Trump sugere que os mexicanos são uma ameaça terrorista maior do que o Daesh

Michael Reynolds / EPA

O Presidente Donald Trump sugeriu que os mexicanos são uma ameaça muito maior do que o Daesh. Respondendo uma vez mais às críticas sobre ter retirado as tropas dos Estados Unidos (EUA) junto à fronteira entre a Síria e a Turquia, afirmou que prefere “muito mais” focar-se na “fronteira a sul, que faz parte dos Estados Unidos da América”.

“E a propósito, os números baixaram imenso e o MURO está a ser construído!”, afirmou ainda Donald Trump, citado pelo Expresso na terça-feira.

A retirada das tropas norte-americanas daquele território abriu o caminho à atual ofensiva do Presidente turco Recep Tayyip Erdogan contra os curdos (que já matou dezenas de combatentes e civis, apontando a Vanity Fair para 81 dos primeiros e 60 dos segundos).

Esta não é a primeira vez que o Presidente norte-americano faz a associação entre os mexicanos e o terrorismo. Em março, segundo o Washington Post, Donald Trump estava a considerar designar os cartéis de droga do país vizinho como terroristas. O seu discurso público sobre a emigração tem identificado a emigração ilegal do México com as atividades dos gangues criminosos desde o dia em que lançou a sua campanha presidencial, em 2015.

Em relação ao Daesh, disse que o facto de centenas de membros desse grupo que eram prisioneiros dos curdos terem conseguido fugir após a Turquia lançar o seu ataque não é um problema, pois muitos deles deslocar-se-ão para a Europa, de onde são originários, não para os EUA.

E acrescentou: “Após derrotar 100% do Califado, retirei largamente as nossas tropas da Síria. Deixem a Síria e Assad proteger os curdos e lutar com a Turquia pela sua própria terra. Disse aos meus generais, por que é que devemos lutar pela Síria e Assad para proteger a terra do nosso inimigo?”.

Tendo há dias chamado aos curdos – que lutaram ao lado dos EUA contra o Daesh durante anos e sofreram 11 mil baixas – “gente especial e combatentes maravilhosos”, garantindo que de modo algum os tinha abandonado, agora explicou: “Quem quiser ajudar a Síria a proteger os curdos está bem para mim, seja a Rússia, a China, ou Napoleão Bonaparte. Espero que se saiam muito bem, estamos a 7000 milhas (11.265 quilómetros) de distância”.

Taísa Pagno ZAP // //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Claro que esta deve de ser mais uma infeliz declaração tirada de algum discurso repleto de ódio, xenofobia, incompetência governativa evidente, estúpida prepotência ditatorial : cada vez mais se chega a conclusão, que por as suas lamentáveis prestações cénicas e discursos megalomaníacos, este Sr. deve sofrer de distúrbio mental grave. Um perigo para a Paz Mundial, já bem fragilizada !………. O pior é que gente como esta perigosa criatura, ocupam cargos Presidenciais em várias partes do Mundo, eleitos por uma parte de população igualmente doentia !…existe armamento nuclear suficiente para aniquilar a raça humana da superficie deste Planeta, e estes Psicopatas tem esse poder na mão ! dá que se preocupar !…não acham ???

RESPONDER

Sporting 2-1 Santa Clara | Super-Coates volta a ser herói

Arrancado a ferros… à campeão? O Sporting esteve a poucos segundos de registar o terceiro empate em casa, perante um Santa Clara que não foi em nada inferior aos “leões” e até conseguiu ser superior em …

Os gatos demonstram ser menos leais do que os cães (mas pode haver uma razão)

Ainda existe um estereótipo sobre a diferença entre cães e gatos. Normalmente as pessoas associam os cães a animais amorosos e leais, enquanto os gatos são tidos como distantes e indiferentes. Um novo estudo pode …

O mistério do "lago dos esqueletos" na Índia intriga cientistas há décadas

O Roopkund, localizado na parte indiana dos Himalaias, é um lago glacial com centenas de ossos humanos. E ninguém sabe como foram lá parar. Em 1942, um guarda florestal revelou ao mundo a existência deste lago …

A fronteira mais importante da China é imaginária: a Linha Hu

A Linha Hu, também conhecida como linha Heihe-Tengchong, é uma linha imaginária que divida a China em duas partes com áreas quase iguais. Estende-se da cidade de Heihe até Tengchong. Desenhada pela primeira vez em 1935, …

Algumas pessoas moram em aeroportos durante meses (ou até mesmo anos)

Aeroportos não servem de casa apenas para os sem-abrigo. Há pessoas que, involuntariamente ou não, ficam lá durante meses e, em alguns casos, até mesmo anos. Em janeiro, as autoridades de Chicago prenderam um homem de …

Senado da Carolina do Sul aprova fuzilamento como método de execução

Com esta decisão, a Carolina do Sul poderá converter-se no quarto estado do país a incorporar este método de execução de pena de morte, depois do Utah, Oklahoma e Mississípi. De acordo com a agência noticiosa …

"Oxigénio tornou-se ouro". Criminosos lucram com a sua escassez no México

A pandemia de covid-19 deixou a Cidade do México a atravessar uma grande escassez de oxigénio médico. Criminosos estão a aproveitar para lucrar com a situação. A capital mexicana registou um pico de infeções e hospitalizações …

Meteorito do tamanho de um damasco caiu em França (e os astrónomos precisam de ajuda para encontrá-lo)

Os entusiastas do Espaço estão a ser instados a procurar um meteorito do tamanho de um damasco que caiu no fim de semana passado no sudoeste de França.  O meteorito, com peso estimado em 150 gramas, …

Professora pediu a alunos para fingir que eram escravos e escreverem carta para África

Uma professora de uma escola secundária no Mississippi, nos Estados Unidos, está a ser alvo de críticas devido a uma fotografia de um trabalho de casa divulgada nas redes sociais. Foi pedido aos alunos do 8.º …

Obra de Churchill que pertencia a Angelina Jolie vendida por valor recorde

O quadro pintado pelo antigo primeiro-ministro britânico foi vendido por 8,3 milhões de libras. A pintura foi um presente de Winston Churchill para o presidente dos Estados Unidos, Franklin D. Roosevelt, e agora foi leiloada …