Tolentino Mendonça é hoje elevado a cardeal

O arquivista e bibliotecário da Santa Sé, José Tolentino Mendonça, vai ser elevado a cardeal, este sábado, num Consistório convocado pelo Papa Francisco para a criação de 13 cardeais.

O arcebispo torna-se, aos 53 anos, no sexto cardeal português do século XXI e o terceiro a ser designado no atual pontificado, passando a ser o segundo membro mais jovem do Colégio Cardinalício, logo após Dieudonné Nzapalainga, cardeal da República Centro-Africana, de 52.

Sobre a sua nomeação José Tolentino Mendonça afirmou que é um chamamento para um “serviço mais radical” a Francisco e à Igreja, prometendo colaborar com uma “humildade muito grande”.



“Senti isso com muita clareza nesse chamamento que o Santo Padre me faz e que, de facto, é um chamamento ainda para um serviço mais radical e com uma humildade muito grande na colaboração com o Santo Padre e com a unidade de toda a Igreja”, declarou ao portal Vatican News.

Para o bispo de Leiria-Fátima, cardeal António Marto, a nomeação de José Tolentino Mendonça será importante na reforma da Igreja empreendida pelo Papa Francisco.

“Será um grande apoiante do Papa nesta reforma da Igreja que [Francisco] empreendeu e em que precisa de gente que o apoie e que percorra também os caminhos que ele nos indica”, disse o prelado à agência Lusa, em Fátima numa reação ao anúncio do pontífice, em 1 de setembro após o ‘Angelus’, no Vaticano.

Segundo o bispo de Leiria-Fátima, possivelmente o novo cardeal português, bibliotecário e arquivista da Santa Sé, transitará para um cargo “ainda mais adequado, Conselho para a Cultura, em que desempenhará cabalmente todos os dotes e todas as qualidades notáveis, de que é portador”.

O Conselho Permanente da Conferência Episcopal Portuguesa (CEP) manifestou também a sua congratulação e louvor pela nomeação, considerando que “é um bem para a sociedade e para a Igreja”.

Salientando a “humildade, competência, saber e cultura” de José Tolentino Mendonça, o padre Manuel Barbosa, secretário da CEP, frisou que é uma honra Portugal ter mais um cardeal e que isso “responsabiliza” a igreja na sua missão.

O bispo do Funchal, Nuno Brás, congratulou-se, por sua vez, com a nomeação indicando que a diocese madeirense se sente honrada.

“Trata-se de um filho da nossa diocese, que aqui deu os primeiros passos na vida cristã, aqui foi ordenado sacerdote e que agora se vê chamado a um dos serviços mais importantes da Igreja: o do aconselhamento próximo do Papa e da eleição dos seus sucessores”, sublinha o bispo do Funchal.

Já o Presidente da República manifestou “o mais profundo jubilo pela elevação do senhor Dom José Tolentino de Mendonça ao cardinalato, traduzindo o reconhecimento de uma personalidade ímpar, assim como da presença da Igreja Católica na nossa sociedade, o que muito prestigia Portugal”.

Marcelo Rebelo de Sousa sublinhou ainda a “excecional relevância” de Tolentino de Mendonça como “filósofo, pensador, escritor, professor e humanista”, recordando que o convidou para presidir às comemorações do Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas, em 2020.

O Presidente da República expressou a sua intenção de estar presente na cerimónia de imposição do barrete cardinalício a Tolentino Mendonça e o Palácio de Belém esclareceu a 4 de setembro, em resposta a uma pergunta da agência Lusa, que Marcelo Rebelo de Sousa comemora em Portugal o 5 de Outubro “com a discrição” própria de um dia de reflexão eleitoral, e vota em Celorico de Basto, independentemente da presença na investidura de Tolentino Mendonça como cardeal.

“Mesmo no caso de se confirmar a ida a Roma, o Presidente da República comemorará sempre em território nacional o 5 de Outubro, com a discrição correspondente a um dia de reflexão eleitoral, e votará no dia 6, como habitualmente, em Celorico de Basto”, esclareceu o Palácio de Belém, indicando que Marcelo Rebelo de Sousa, submeteu preventivamente à Assembleia da República, o assentimento para uma eventual deslocação a Roma, entre os dias 04 e 06 de outubro.

