Triângulo das Bermudas. Lula gigante pode ser a culpada de todos os misteriosos desaparecimentos

O misterioso desaparecimento de barcos no Triângulo das Bermudas poderia estar ligado à agressividade de lulas gigantes, cuja existência foi comprovada em 2004.

Até 2004, a existência de lulas gigantes era considerada um mito por grande parte da comunidade científica mundial. No entanto, naquele ano, os investigadores japoneses Tsunemi Kubodera e Kyoichi Mori conseguiram filmar pela primeira vez o animal, de cerca de oito metros de comprimento, no litoral do Japão, não muito longe das Ilhas Ogasawara.

Este ano, de acordo com a Sputnik News, uma equipa de cientistas da organização Pesquisa e Exploração Oceânica (OER, na sigla em inglês), nos Estados Unidos, publicaram um vídeo em que uma lula gigante foi vista no golfo do México, local próximo ao Triângulo das Bermudas.

A descoberta dá força à ideia de que o desaparecimento de barcos nas Bermudas poderia ser resultado de ataques de lulas gigantes, hipótese que até então só era ouvida de mitos antigos.

“A lenda das lulas gigantes não é uma lenda. Elas existem. Algumas delas têm mais de 45 metros de comprimento”, disse Rob Simone, investigador das Bermudas, num documentário referido pelo Express.

A ideia de Simone também foi sustentada pelo cientista do Aquário de Vancouver Jeffrey Marliave. “A maior parte dos casos [de ataques a barcos] não foi [causado por] polvos. A única espécie que poderia realizar um ataque a um barco pequeno seria um parente do polvo, a lula gigante“, declarou Marliave.

Estima-se que, nos últimos 100 anos, o misterioso “Triângulo das Bermudas” tenha provocado a destruição de 75 aviões e afundado centenas de barcos e navios – provocando mais de mil mortes. Em média, 5 aviões continuam a desaparecer na região todos os anos.

Ao longo dos anos, foram avançadas várias teorias para explicar o mistério. A mais recente teoria foi avançada em 2016 por um grupo de meteorologistas segundo os quais a culpa dos desaparecimentos será da presença de “nuvens hexagonais” que podem originar ventos muito fortes ou “bombas de ar” capazes de destruírem ou afundar navios e aviões.

No passado, entre outras teorias, atribuiu-se o mistério a bolhas de gás metano do fundo do oceano, campos magnéticos, ondas gigantes, ou a explicações mais metafísicas, como dimensões alternativas, universos paralelos ou raptos por extraterrestres.

ZAP //

PARTILHAR

18 COMENTÁRIOS

  1. Pois pois. Foi algum Deus que se estabeleceu naquela área e precisa de actualizações. Muita coisa mudou nos últimos séculos e é só ver lulas gigantes dependuradas em aviões ou abraçadas a cargueiros de 200 ou 300 metros. Depois é só sacar informação a algum triste ou sortudo sobrevivente. Nem na pior ficção científica se relacionava um tema tão absurdamente.

  2. Desculpem lá, mas onde é que vocês foram buscar essa ideia que até 2004 a existência de lulas gigantes era considerado um mito? Peguem em qualquer livro sobre animais publicado nos anos 70 ou 80 e lá a lula gigante é apresentada de forma completamente factual, não como sendo um mito ou uma lenda; e a espécie “Architeuthis dux” (o nome científico da lula-gigante) foi identificada em 1857, há quase 200 anos. Talvez, como o que vocês o que fazem é traduzir artigos, haja algum problema de tradução que esteja a causar isso (no original estar alguma coisa que não “giant squid”?)

    • Architeuthis dux que é a chamada giant squid foi descrita em 1857
      a Mesonychoteuthis hamiltoni, bem mais massiva, foi descrita depois, em 1925
      Mas nenhum dos casos é assim recente igual a materia fala
      Será que existe outro animal descrito em 2004 que nos não estamos sabendo?

      • O animal novo é a lula gigante voadora, com o nome de Architeuthis dux aeriaes que só se desenvolveu a partir do inicio do século passado, uma vez que as suas presas os aviões só começaram a surgir a partir de 1900. 🙂

    • A lula-gigante do Aquário Vasco da Gama foi capturada em julho de 1972. Pela informação que consegui recolher, penso que há confusão, no artigo, com a lula-colossal. De facto, conforme refere Tarsso (9 Novembro, 2019 at 23:29), a primeira notícia desta espécie foi dada em 1925, mas só dois tentáculos foram encontrados. Os primeiros espécimens completos, apenas em 1981, 2003, 2005 e 2007.

  3. … até tenho medo das lulas que mandam aviões abaixo. Só se forem as que o piloto comeu ao almoço compradas numa daquelas promoções pague uma leve duas e não ligue à cor estranha….

