Tiago Brandão Rodrigues saiu da “Disneylândia dos cientistas” (e quer continuar a ser ministro)

Manuel de Almeida / Lusa

O ministro da Educação, Tiago Brandão Rodrigues

Tiago Brandão Rodrigues quer estar de volta ao Governo se o PS ganhar as eleições. No SummerCEmp, pediu “cuidado” com o discurso sobre “os malandros do ensino profissional”.

Brandão Rodrigues viveu fora muitos anos e deixou Cambridge para aceitar ser ministro. Disse que sim a António Costa e diz que dirá outra vez se o PS ganhar as eleições legislativas e o secretário-geral quiser.

“Sinto-me sempre motivado para servir e para fazer serviço público. Estava na Disneylândia dos cientistas e era feliz”. Em outubro, de acordo com o Observador, espera renovar os votos com Portugal: “Não fiquei preso. Ganhei graus de liberdade também por entender este país”.

Portugal é um país onde “não há igualdade de oportunidades à partida” por um lado, e onde o ensino profissional não pode ser “uma via periférica”, por outro.

Sem dúvidas de que há quem olhe para “os malandros do ensino profissional que vêm roubar as nossas vagas”, o ministro pediu “cuidado com esse tipo de discurso”. “Acredito na discriminação positiva quando é necessária”. Uma “via de ensino de corpo inteiro”, reforçou Tiago Brandão Rodrigues. Os jovens com esse tipo de percurso “têm uma vantagem clara relativamente a vocês: dupla certificação académica”, disse aos 40 estudantes universitários, que por estes dias estão em Monsaraz a debater a Europa.

As universidades e os politécnicos “estão ávidos” de receber esses alunos, garantiu. Mas apenas 13 a 14% destes estudantes estão a seguir para o ensino superior – falta “criar condições”. Ficou para segundo plano num “conjunto de governos” anteriores, argumenta: “É importante dizer que este é o resultado disso”.

“Muitas vezes em turmas do ensino profissional, os alunos com quem contacto são os primeiros da família a fazer o ensino secundário”. Levará “cinco gerações para subverter o determinismo da condição social”. O ministro defende “uma igualdade de oportunidades à saída, tentando mitigar essa diferença” .

As instituições de ensino superior “têm de dizer aos ensinos básico e secundário que alunos querem e como os querem”, vincou.

Outro bom debate é a forma de avaliar a aprendizagem. Respondendo a perguntas dos participantes, o governante sublinhou que “as notas são sempre um indicador” a ter em conta, mas que importa adicionar “outros critérios”, como o voluntariado, por exemplo. “Um conjunto de outras competências deve ser salvaguardado”, porque são essas que darão aos estudantes “as ferramentas para fazer diferente” quando tentarem entrar no mercado de trabalho, acredita.

Brandão Rodrigues critica o “peso excessivo” dos exames e da avaliação contínua. “Cada cabeça sua sentença” nas universidades. “Têm de começar essa discussão”.

Reconhecendo que Portugal ainda tem “um défice muito grande de qualificações”, Tiago Brandão Rodrigues assinalou que o país tem, também, “a taxa de abandono escolar mais baixa de sempre“.

As estatísticas dizem que há mil professores com menos de 30 anos em Portugal. As escolas “não são caso isolado”, o problema é geral. “Toda a administração pública está envelhecida”. “Durante a troika, reduziu-se o número de professores em 20 mil. A educação foi excluída durante a troika”.

Sobre a saída do Reino Unido da União Europeia, o ministro português afirmou que “os planos de contingência têm de funcionar e foram preparados para funcionar”, e que tudo está a postos, em Portugal, para “uma transição suave” para uma Europa apenas a 27. Admitiu, contudo, que o processo do Brexit tem revelado surpresas com alguma irregularidade, de modo que “há que estar preparado”.

Perante um público nascido após a adesão de Portugal à então Comunidade Económica Europeia, o governante recordou como “absolutamente fundamental” ter vivido em Espanha e no Reino Unido. Os “Erasmus” começaram a aparecer quando estudava na universidade e Tiago Brandão Rodrigues fez o programa, recordando “a grande transformação” para Coimbra que representou receber estudantes estrangeiros. “Eles vinham em bandos, era a verdadeira revolução“, relatou.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

O propósito do sono muda repentinamente quando somos crianças

Uma equipa de investigadores identificou uma mudança repentina no propósito pelo qual precisamos de dormir. A alteração foi verificada, na mesma altura, em animais. A razão pela qual precisamos de dormir pode variar de acordo com …

“Desrespeito e mentira”. Rui Moreira ameaça levar UEFA a tribunal após cancelamento da Supertaça europeia

O presidente da Câmara do Porto ameaçou recorrer à justiça para reclamar os prejuízos causados pela decisão da UEFA de não realizar a final da Supertaça europeia de futebol na cidade, acusando aquela instituição de …

Eis os quatro mundos mais promissores de albergar vida alienígena

Marte, Europa, Encélado e Titã são, de acordo com as descobertas científicas, os mundos mais promissores de albergar vida alienígena. A biosfera da Terra contém todos os ingredientes conhecidos necessários para a vida como a conhecemos. …

O Ciclo Solar 25 vai afetar a vida na Terra (e a NASA explica como)

A cada 11 anos, o Sol inicia um novo ciclo solar, marcado por períodos de violentas erupções e explosões magnéticas. Em dezembro de 2019, teve início um novo ciclo solar. Na semana passada, a NASA e …

Criada para prevenir a guerra, a ONU enfrenta um mundo profundamente polarizado

Criada após a Segunda Guerra Mundial para evitar novos conflitos, a Organização das Nações Unidas (ONU) comemora esta segunda-feira o 75.º aniversário, num mundo polarizado que enfrenta uma pandemia, conflitos regionais, uma economia em declínio …

Mulher cai de carro em movimento enquanto grava vídeo para o Snapchat

Uma mulher, que ocupava o lugar do passageiro de um carro em movimento, caiu numa auto-estrada enquanto filmava um vídeo para a rede social Snapchat, no Reino Unido. Segundo a CNN, a mulher estava pendurada na …

Nos Estados Unidos, a venda de discos em vinil ultrapassou a de CD pela primeira vez desde 1986

Pela primeira vez desde 1986, as vendas de discos de vinil ultrapassaram as vendas de CD nos Estados Unidos em 2020. Os números foram apresentados na semana passada pela Associação Americana da Indústria de Gravação, …

Mourinho espera ganhar sem jogar

Tottenham iria defrontar o Leyton Orient mas também no Reino Unido há jogos de futebol em causa por causa do coronavírus. O encontro entre Leyton Orient e Tottenham, relativo à terceira eliminatória da Taça da Liga …

A máfia italiana tem uma nova arma de recrutamento: o TikTok

Os jovens membros da Camorra, organização criminosa aliada à máfia siciliana, estão a recorrer ao TikTok para divulgar o seu estilo de vida e recrutar novos membros. Em maio, um vídeo foi publicado no TikTok que …

Os três segredos para ter um bom sistema imunológico são gratuitos, avisa Fauci

Manter o sistema imunológico saudável é um dos fatores-chave para lidar com a covid-19, o que não implica necessariamente a toma de suplementos vitamínicos. Há uns tempos, quando confrontado com o facto de a atriz Jennifer …