A cerimónia, na qual serão criados 13 novos cardeais, entre os quais se incluem o arcebispo de Jacarta, Ignatius Suharyo Hardjoatmodjo, o arcebispo de Kinshasa, Fredolin Ambongo Besungu, Jean-Claude Hollerich, arcebispo do Luxemburgo, Matteo Maria Zuppi, arcebispo de Bolonha e Michael Czerny, secretário da secção de migrantes e refugiados do dicastério para o serviço do desenvolvimento humano integral, decorrerá às 16:00 (hora local, 15:00 em Lisboa) na Basílica do Vaticano.

Tolentino de Mendonça foi elevado a bispo em 28 de julho de 2018, numa cerimónia no Mosteiro dos Jerónimos, em Lisboa, recebendo simbolicamente a antiga sede episcopal de Suava, no norte de África.

Pouco mais de um mês depois, em 1 de setembro, assumiu a responsabilidade pelo Arquivo Secreto do Vaticano e pela mais antiga biblioteca do mundo, a Biblioteca Apostólica, com a preocupação de preservar “um grande tesouro da Igreja e da humanidade”.

A partir do próximo sábado, junta-se aos outros atuais cardeais portugueses José Saraiva Martins, Manuel Monteiro de Castro, Manuel Clemente e António Marto, os dois últimos com direito de voto num eventual conclave para a eleição do Papa, tal como sucederá com Tolentino Mendonça.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Portugal é o país da União Europeia com mais confiança nas vacinas

Portugal é o país da União Europeia (UE) onde a população tem mais confiança nas vacinas contra a covid-19, com 95% dos inquiridos a considerarem as vacinas seguras, segundo um Eurobarómetro publicado esta quinta-feira pela …

Estas são as dez profissões mais bem pagas em Portugal

O ManpowerGroup fez o levantamento das das dez profissões mais bem pagas do país. Esses profissionais recebem até 150 mil euros por ano. Com base no levantamento das dez profissões mais bem pagas do país, fornecido …

Nave espacial chinesa com três astronautas acopla na nova estação espacial

A nave espacial chinesa que partiu ao início do dia de hoje com uma tripulação de três pessoas já acoplou na nova estação espacial da China, para uma missão de três meses, noticia a imprensa …

Vagas só vão aumentar nos cursos com notas mais altas

Para já, apenas os cursos procurados pelos alunos com médias mais elevadas vão poder aumentar o número de vagas disponíveis no concurso nacional de acesso deste ano. De acordo com o jornal Público, o Governo afastou, …

Novo Banco. "O que a Caixa deseja é que este processo acabe"

O presidente executivo da Caixa Geral de Depósitos (CGD) disse, esta quarta-feira, no Parlamento, que o desejo do banco público é que o processo relativo ao financiamento ao Novo Banco acabe. "O que, pessoalmente, a Caixa …

Boris Johnson diz que ministro da Saúde “não tem salvação possível” em mensagens reveladas por ex-assessor

Boris Johnson terá enviado mensagens escritas a um dos seus principais assessores, Dominic Cummings, onde descrevia o ministro da saúde como “sem porra de salvação possível”. Esta quarta-feira, as fotografias das mensagens trocadas entre Johnson e …

Portugal tem o dobro dos casos de covid-19 que existiam há um ano

O número de casos de covid-19 ativos em Portugal neste momento é mais do dobro do que há um ano atrás. A média diária de novos casos é quase o triplo. Apesar de 42% da população …

Sporting prestes a garantir contratação de Daniel Wass, antigo lateral do Benfica

O Sporting está muito perto de garantir a contratação de Daniel Wass ao Valência. O dinamarquês já passou pelo Benfica e pode custar agora 2 milhões de euros. Depois de as negociações com o Sporting de …

Portugal com testes negativos à covid-19 antes do jogo com a Alemanha

Os jogadores, equipa técnica e restantes membros da seleção tiveram resultados negativos nos testes à covid-19, realizados três dias antes do jogo com a Alemanha, revelou, esta quinta-feira, fonte oficial da Federação Portuguesa de Futebol …

Quatro anos depois do incêndio de Pedrógão, ainda há casas por reconstruir

Esta quinta-feira, assinalam-se quatro anos do grande incêndio de Pedrógão Grande, no distrito de Leiria, que provocou a morte a 66 pessoas. Quatro anos depois do incêndio de Pedrógão Grande, que deflagrou ao início da tarde …