Tecnologia “made in” Bragança quer inovar mercado da radiodifusão

SRI / wikimedia

-

Um técnico de emissores de radiodifusão de Bragança já percorreu dois milhões de quilómetros a tratar de antenas, o equivalente a 50 voltas ao Mundo, muitas vezes para carregar apenas num botão e devolver a emissão às rádios.

Depois de 24 anos permanentemente de plantão, Rui Paulo Pereira inventou um dispositivo que promete revolucionar a resolução de problemas remotamente, reduzindo custos e falhas de emissão às rádios.

Com a parceria do Instituto Politécnico de Bragança (IPB), a invenção transformou-se em inovação e na primeira patente criada no Gabinete de Empreendedorismo da instituição transmontana de Ensino Superior.

Alarm Box” é o nome com ambiciona internacionalizar a tecnologia “made in Bragança” e que espera estar a comercializar “dentro de um ano”, tendo já feito demonstrações a “quase todas as rádios nacionais” e a uma empresa espanhola do setor.

“A reação é de alguma surpresa por um equipamento “made in Portugal barra Bragança com estas características”, contou à Lusa Rui Paulo Parreira, que espera também conquistar mercado além-fronteiras.

“No mundo há milhares de rádios, a minha maior expectativa é em relação aos mercados do Brasil, Espanha e França”, afirmou.

O que diferencia este dispositivo do que já existe no mercado?: “o meu faz tudo, os outro fazem uma coisa cada um”, garantiu.

Segundo explicou à Lusa, o mecanismo consiste em colocar um equipamento no centro emissor que comunica com o técnico através de uma aplicação Android desenvolvida para o efeito e que permite resolver falhas através de um simples SMS.

Uma equipa de informática e eletromecânica do IPB deu “andar à ideia”, acrescentando-lhe a componente da inteligência artificial”, como explicaram à Lusa os três envolvidos Pedro Rodrigues, Getúlio Igrejas e David Branco.

A investigação procurou dar resposta “às necessidades de controlar remotamente” e uma das inovações que o equipamento apresenta é que “consegue fazer a análise do áudio e averiguar se está a funcionar erraticamente, ou seja não só se ficar sem emissão, mas também se houver ruído”.

Rui Paulo admite que com esta invenção “pode estar a reduzir emprego” para técnicos como ele, mas “por outro lado cria emprego” nas empresas que espera venham a construir o equipamento.

Não tem dúvidas é de que, além de reduzir os custos das empresa de radiodifusão, o facilitará sobretudo a vida aos profissionais que vão continuar a ser necessários para a manutenção dos centros emissores.

O técnico lembrou que chegou a ir de Bragança ao Algarve “para, em apenas uns minutos, fazer “reset” num botão”.

“Poupa não ter que ir lá e as estações emissoras não ficarem sem emissão”, observou.

Nos 24 anos que leva de profissão, já perdeu a conta às vezes que escalou antenas com dezenas de metros por todo o país, mas somou os quilómetros que calcorreou: “dois milhões no total”.

Trabalha “sozinho desde os 18 anos, dias sucessivos com poucas horas de sono”. Só tira “uma semana de férias por ano”.

Inventou o novo equipamento para lhe facilitar a vida, mas com o qual quer também deixar marca no mercado da radiodifusão e criar um novo negócio numa altura em que a crise também afecta o sector.

Chegou a fazer a manutenção de 70 antenas por todo o país. Actualmente tem “pouco mais de 20”. Umas fecharam, outras foram absorvidas por emissoras nacionais de grandes grupos de Comunicação Social.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

PSP já apanhou mais de três mil pessoas a conduzir sem carta este ano

O número de pessoas detetadas a conduzir sem carta aumentou 22% nos sete primeiros meses deste ano, em comparação com o mesmo período do ano passado. "De 1 de janeiro a 31 de julho de 2020, …

"Vacina deve ser um bem global de saúde pública". OMS critica "nacionalismo de vacinas"

A Organização Mundial de Saúde (OMS) criticou na quinta-feira o "nacionalismo de vacinas" para a covid-19, afirmando que qualquer país terá benefícios económicos e de saúde se o resto do mundo recuperar da pandemia. "O nacionalismo …

Depois da explosão, os protestos em Beirute. Manifestantes anti-Governo pedem mudança política urgente

Esta quinta-feira, dezenas de manifestantes foram dispersos com gás lacrimogéneo quando protestavam na sequência da explosão em Beirute, capital do Líbano, que provocou pelo menos 149 mortos, cinco mil feridos e a destruição de casas …

Em vez de flores, família de Fernanda Lapa pede donativos por Bruno Candé

A família da atriz, que faleceu esta quinta-feira, apela a que quem queira oferecer flores para o funeral faça antes um donativo para os herdeiros do ator Bruno Candé, que foi assassinado, em Lisboa. "A Família …

Orbán diz que todos os migrantes ilegais são potenciais "bombas biológicas"

O primeiro-ministro da Hungria, o ultranacionalista Viktor Orbán, defendeu esta sexta-feira que se deve impedir a chegada de imigrantes ilegais ao país porque estes são potenciais "bombas biológicas" devido à covid-19. Conhecido pelos seus discursos contra …

Donald Trump proíbe transações com empresa chinesa detentora do TikTok

Donald Trump assinou uma ordem executiva que proíbe as transações com a ByteDance no prazo de 45 dias e o Senado já aprovou o projeto de lei que proíbe o descarregamento e utilização da aplicação. …

Preocupado com os incêndios, Marcelo admite interromper férias. Ontem foi o pior dia

O Presidente da Repúblic disse esta quinta-feira que está a acompanhar a vaga de incêndios que assola o território continental e admitiu a possibilidade de interromper as férias no Porto Santo se a situação piorar. "É …

Portugal foi o "patinho feio", mas volta a estar em contraciclo com a Europa (por bons motivos)

Portugal destaca-se agora por apresentar uma tendência de redução de novos casos de infeção pelo novo coronavírus, ao contrário de outros países europeus. Quando o novo coronavírus começou a ganhar terreno no continente europeu, Portugal foi …

Kim Jong-un insiste que a Coreia do Norte travou o vírus, mas intensifica combate à covid-19

Kim Jong-un tem repetido várias vezes que a Coreia do norte "travou o vírus maligno", mas o reforço das medidas de combate à covid-19 e a canalização urgente de material médico e alimentos para Kaesong …

Novo Banco tinha autorização de Bruxelas para financiar venda de imóveis

A DG Comp da Comissão Europeia autorizou o Novo Banco a conceder crédito aos compradores do imobiliário vendido pela instituição. Quando o Novo Banco foi constituído, o acordo assinado entre a Direção Geral da Concorrência europeia …