Tribunal inglês decidiu entregar o bebé Santiago para adoção

(dr) ourbabywassnatchedbythesocialservices / Facebook

Iolanda Menino com o filho Santiago

Iolanda Menino com o filho Santiago

Um tribunal inglês decidiu hoje entregar para adoção o bebé retirado pelos serviços sociais britânicos a um casal luso-britânico, após a falta de resposta às tentativas de contacto, adiantou fonte da secretaria de Estado das Comunidades Portuguesas.

“O Tribunal de Portsmouth decidiu que a criança será encaminhada para adoção”, confirmou a mesma fonte, adiantando que a audiência final do processo foi marcada para 22 de Julho.

O caso refere-se a Santiago, filho da portuguesa Iolanda Menino e do britânico Leonardo Edwards, nascido a 1 de fevereiro e retirado pelos serviços sociais ao fim de nove dias.

Segundo a fonte, os pais não estiveram presentes na audiência nem se fizeram representar na sessão à qual assistiu uma funcionária do Consulado Geral de Portugal em Londres.

“As autoridades portuguesas solicitaram, na última audiência do Tribunal, algum tempo para tentar estabelecer contacto com os avós de Santiago, que residem na Figueira da Foz”, informou a secretaria de Estado.

“Infelizmente, nem os avós nem os pais responderam às muitas tentativas de contacto feitas presencialmente, por assistentes sociais, por ‘email’, por telefone e por correio registado”, acrescentou a fonte da SEC.

“Assim, o Consulado informou o Tribunal de que as nossas tentativas foram infrutíferas”, adiantou a fonte da secretaria de Estado das Comunidades Portuguesas.

Os pais da criança viajaram para Portugal em abril.

Nessa altura, abordaram o presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, o primeiro-ministro, António Costa, e o ministro dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva.

Foram também recebidos pelos deputados Paulo Pisco (PS) e, numa outra ocasião, pelos deputados Carlos Gonçalves (PSD), Isabel Santos (PS), Carla Cruz (PCP) e Domicilia Costa (BE) e fizeram uma manifestação junto à Assembleia da República.

Entretanto, iniciaram uma campanha intitulada “Justiça para o Santiago” nas redes sociais, onde acusam os serviços sociais de “rapto” e de “tráfico de crianças”.

Segundo relataram à Lusa, tudo começou após um parto em casa que correu mal.

Iolanda Menino sofreu uma hemorragia e foi internada, no mesmo dia, para a remoção da placenta, tendo alta no dia seguinte.

No terceiro dia de vida da criança, duas enfermeiras dirigiram-se à residência, em ocasiões diferentes, para observar o bebé, mas os pais recusaram-se a abrir a porta, alegando que a mãe estava cansada e que as visitas não tinham sido marcadas.

Posteriormente, um agente da polícia deslocou-se à casa e observou a criança.

Porém, aos cinco dias de vida, Santiago contraiu icterícia e os pais levaram-no ao hospital, onde ficou internado para um tratamento de três dias.

Foi então que foram informados de que o tribunal decidira que a criança lhes seria retirada.

Desde então, o casal ficou limitado a ver o filho por períodos diários de 90 minutos, mas não diariamente, até 4 de março, data em que o viram pela última vez.

Devido à denúncia que fizeram na comunicação social e na Internet, Iolanda e Leonardo foram alvo de uma providência cautelar para pararem de falar publicamente sobre o caso, sob ameaça de prisão, razão pela qual se recusam a regressar ao Reino Unido.

/Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

A supergigante Betelgeuse é mais pequena e está mais perto da Terra do que se pensava

De acordo com um novo estudo feito por uma equipa internacional de investigadores, podem ser necessários mais 100.000 anos até que a estrela gigante vermelha Betelgeuse morra numa explosão de fogo. O estudo, liderado pela Dra. …

Mulheres menos propensas à covid-19 por respeitarem mais o distanciamento social

Uma das razões pelas quais as mulheres podem ser menos vulneráveis ​​a infeção pelo novo coronavírus deve-se ao facto de serem mais propensas a aderir às políticas de distanciamento social, sugeriu uma nova pesquisa. Uma pesquisa …

Braga 3 - 0 AEK | Minhotos de gala conquistam atenienses

O Sporting de Braga iniciou a sua participação no Grupo G da Liga Europa com uma vitória. Na recepção aos gregos do AEK de Atenas, os minhotos mostraram ser muito mais equipa e ganharam por …

Capitalismo vai arruinar o planeta até 2050, alertam cientistas

Um grupo de cientistas alerta que se continuarmos com este capitalismo desenfreado, o nosso planeta vai sofrer consequências a nível climático e ambiental. Até 2050, o planeta Terra pode sofrer seriamente às mãos do capitalismo desenfreado. …

Os novos faróis inteligentes da Audi levam-no ao cinema sem sair do carro

Os novos faróis LED da Audi levam-no ao cinema sem sair do carro, já que são capazes de projetar imagens na estrada ou em paredes. A novidade é lançada na nova linha de SUVs elétricos da …

FC Porto foi "histriónico" e não se portou bem, escreve-se em Manchester

Jornal inglês alega que os elementos do FC Porto foram exagerados, turbulentos e não tiveram um comportamento adequado. Não há uma única palavra sobre o árbitro. Na manhã seguinte à derrota (3-1) do FC Porto em …

De passagem secreta a cemitério de carros. Túnel sob Nápoles "esconde" veículos enferrujados da II Guerra

No centro de Nápoles, em Itália, há veículos e motocicletas abandonados e enferrujados dos anos 1940 alinhados num túnel a mais de 30 metros abaixo dos seus pés. A Piazza del Plebiscito foi nomeada após uma …

Primeira ministra islandesa interrompida por um terramoto quando dava uma entrevista em direto

Um terramoto de magnitude 5.6 interrompeu uma entrevista em direto da primeira ministra islandesa ao The Washington Post. Mas Katrin Jakobsdottir reagiu à situação de forma tranquila: "Isto é a Islândia". Katrin Jakobsdottir estava a dar …

O voo mais longo do mundo está de volta (e agora é ainda mais longo)

O voo da Singapore Airlines que partia de Singapura com destino até Nova Iorque, foi uma das vítimas do covid-19 e ficou suspendo a 23 de março. Agora, é possível viajar nesta rota novamente, e …

Obras de cinco museus de Berlim vandalizadas no início do mês

Sarcófagos egípcios, pinturas do século XIX e esculturas em pedra de três dos principais museus de Berlim foram atacados com uma substância líquida oleosa a 3 de outubro, dia em que se festejaram os 30 …