  4. Inclino-me mais pela última hipótese descrita no artigo, a dos extra-terrestres que se entretêm a mandar aviões a baixo. Ou um ser de um qualquer universo alternativo que vem cá a este universo só para nos chatear, e apenas naquele local. Só me falta descobrir porque é que eles preferem aquele local e não outro qualquer.

  5. “Até 2004, a existência de lulas gigantes era considerada um mito por grande parte da comunidade científica mundial. ”
    Esta primeira linha tira toda a credibilidade à notícia, mostrando que é fantasiosa!
    Até parece que a que está no aquário Vasco da Gama é falsa! (foi encontrada morta, como muitas outras, mas é real!)

  6. Querem uma boa história verídica, contada em primeira mão por um sobrevivente?
    Procurem por: Bruce Gernon , podem procurar para ver em português o seu testemunho, o programa Ancient Aliens, “Earth’s Black Holes”. MUITO BOM!

  7. Porra a ciência está cada vez mais estupida agora são os aviões e navios engolidos devido a lulas gigantes, de ser deve, a ciência é para rir.

  8. Bom dia! Alguém sabe dizer quantos braços tem a lular gigante? Um dos casos de desaparecimento mais famoso no, já famoso triângulo, foram 6 aviões da armada norte-americana. Se as lulas tiverem 8 tentáculos… o caso está explicado. o sétima tentáculo foi para capturar o 7º avião que saiui para perceber o que se passava, na altura, o que faz com que fique a sobrar um tentáculo… o qual sem dúvida foi utilizado para escrever este artigo, baseado na incrível descobertas dos citados cientistas. A aritemética nunca falha…

RESPONDER

Dedução do IRS para segundo filho duplica já em 2020

O Governo vai avançar no Orçamento do Estado para 2020 com mais deduções em sede de IRS e IRC para pais que tenham um segundo filho até aos três anos. No caso das famílias, além da …

Cientistas descobriram o segredo das pessoas que vivem mais de 110 anos

A longevidade excecional, como a das pessoas chegam a viver mais de 110 anos, pode dever-se a determinados glóbulos brancos raros no seu sangue. Um grupo de investigadores do Instituto Riken e da Universidade de Keio, …

Polícia do Chile suspende uso de armas de ar comprimido como ferramenta antimotim

A polícia do Chile anunciou esta terça-feira a suspensão do uso armas de ar comprimido, que já provocou lesões oculares a mais de 200 manifestantes, dias depois de um relatório ter revelado que os projéteis …

Polícia holandesa encontra 25 pessoas escondidas em contentor frigorífico num cargueiro

A polícia holandesa localizou esta terça-feira 25 pessoas escondidas num contentor frigorífico numa embarcação que saiu do porto de Vlaardingen, perto de Roterdão, na Holanda, em direção ao Reino Unido, mas teve de regressar após …

É oficial: José Mourinho é o novo treinador do Tottenham

O treinador português José Mourinho, que estava no desemprego há quase um ano, é o sucessor do argentino Maurício Pochettino no comando do Tottenham, anunciou esta quarta-feira o 14.º classificado da Liga inglesa de futebol. Mourinho, …

Cientistas captam imagens extremamente raras de um peixe a devorar um tubarão inteiro

https://vimeo.com/374136378 Os tubarões são dos animais mais temidos nos oceanos, mas naquela que é uma verdadeira troca de papéis, um tubarão foi devorado por completo por um peixe das profundezas do mar. Um vídeo publicado pela US …

Há uma nova maneira de medir a gravidade da Terra

Uma equipa de cientistas descobriu uma nova forma única de medir a gravidade da Terra. O método anterior envolvia medir a influência da gravidade nos átomos, rastreando a rapidez com que os átomos caíam. O problema …

Detetado pela primeira vez vapor de água na Europa, a lua de Júpiter

Uma equipa internacional de cientistas confirmou a presença de vapor de água na superfície de Europa, um dos quatro satélites naturais de Júpiter, revelou a agência espacial norte-americana (NASA). "Os elementos químicos essenciais (carbono, hidrogénio, …

Pela primeira vez, uma astronauta corrige página da Wikipédia a partir do Espaço

Pela primeira vez na história da Humanidade, a astronauta norte-americana Christina H. Koch fez a edição de uma página da Wikipedia na Internet a partir da Estação Espacial Internacional (EEI), enquanto orbitava o planeta Terra. A …

Rover Mars 2020 vai procurar fósseis microscópicos

Cientistas do rover Mars 2020 da NASA descobriram o que poderá ser um dos melhores locais para procurar sinais de vida antiga na Cratera Jezero, onde o veículo vai pousar no dia 18 de fevereiro …