Um homem deu à luz e foi impedido de ser registado como pai. Tribunal diz que é mãe

Freddy McConnell, de 32 anos, trava uma batalha judicial porque não quer constar da certidão de nascimento como mãe da criança que dera a luz.

O britânico é, legalmente, um homem e, por isso. quer ser registado como pai. Porém, Andrew McFarlane, presidente da secção de Família do Tribunal Superior do Reino Unido, decidiu contra ele.

Freddy nasceu como mulher, mas vive como homem há vários anos. Fez tratamento hormonal mas sem alterar a constituição biológica, acabando por engravidar. Legalmente, está registado como homem desde 2018, ano em que teve uma filha. Quando pediu aos registos civis para que constasse na certidão de nascimento como o pai da criança, não aceitaram.

O homem foi para tribunal, mas perdeu essa batalha no Tribunal Superior. “Há uma diferença material entre o sexo de uma pessoa e status de mãe”, disse o juiz.

“Ser mãe, embora seja associado ao ser mulher, é o status concedido a uma pessoa que passa pelo processo físico e biológico de engravidar e dar à luz. Agora, clinicamente e legalmente, é possível que um indivíduo, cujo sexo é reconhecido na lei como homem, engravide e dê à luz o seu filho. Mas, embora o sexo dessa pessoa seja masculino o seu status parental, que deriva de seu papel biológico no parto, é o de mãe”.

A decisão tem acordo de alguns advogados, salientando que a criança teria sido a primeira pessoa nascida na Inglaterra e no País de Gales a não ter mãe legal se McConnell vencesse.

Já a advogada de McConnell, Karen Holden, criticou: “No Reino Unido, tem o direito de mudar de sexo na certidão de nascimento. Por que não a filha? Certamente, a lei tem que se adaptar aos tempos modernos, é preciso terminar a jornada que começou”.

McConnell disse estar preocupado com o que tal decisão significa, não apenas para ele mas por outras pessoas transexuais que são pais ou querem ser pais. “Isso tem sérias implicações para as estruturas familiares não tradicionais. Significa que apenas as formas mais tradicionais de famílias são reconhecidas ou tratadas com igualdade. Isso não é justo”, disse o homem ao jornal britânico The Guardian, onde é jornalista em multimédia. Agora, está a pensar recorrer da decisão.

O presidente do Tribunal de Família considerou que o facto de o nome de Freddy estar registado na certidão de nascimento enquanto mãe não colide com os direitos da criança. No entanto, várias associações de defesa da comunidade LGBT alegam que a criança poderá ser vítima de discriminação no futuro na sequência desta decisão judicial.

De acordo com o Diário de Notícias, a história de McConnell foi contada no documentário “Seahorse”, uma referência aos peixes que se reproduzem durante a gravidez masculina. Iniciou o tratamento com testosterona em 2013 e foi submetido a uma cirurgia para remoção do peito, mas manteve o sistema reprodutivo feminino. Em 2016, suspendeu o tratamento hormonal após procurar orientação sobre fertilidade e engravidou em 2017 usando um doador de esperma.

ZAP //

PARTILHAR

12 COMENTÁRIOS

  1. Se a pessoa era mulher, mas porque preferia ter nascido homem ou porque não se sentia bem naquele corpo, resolveu se transformar num homem, por que motivo resolveu ter um filho de acordo com a sua natureza biológica? Homens não dão à luz.
    Estas situações só vêm comprovar o transtorno mental da transexualidade.

  2. Freddy nasceu como mulher, mas vive como homem há vários anos. Depois voltou a ser mulher para engravidar, e agora novamente para homem para ser “pãe”… que confusão deve ir naquela cabeça.

  3. Esta criança ainda tem sorte, porque vai ter pai ou mãe. Em breve as crianças vão ser todas filhas do Estado. Que as vai educar, alimentar e acompanhar num estabelecimento tipo “berçário”. Porque os pais biológicos vão ser considerados (pelo Estado) incapazes de proteger os filhos, têm que trabalhar e não o conseguem fazer….. E as Comissões de Proteção de crianças e jovens em risco, está atenta………

  4. Ainda bem que o juiz tem as ideias no lugar, se fosse algum da comunidade gay, já estava premitido isso como encontraria forma de o indiminizar o pobre pãe

  5. Sempre falo uma frase para meus amigos…

    “O certo é o certo mesmo q todos achem q está errado, e o errado é errado mesmo que todos achem q esta certo”.

    parabéns ao juiz, e vamos tomar cuidado com quem colocamos para ser nossos representantes..

