Tsunami na Indonésia foi confundido com maré crescente

(h) Banten Police / EPA

As autoridades indonésias confundiram inicialmente o tsunami que causou este sábado pelo menos 222 mortos e 843 feridos com uma maré crescente e chegaram a apelar à população para não entrar em pânico, noticiou a agência de notícias France-Presse.

O tsunami que este sábado atingiu a Indonésia foi inicialmente tratado como uma maré crescente pelas autoridades, que chegaram a apelar à população para não entrar em pânico. “Foi um erro, sentimos muito“, escreveu na rede social Twitter o porta-voz da Agência Nacional de Gestão de Desastres, Sutopo Purwo Nugroho.

De acordo com as autoridades, o tsunami foi desencadeado por uma maré anormal associada a um deslizamento submarino causado pela erupção do vulcão Anak Krakatoa.

“A combinação causou um tsunami repentino que atingiu a costa”, disse o porta-voz, acrescentando que a agência geológica indonésia estava a conduzir uma investigação para descobrir exatamente o que aconteceu.

A Agência Nacional de Gestão de Desastres da Indonésia adiantou este domingo que o tsunami causou 222 mortos, 843 feridos e 28 desaparecidos, numa atualização dos números do balanço anterior, noticiada pela AP.

A área mais afetada foi a região de Pandeglang, na província de Banten, em Java, que abrange o Parque Nacional de Ujung Kulon e praias populares, de acordo com as autoridades. Das mortes, 33 estavam em Pandeglang.

O vulcão Anak Krakatoa, no Estreito de Sunda, que liga o Oceano Índico ao Mar de Java, entrou em erupção antes do tsunami. O vulcão de 305 metros de altura está localizado a cerca de 200 quilómetros a sudoeste da capital Jacarta e tem sido registada atividade desde junho.

Ghazali / EPA

O vulcão do monte Anak Krakato, na ilha de Lampung, na Indonésia, está em actividade

Em julho, as autoridades ampliaram a proibição de acesso para uma área de dois quilómetros à volta da cratera.

O tsunami atingiu Lampung, Samatra, e as regiões de Serang e Pandeglang, em Java. O país situa-se no chamado Anel de Fogo do Pacífico, zona de forte atividade sísmica, situada na convergência de três placas tectónicas (indo-pacífica, australiana e eurasiática).

A Indonésia está localizada no Anel de Fogo do Pacífico, um arco de linhas de falhas na Bacia do Pacífico com mais de 400 vulcões, dos quais pelo menos 129 ativos. A região, com grande atividade sísmica e vulcânica, regista cerca de sete mil terramotos por ano – na sua grande maioria moderados.

Gringer / wikimedia

Anel de Fogo do Pacífico

O desastre natural mais recente na Indonésia aconteceu a 28 de setembro, quando mais de duas mil pessoas morreram na ilha de Celebes na sequência de um terramoto seguido de tsunami, causando ainda milhares de feridos e desaparecidos.

A ilha turística de Lombok, perto de Bali, no sul da Indonésia, foi atingida por dois fortes terramotos a 29 de julho e a 05 de agosto, seguidos por réplicas, e de um novo sismo de magnitude 6,9, a 19 de agosto, causando mais de meio milhar de mortos.

Em dezembro de 2004, um sismo de magnitude 9,1 também ao largo de Samatra, provocou um tsunami que matou 230 mil pessoas em 14, das quais 168 mil na Indonésia.

ZAP ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Carro da Tesla ajuda o FBI a capturar homem suspeito de atear fogo em igreja

As câmaras de um Tesla ajudaram as autoridades a prender um homem suspeito de atear fogo numa igreja na cidade de Springfield, no estado de Massachusetts. A congregação foi atacada mais de uma vez em …

Destemida e aventureira. Com apenas 18 anos, Simone Segouin ajudou a França a derrotar os nazis

Quando tinha apenas 18 anos, Simone Segouin juntou-se à Resistência Francesa para capturar as tropas nazis, sabotar os planos alemães e lutar contra o fascismo no seu país. Apesar de ter abandonado a escola bastante cedo, …

Orgulho e ciúmes. Corrida armamentista entre Coreias coloca ambiente de paz em risco

A relação entre a Coreia do Norte e a Coreia do Sul é conhecida por ser bastante conturbada, sendo que nos últimos anos já ocorreram alguns incidentes entre os países. Agora, as duas nações peninsulares …

"Estória mal contada": a saída de João Marques do Famalicão

Perto do final do campeonato feminino de futebol, o treinador das candidatas ao título abandona o emblema minhoto. Provavelmente porque vai liderar outra equipa minhota. Adeptos não gostaram. A Liga BPI, a primeira divisão nacional feminina …

Livre cede lugares à IL e ao Volt. Vasco Lourenço fala em "chicana política"

O Livre cedeu, esta quarta-feira, quatro lugares da sua comitiva no desfile que assinala o 25 de Abril à Iniciativa Liberal e ao Volt Portugal, depois da comissão promotora os ter informado de que não …

Pena de morte diminuiu. Execuções globais atingem o número mais baixo numa década

Globalmente, foram executadas 483 pessoas em 2020, o número mais baixo registado pela Amnistia Internacional (AI) numa década, marcando uma redução de 26% em relação a 2019 e 70% comparativamente a 2015. Segundo um artigo da …

Putin avisa que quem ameaçar a Rússia "se irá arrepender como nunca"

O presidente Vladimir Putin emitiu um alerta durante o seu discurso anual ao Governo. O líder frisou que qualquer membro da comunidade internacional que ameace a Rússia "se irá arrepender como nunca se arrependeu antes". O …

Nove anos depois, Bruxelas deixa de monitorizar atividade da CGD

A Direção-Geral da Concorrência da Comissão Europeia (DG Comp) encerrou o processo de monitorização do plano estratégico da Caixa Geral de Depósitos (CGD). "A Caixa Geral de Depósitos, S.A. (CGD) informa que recebeu comunicação da Direção …

Se não fosse o vídeo de Darnella Frazier, "Derek Chauvin ainda seria polícia"

Darnella Frazier, na altura com 17 anos, foi a responsável pelo vídeo que mostra o ex-agente da polícia Derek Chauvin a prender o afro-americano George Floyd, que acabou por não resistir. Esta terça-feira foi um dia …

Eutanásia. Jurisdição do PSD considera haver matéria para processo disciplinar a Rio e Adão Silva

O Conselho Nacional de Jurisdição do PSD considerou que existe "matéria bastante para abertura de processo disciplinar" ao presidente do partido e ao líder parlamentar por violação de uma decisão do Congresso sobre eutanásia, faltando …