamantes, 17 safiras, 11 esmeraldas e centenas de pérolas, quatro das quais conhecidas como “brincos da rainha Isabel I”, bem como um grande rubi.

Inclui ainda a famosa pedra “Black Prince’s Ruby”, que Henrique V terá usado no seu capacete durante a Batalha de Agincourt, em 1415.

“Felizmente, o meu pai e eu temos a cabeça quase da mesma forma, mas uma vez que a ponho, fica fixa”, acrescentou Isabel II, de 91 anos, que no próximo 6 de fevereiro cumprirá 66 anos como chefe de Estado britânica.

A rainha também comentou o percurso que fez numa carruagem dourada desde o palácio de Buckingham até à Abadia de Westminster, que descreveu como “horrível” e “muito incómoda“.

Ao lembrar a sua coroação, Isabel II disse: “Suponho que é realmente o começo da vida como soberana”.

“É o tipo de desfile de cavalheirismo e uma antiquada forma de fazer as coisas. Vi uma coroação e fui destinatária da outra, algo que é bastante notável”, afirma a rainha ao programa “A Coroação”.

Jóias da coroa britânica escondidas dos nazis numa lata de biscoitos

A Renascença revela outra parte do documentário, no qual é revelado que a família real britânica escondeu as jóias que compõem a coroa numa lata de biscoitos durante a Segunda Grande Guerra.

Foi o assistente dos arquivos da rainha, Oliver Urquhart Irvine, que revelou ao especialista em assuntos da realeza Alastair Bruce, que apresenta o documentário, os detalhes do processo para pôr as joias a salvo dos nazis.

Oliver Urquhart Irvine leu as cartas enviadas pelo livreiro real à rainha Maria, mãe de Jorge VI. Foi este rei que mandou abrir um buraco profundo no castelo de Windsor para colocar a lata com as joias.

As cartas descreviam como foi escavado o buraco e criadas duas câmaras com portas de aço. O alçapão para aceder à área secreta onde a lata estava escondida ainda hoje existe.

A rainha não sabia de toda esta história, que lhe foi contada pelo comentador Alastair Bruce.

ZAP // EFE

PARTILHAR

RESPONDER

Investir em peças de Lego é mais rentável que comprar ações

Hoje em dia qualquer coisa pode ser construída com Legos. Segundo um estudo de uma professora da Escola Superior de Economia da Rússia, há empresários que preferem investir nas famosas peças da Lego do que …

Sporting vs Moreirense | Bom arranque vale triunfo ao leão

O Sporting não quis deixar fugir os seus adversários directos na luta pelo título e também venceu nesta primeira jornada da segunda volta. Os “leões” receberam e bateram o Moreirense por 2-1, num jogo em …

Alemã tricotou o "cachecol dos atrasos do comboio" e agora vendeu-o por sete mil euros no eBay

A passageira alemã Claudia Weber vendeu no eBay o cachecol que tricotou durante um ano e que representa o longo tempo de espera pelo comboio que a levava ao trabalho, todos os dias. A peça é …

Duas irmãs fingiram ser homens para salvar a barbearia da família

Jyoti e Neha, irmãs de 18 e 16 anos, respetivamente, fingiram ser homens para salvar a barbearia da família, localizada no estado de Uttar Pradesh, Índia, depois de o pai adoecer em 2014 "Eu estava a …

Tesla anuncia novos despedimentos (e são mais de três mil)

O presidente executivo da Tesla afirmou que a empresa vai suprimir cerca de três mil empregos e alertou para o "caminho muito difícil que tem pela frente" para produzir carros elétricos do Modelo 3 acessíveis …

InSight da NASA prepara-se para ouvir a "pulsação" de Marte

A NASA publicou esta semana imagens do sismómetro da sonda espacial InSight, que se prepara para ouvir a "pulsação" do solo marciano.  A agência espacial norte-americana descreve regularmente através da sua conta no Twitter como …

"Africa", dos Toto, vai tocar para sempre no deserto da Namíbia

"Africa", a canção dos "Toto", hit desde que foi lançada, em 1982, está a tocar para sempre no meio de um deserto na Namíbia, no continente que lhe dá nome. A instalação artística, da autoria de …

Liv deixou a escola por causa do bullying. Hoje, aos 20 anos, tem um negócio milionário

A empresária Liv Conlon abandonou os estudos aos 16 anos porque sofria bullying, montou um negócio imobiliário e agora a sua empresa fatura mais de um milhão de libras por ano. Hoje, ajovem de Bothwell, na …

Há um avião abandonado no aeroporto de Madrid (e ninguém sabe quem é o dono)

O avião, um Mc Donnell Douglas MD87, é o único naquelas condições em Barajas. Procura-se o dono da aeronave que está em “evidente estado de abandono”, de acordo com o aeroporto. Há um avião esquecido no …

Trump cancela viagens de democrata Nancy Pelosi. "Apanhe um voo comercial"

Donald Trump obrigou a presidente da Câmara dos Representantes, a democrata Nancy Pelosi, a desmarcar as viagens que tinha agendadas a Bruxelas e ao Afeganistão. Donald Trump usou o argumento do shutdown, a paralisação dos gastos …