Encontrados três testamentos de Aretha Franklin. Um estava escondido sob as almofadas da sala

Jeff Kowalsky / EPA

Foram encontrados três testamentos de Aretha Franklin na sua casa em Detroit, meses depois da morte da rainha do soul. A cantora norte-americana faleceu em agosto de 2018 aos 76 anos.

Franklin tinha 76 anos quando morreu de cancro do pâncreas. Advogados e parentes da estrela disseram, na época, que não tinha deixado um testamento. As três versões manuais foram encontradas neste mês. Dois de 2010 estavam num gabinete fechado e apareceram quando a chave foi encontrada.

O mais recente, de março de 2014, estava escondido sob as almofadas da sala, disse o advogado David Bennett na segunda-feira. O documento parece conceder os bens da famosa cantora aos seus parentes. Os testamentos têm uma carta muito difícil de decifrar com palavras riscadas, bem como frases nas margens.

Bennett, que foi advogado da cantora durante mais de 40 anos, apresentou as vontades às autoridades na segunda-feira. O advogado disse a um juiz que não tem certeza de que são legais de acordo com a lei do Michigan. Uma audiência será realizada a 12 de junho.

Bennett disse que os documentos foram partilhados com os quatro filhos de Franklin e os seus advogados, mas nenhum acordo foi alcançado sobre se algum deles poderia ser considerado válido. Uma declaração dos herdeiros diz que dois dos filhos se opuseram.

Sabrina Owens, administradora da Universidade de Michigan, é a representante pessoal dos herdeiros. “Permanece neutra e espera que todos os envolvidos tomem decisões inteligentes em nome da sua mãe, do seu rico legado, da família e dos ativos de Aretha Franklin”, disse o comunicado.

Num documento separado, Kecalf Franklin, um dos filhos, disse que Franklin queria que ele fosse o representante dos herdeiros de acordo com o testamento de 2014. O filho opõe-se a planos de vender terras ao lado da casa da sua mãe no condado de Oakland por 325 mil dólares.

A juíza Jennifer Callaghan aprovou em abril a contratação de especialistas para avaliar os bens de Franklin, incluindo as suas lembranças, roupas de gala para espetáculos e utensílios domésticos. O fisco está a auditar muitas das declarações de Franklin, de acordo com os seus herdeiros. As autoridades entraram com uma reclamação em dezembro por mais de seis milhões de dólares em impostos.

A estrela de Franklin não desapareceu desde a sua morte. Em abril, recebeu um Prémio Pulitzer honorário pela sua extraordinária carreira e recentemente estreou o filme “Amazing Grace”, gravado durante um concerto em 1972.

Os herdeiros da cantora têm muitos projetos em mente, “incluindo a proposta de televisão e cinema”, mas também têm de lidar com reclamações de credores e com o litígio resultante.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Elefantes encontrados mortos numa reserva florestal. Envenenamento pode ser a causa

As autoridades estão a tentar perceber de que forma é que os 18 elefantes selvagens asiáticos morreram no nordeste da Índia. Os elefantes, que incluíam cinco filhotes, foram encontrados mortos na reserva florestal protegida de Kondali, …

"Máxima segurança". Porto de Lisboa com protocolo de segurança para receber cruzeiros

A administração do Porto de Lisboa assinalou este domingo o regresso do movimento de passageiros de cruzeiros a partir desta segunda-feira, com o levantamento das restrições ao desembarque de passageiros em viagens não essenciais, sublinhando …

”Terrível engano”. Programa do Governo para incentivar regresso dos emigrantes exclui as ilhas

O Programa Regressar, criado em 2019 pelo Governo da República para incentivar o regresso dos emigrantes ao país, descrimina os Açores e a Madeira. O Governo prolongou os apoios (que podem chegar aos 7679 euros por …

Relatório alerta que parte da produção de painéis solares depende da exploração de uigures

A região de Xinjiang, na China, evoluiu nas últimas duas décadas e tornou-se num importante centro de produção para muitas das empresas que fornecem ao mundo as peças necessárias para a construção de painéis solares. No …

Morreu a atriz brasileira Eva Wilma. Tinha 87 anos

A atriz de brasileira Eva Wilma morreu este sábado aos 87 anos no hospital Albert Einstein, em São Paulo, onde estava internada desde abril devido a um cancro de ovário. A artista tinha sido internada a …

Marcelo quer descentralizar poder para regionalizar bazuca europeia

Marcelo Rebelo de Sousa quer desconcentrar poderes do Estado central para as comissões de coordenação e desenvolvimento regio­nal (CCDR), já a pensar na execução dos milhões que vão chegar de Bruxelas. A perspetiva do Chefe de …

Humanos mudam os ecossistemas com fogo há quase 100 mil anos

Um novo estudo mostra que os humanos têm mudado o ambiente em que vivem recorrendo ao fogo há pelo menos 92 mil anos. Ao chegar a novas terras, os humanos usaram o fogo para as mudar …

Catarina Martins considera “absurda” proposta de reforma das Forças Armadas

A coordenadora do BE, Catarina Martins, considerou a proposta de reforma das Forças Armadas feita pelo Governo “absurda” e de “absoluta submissão à NATO”. “A proposta do Governo é absurda, é uma proposta que centraliza decisões, …

Egito abre fronteira com Gaza. EUA deixam aviso a Israel (e UE reúne de emergência)

O Egito abriu este sábado a fronteira terrestre com Gaza e enviou 10 ambulâncias para o enclave palestiniano para transportar para os hospitais egípcios palestinianos que ficaram feridos nos bombardeamentos israelitas, indicaram responsáveis médicos. Segundo o …

Cientistas identificam novo tipo de resposta ao stress desencadeada pela condução

Toda a gente conhece a sensação física de quando estamos num carro a acelerar. Mas poucos sabem o que isso pode estar a fazer ao nosso corpo. De acordo com o site Science Alert, cientistas investigaram …