O terrível tubarão-branco fica apavorado com outra criatura marinha

O tubarão branco (Carcharodon carcharias) pode não ser o “rei” dos oceanos. Uma investigação, levada a cabo pelo Monterey Bay Aquarium, nos EUA, refuta a ideia que este seja o predador mais temido dos oceanos, revelando mesmo que o animal foge quando há orcas (Orcinus orca) na zona em que está a caçar.

Quando confrontados com orcas, explicou o líder da investigação, Salvador Jorgensen, “os tubarões brancos deixam imediatamente o seu território de caça favorito e não voltam durante um ano, mesmo que as orcas estejam apenas a passar por lá”-

Durante a investigação, cujos resultados foram esta semana publicados na revista científica Scientific Reports, os cientistas documentaram quatro encontros entre estas espécies perto de Los Farallones, um grupo de ilhas na costa de São Francisco.

Os cientistas analisaram as suas interações a partir de dados anteriores de 165 tubarões brancos recolhidos entre 2006 e 2013. Posteriormente, compilaram vários estudos sobre estes dois animais, bem como elefantes marinhos que também habitam a mesma área.

Como resultado, completou o cientista Jim Tietz, a equipa foi capaz de “mostrar conclusivamente como é que os tubarões brancos deixam a área quando  aparecem orcas”. Em todos os casos analisados, os tubarões fugiram das águas destas ilhas assim que os cetáceos chegavam e não voltavam ao local até à temporada seguinte.

A equipa descobriu ainda que os elefantes marinhos beneficiam indiretamente desta situação: como os tubarões se ausentam, é menos provável que se tornem presas.

Contudo, importa frisar, o estudo não concluiu se as orcas consideram os tubarões brancos presas, ou se apenas competem por comida. A importância do estudo, sublinhou Jorgensen, passa por demonstrar que “as cadeias alimentares nem sempre são lineares”.

“As chamadas interações laterais entre os principais predadores são bem conhecidas em terra, mas são muito mais difíceis de documentar no oceano“, rematou.

ZAP //

PARTILHAR

6 COMENTÁRIOS

  1. Orcass atacam sim, pequenos e médios Tubarões Brancos, são peixes ricos em gordura como outros, e ainda são competidores delas. Orcas são os maiores predadores marinhos, só atacadas pelo pior animal de todos: Nós!

    • Pequenos, médios e grandes tubarões branco! Já vi num documentário. As orcas são muito maiores e para além disso atacam em grupo. O tubarão não tem qualquer hipótese.

  2. À poucos meses assisti a um documentário no Odisseia ou no National Geografic em que mostravam como duas Orcas conseguiram dizimar todos os Tubarões Brancos quem andavam no local e pasme-se conseguiam virá-los só para lhe comer julgo que o fígado ou outro órgão nessa zona e mais nada.
    Quando não existiam mais tubarões foram embora.

RESPONDER

Rara cobra de duas cabeças e dois cérebros independentes encontrada na Florida

Uma rara cobra com duas cabeças e dois cérebros independentes foi resgatada no estado norte-americano da Florida por uma equipa de especialistas do organização Florida Fish and Wildlife Conservation Commission. Na rede social Facebook, a organização, …

Benfica 2-0 Belenenses SAD | Darwinismo rende arranque histórico

O Benfica cumpriu e venceu o Belenenses SAD por 2-0, no Estádio da Luz, na partida que encerrou a quinta jornada da Liga NOS. Foi o quinto triunfo benfiquista no campeonato em cinco partidas, o …

Uma tarefa doméstica está a poluir sorrateiramente o ambiente

O que vestimos e como lavamos as nossas roupas influencia o número de microfibras sintéticas que libertamos no meio ambiente. Há uma tarefa doméstica a poluir sorrateiramente o ambiente. Um novo artigo científico, publicado na PLOS …

A companhia aérea que faliu devido à covid-19 está de volta

A pandemia de covid-19 foi traiçoeira para muitas empresas. A Flybe, uma das primeiras vítimas, está agora a ressuscitar - e pode voltar a rasgar os céus já no próximo ano. A economia mundial foi muito …

Dormir bem antes de tomar a vacina da gripe pode ajudar a aumentar a sua eficácia

Segundo os especialistas, uma boa noite de sono pode mesmo ajudar a aumentar a eficácia da vacina da gripe, que neste ano ganha particular relevância em plena pandemia de covid-19. De acordo com Matthew Walker, autor …

Há um petroleiro abandonado há mais de uma década nas Caraíbas (e é uma "bomba-relógio")

Um navio de armazenamento de petróleo venezuelano está ancorado no Golfo de Paria, um trecho de mar fechado entre a Venezuela e a ilha de Trinidad, há mais de uma década. Antes de os Estados Unidos …

Portugal deve bater recorde de doentes em cuidados intensivos ainda esta semana

Portugal deverá ultrapassar, esta quarta-feira, o recorde de doentes em unidades de cuidados intensivos, alertou a ministra da Saúde, Marta Temido, em conferência de imprensa sobre a capacidade do Serviço Nacional de Saúde para combater …

A Budapest Eye foi restaurante por um dia (e com estrela Michelin)

Um restaurante com estrela Michelin em Budapeste, na Hungria, ofereceu aos clientes uma experiência gastronómica na famosa roda gigante Budapest Eye. Atraiçoado pela queda de faturação após o desaparecimento de turistas estrangeiros, o restaurante Costes, premiado …

Antigo ministro da Saúde Leal da Costa admite novo estado de emergência

O antigo ministro da Saúde Fernando Leal da Costa defendeu hoje que em algum momento deve ser decretado de novo o estado de emergência, para que o Governo possa tomar medidas na luta contra a …

Marcelo promulga uso obrigatório de máscara na rua por 70 dias

O Presidente da República promulgou esta segunda-feira o decreto da Assembleia da República que determina o uso obrigatório de máscara na rua, por um período de 70 dias, sempre que não seja possível cumprir o …