  6. Para ser homem, deveria ter feito a transformação total e não parcial, biologicamente é mulher, entendo que para ter sua certidão alterada, “Ele” deveria ter provado estar biologicamente alterado e não externamente (aparência), a meu ver, houve falha no momento de autorizar a alteração na sua Certidão e Ele não foi honesto, pois se ele queria ser homem, deveria ter alterado tudo, entendo que não foi honesto nem com ele mesmo, coitada dessa criança!!

  7. Quanto egoísmo e egocentrismo macabro. Esta criança ja esta condenada ao preconceito e ter que lutar pela sua propria origem verdadeira. Triste

  8. Parabens ao juiz que tem a cabeca muito centrada.
    A “cidadao” agiu contra o que tanto lutou para ter.
    A natureza nao mente, pode se parecer com o swxo oposto mas se nasceu homem é homem, sw nasceu mulher é mulher. Pode bater o pe e mudar o que quiser, mas contra a natureza nao tem nem como discutir.

RESPONDER

Elon Musk lança concurso para ver quem consegue bater um caracol

O multimilionário, através da sua empresa especializada em construção de túneis, lançou um concurso mundial para ver quem é capaz de bater um caracol. De acordo com o jornal Daily Mail, Elon Musk lançou um concurso …

Covid-19. Tóquio quer pagar até quatro mil euros a bares que fiquem fechados

As autoridades de Tóquio, no Japão, estão a ponderar pagar um subsídio, que pode chegar aos quatro mil euros, aos bares que se mantenham fechados para conter a propagação da covid-19 na cidade. De acordo com …

Médicos franceses detetaram primeiro caso de bebé infetado no útero

Médicos em França pensam ter identificado aquele que será o primeiro caso confirmado de um bebé infetado com covid-19 no útero materno. De acordo com o site Business Insider, a equipa médica conta que a …

17 anos depois, Estados Unidos voltam a aplicar a pena capital a nível federal

Os Estados Unidos procederam, esta terça-feira, à primeira execução federal de um prisioneiro no "corredor da morte" em 17 anos, através de uma injeção letal. Daniel Lewis Lee, 47 anos, natural de Yukon (Oklahoma), foi executado …

Com o pretexto de paz, "senhor da guerra" vai ganhando poder na República Centro-Africana

O "senhor da guerra" Ali Darassa foi pago pelo presidente da República Centro-Africana e já influenciou a demissão de um ministro numa tentativa de manter a paz no país. A República Centro-Africana é um país atormentado …

Ministério Público acusa 25 arguidos pela queda do BES

O Ministério Público deduziu acusação, esta terça-feira, contra 25 arguidos, 18 pessoas singulares e sete pessoas coletivas, no âmbito do processo sobre a queda do Universo Espírito Santo. "O Ministério Público do Departamento Central de Investigação …

Agora, até o Toyota Corolla é um crossover

O Toyota Corolla Cross é o mais recente SUV da marca japonesa. Apesar de a marca estar a reforçar a sua gama de SUV, Portugal terá de esperar mais um pouco. Na semana passada, a Toyota …

Da Escócia à Grécia, Kleon pedalou durante 48 dias para regressar a casa

Um jovem grego, "preso" na Escócia devido ao cancelamento dos voos por causa da pandemia de covid-19, decidiu pedalar durante 48 dias consecutivos para conseguir regressar a casa. De acordo com a CNN, Kleon Papadimitriou, de …

Após fugirem da Venezuela, milhares foram obrigados a regressar por causa da pandemia (mas não é assim tão fácil)

Desde 2016, quase cinco milhões de venezuelanos deixaram o país, fugindo da pobreza e dos serviços sociais e de saúde em colapso. Agora, a pandemia de covid-19 forçou-os a regressar à Venezuela - se o …

Costa defende na Hungria que Estado de direito não deve ser associado à recuperação

O primeiro-ministro defendeu, esta terça-feira, à saída de uma reunião com o seu homólogo húngaro que a questão do Estado de direito, embora "central" para Portugal, não deve ser relacionada com as negociações sobre o …