Trabalhos concluídos na ponte da Arrábida. Circulação reaberta junto à marginal do Porto

A circulação no troço da Rua do Ouro (marginal) sob a Ponte da Arrábida que tinha sido encerrado devido à queda de argamassa reabriu esta quinta-feira de manhã, segundo uma nota da Câmara Municipal do Porto.

Em comunicado, a autarquia adianta que a operação foi levada a cabo durante a noite e obrigou ao corte parcial do trânsito no tabuleiro da ponte, para que ali fosse estacionada uma plataforma para a realização dos trabalhos.

“A IP – Infraestruturas de Portugal, que é a entidade responsável pela ponte, procedeu a trabalhos de remoção controlada do betão destacado, de modo a impedir o desprendimento de novos blocos ou pedaços”, é referido na nota. A intervenção foi dada por concluída ao final da madrugada e a circulação foi restabelecida.

A Infraestruturas de Portugal, citada pela autarquia, refere que a situação, ocorrida na noite de terça para quarta-feira, “foi causada pelo desprendimento de fragmentos de betão/argamassa de revestimento das vigas do tabuleiro, os quais não constituem elementos estruturais da Ponte da Arrábida”.

A autarquia adianta ainda na nota que posteriormente serão feitos trabalhos de reparação relativamente à argamassa e que a IP vai elaborar um projeto de reparação geral na Ponte da Arrábida, que é já alvo de inspeções regulares pela própria IP e de acompanhamento pelo LNEC – Laboratório Nacional de Engenharia Civil.

A Câmara do Porto e a Proteção Civil continuam a acompanhar a situação em permanência e em articulação com a IP. Por precaução, o município procedeu, na terça-feira à noite, ao corte do trânsito, após a queda de pedaços de argamassa da Ponte da Arrábida.

Em declarações ao semanário Expresso, Adão da Fonseca, engenheiro e professor aposentado da Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto, considerou que a queda de fragmentos da ponte “não é normal”, mas o “aspeto geral do arco é bastante bom“.

O especialista e projetista da Ponte do Infante explicou que numa estrutura como esta e tendo em conta o passar do tempo criam-se “pequenas fendas no betão”, que permitem que oxigénio e água “cheguem às armaduras”, colocadas três ou quatro centímetros para lá da superfície – e aí começa a erosão.

“Esta queda é inerente ao avanço da corrosão”, sustentou o especialista, dizendo que, no fundo, “é como as pessoas”, a passagem do tempo pode trazer mais problemas.

“Se isto fosse normal teríamos notícias deste género todos os dias”, sublinha, observando contudo que a estrutura da ponte não parece ameaçada. “Quando passo lá não analiso com olhos de inspetor, mas o aspeto geral do arco é bastante bom. Que eu saiba, é a primeira vez no historial desta ponte que tal acontece”.

A Ponte da Arrábida é Monumento Nacional desde 2013.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Encontrada numa ilha remota do Japão garrafa com mensagem escrita em espanhol

Uma garrafa de vidro, que continha uma mensagem escrita em espanhol, foi encontrada recentemente numa praia na ilha de Minami Torishima, no Japão. A garrafa esteve à deriva no Oceano Pacífico mais de dez anos. A …

Emissões que estão a destruir camada de ozono vêm de duas províncias da China

A produção do clorofluorocarboneto (CFC) 11 foi proibida em todo o mundo em 2010. Mas, em 2018, verificou-se que a taxa de declínio do CFC tinha abrandado cerca de 50% desde 2012, o que significava …

O Japão fez um pedido ao mundo: Digam corretamente o nome do primeiro-ministro

Num momento em que se preparam uma série de eventos importantes no Japão, como a cimeira G20 e os Jogos Olímpicos de verão 2020, o ministro dos Negócios Estrangeiros japonês, Taro Kono, fez um pedido …

Ministério Público pede libertação do antigo líder da Juve Leo

O Ministério Público pediu esta sexta-feira a libertação de Fernando Mendes, antigo líder da claque do Sporting Juventude Leonina, justificando o pedido com o grave problema de saúde que enfrenta. Fernando Mendes foi detido a 7 …

Entender o que as pessoas mais temem pode ajudar a prevenir desastres naturais

Entender o que preocupa as pessoas é crucial para enfrentar perigos naturais e para a mitigação dos seus efeitos. Segundo uma análise avançada na quinta-feira, para evitar desastres, a população local, as autoridades municipais e …

Afinal, foi Banksy. Artista confirma autoria de mural em Veneza

O artista Banksy deixou a sua marca em Veneza ao pintar um mural sobre os migrantes no Mediterrâneo, uma certeza que chegou esta sexta-feira através do Instagram do artista, depois das suspeitas levantadas na semana …

"Engarrafamento" no Evereste. Já morreram cinco pessoas

Um norte-americano de 54 anos e uma mulher indiana morreram na quarta-feira na descida do monte Evereste, num dia que ficou marcado por um "engarrafamento" na montanha mais alta do mundo. O alpinista Nirmal Purja …

Se as europeias se disputassem nas redes sociais, ganharia o PAN

Se as eleições europeias, que se realizam no próximo domingo, fossem disputadas nas redes sociais, o Partido das Pessoas, Animais e Natureza, cuja lista é encabeçada por Francisco Guerreiro, teria fortes probabilidades de vencer. A …

Japão. Aplicação que protege as vítimas de assédio nos metros descarregada em número recorde

As mulheres no Japão estão a descarregar a aplicação Digi Police em número recorde. Trata-se de uma aplicação gratuita para 'smartphones', criada pela Polícia Metropolitana de Tóquio com o intuito de proteger as vítimas de …

Explosão em Lyon faz pelo menos oito feridos. Macron fala em "ataque"

Uma explosão de origem desconhecida numa rua pedonal do centro da cidade de Lyon, no leste de França, fez esta sexta-feira pelo menos oito feridos, noticiou a agência AFP. A Reuters adianta que serão dez …