Ten Hag quebra o silêncio após a saída de Cristiano Ronaldo

1

(cv) AFC Ajax

O treinador neerlandês Erik ten Hag.

Erik ten Hag quebrou o silêncio relativamente à saída conturbada de Cristiano Ronaldo do Manchester United. O treinador já seguiu em frente.

O treinador do Manchester United, Erik ten Hag, falou pela primeira vez sobre a saída de Cristiano Ronaldo do clube. Já no decorrer do Mundial de 2022, no Qatar, o United anunciou a rescisão por mútuo acordo com o internacional português.

A saída de CR7 de Old Trafford aconteceu após a polémica entrevista que o jogador concedeu a Piers Morgan, na qual questionou muitos dos métodos de treino de Erik ten Hag, mas também a sua relação com o técnico, e as intenções dos donos do clube em relação à gestão do mesmo.

Em conferência de imprensa de antevisão ao encontro particular com o Cádiz, Ten Hag disse laconicamente: “Ele foi-se e é passado. Agora estamos a olhar para a frente e estamos olhar para o futuro”.

O técnico neerlandês realçou ainda que é preciso “seguir os padrões mais elevados e cumpri-los diariamente”.

Cristiano Ronaldo tem sido associado ao Al-Nassr, da Arábia Saudita, num acordo astronómico de 500 milhões de euros por duas épocas e meia.

Nesta segunda-feira, em Espanha, asseguraram que já há negócio fechado com o Al-Nassr e que o português vai jogar na Arábia Saudita a partir de janeiro. Mas o próprio Cristiano, embora com poucas palavras, falou sobre isso depois da goleada lusa por 6-1 sobre a Suíça: “Não, não é verdade”.

O capitão da seleção portuguesa ficou no banco esta terça-feira, no jogo contra os helvéticos, dando lugar a Gonçalo Ramos. O jovem avançado do Benfica brilhou, fazendo um hat-trick e ainda uma assistência.

Por cá, há uma frase do portal ZeroZero que resume tudo. Logo na parte inicial da crónica do jogo, lê-se: “…a amostra desta vitória deixou bem claro que Cristiano, nesta altura, não tem lugar na equipa inicial. O status quo não pode iludir a lógica”.

  Daniel Costa, ZAP //

1 Comment

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.