Taxista detido na manifestação condenado a multa de 1.950 euros

Mário Cruz / Lusa

-

Um dos três detidos pela PSP durante a manifestação dos taxistas em Lisboa foi esta sexta-feira condenado a pagar uma malta de 1.950 euros pelo crime de dano qualificado.

Bruno Hernando foi condenado hoje por ter estragado um espelho retrovisor de um carro da PSP que, na altura da manifestação, estava estacionado na Rotunda do Relógio.

O tribunal de pequena instância criminal de Lisboa decidiu que a multa a atribuir ao taxista é de 325 dias a uma taxa diária de seis euros, o que totaliza 1.950 euros.

O tribunal decidiu ainda que o taxista vai ter de pagar 185,15 euros, correspondente ao valor da reparação do espelho retrovisor da viatura.

Na sessão realizada a 20 de outubro, o arguido tinha alegado que danificou involuntariamente o espelho retrovisor devido ao estado de nervos em que se encontrava na altura do protesto, uma versão contrariada pelos agentes da PSP que efetuaram a detenção.

Este crime tem uma moldura penal até cinco anos de prisão, mas como o arguido não tem antecedentes criminais, o Ministério Público pediu uma pena de multa até 600 dias e o pagamento da indemnização civil pedida pelo Estado de 185 euros.

Também a defesa considerou que o taxista deve apenas incorrer numa pena de multa.

Os outros dois detidos, um indiciado por dano qualificado e o outro por posse de arma ilegal e coação a funcionário com arma, também estão a ser julgados em processo sumário.

O protesto dos taxistas, que se realizou a 10 de outubro, deveria ter seguido até à Assembleia da República, mas não avançou além da Rotunda do Relógio, onde ocorreram confrontos com a polícia, tendo os manifestantes bloqueado a zona do aeroporto de Lisboa durante mais de 15 horas.

O protesto dos taxistas esteve relacionado com as novas regras para as plataformas eletrónicas como a Uber e a Cabify.

/Lusa

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. E quem paga o veículo da Uber que destruiram e que todo o país viu nas televisões em directo? Ao menos espero que não aleguem falta de testemunhas…
    Eu até agradeço à Antral! No dia em que ocorreu aquela vergonhosa manifestação, própria de um país terceiro-mundista (que somos, é um facto!), aderi logo à plataforma Uber e jurei que não voltava a andar de táxi. Não podia estar mais satisfeito com essa decisão: o serviço é excepcional e os preços são mais baratos. Nunca mais ouvi um arroto durante o trajecto (sim, é verdade, aconteceu mesmo!), nem a “bola” em altos berros no rádio do taxista (sim, porque taxista que se presa além de ser do Benfica, deve ser surdo, porque o volume do som durante os relatos é certamente sintoma de surdez),
    Viva a Uber!!!

  2. Pra este taxista arruaceiro ( como quase todos aliás), saiu-lhe cara a palhaçada. No futuro, vai pensar duas vezes antes de se armar em palhaço, a esbracejar, a bater com as mãos no peito, estilo troglodita.
    Agora paga e pra proxima….juizinho!

RESPONDER

Proteção Civil quer que bombeiros voltem a ser obrigados a usar cinto de segurança

A estrada mata mais bombeiros do que os incêndios. Por isso, a Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil criou um grupo específico para analisar o problema. Rui Ângelo, chefe da Divisão de Segurança, Saúde e …

Estratégia prevê rede de bancos de leite materno e revisão das licenças para amamentar

A ENALCP apresentada esta quarta-feira prevê a criação de uma rede nacional de bancos de leite materno e a revisão dos diretos de parentalidade. Ambientes favoráveis deverão ser também revistos. A Estratégia Nacional para a Alimentação …

DGS aconselha grávidas e bebés vegetarianos a tomarem suplementos

A Direção-geral da Saúde recomenda suplementos de vitaminas e minerais para bebés e grávidas com alimentação vegetariana e lembra que a dieta não omnívora no primeiro ano de vida deve estar sempre sob supervisão médica. "A …

Entre os boletins de voto dos emigrantes, também há cheques e contas da luz

Para exercer o seu direito de voto, os eleitores portugueses residentes no estrangeiro deveriam enviar de volta para Portugal a documentação que receberam em casa – um envelope verde com o boletim de voto, dentro …

Ryanair despede 432 trabalhadores em Espanha

A companhia aérea irlandesa Ryanair confirmou esta quarta-feira a sua intenção de despedir em Espanha 432 trabalhadores das suas bases de Girona e Canárias, 327 tripulantes de cabine e 105 pilotos, informou o sindicato USO. Num …

Eleições em Moçambique. Dados preliminares dão vitória a Nyusi

Segundo as projeções de resultados da Sala da Paz, de acordo com valores “preliminares” baseados na leitura dos editais pelos seus observadores, o atual Presidente moçambicano e candidato da Frelimo, Filipe Nyusi, terá sido reeleito …

"Quem acusou Sócrates tem de provar. Se não provar tem de ser punido"

O ex-Presidente brasileiro, Lula da Silva, defende punição de procuradores da Operação Marquês, caso a acusação contra José Sócrates seja arquivada. Esta terça-feira, em entrevista à RTP, Lula da Silva defendeu a punição dos procuradores que …

Na Saúde, Warren torna-se alvo de ataques. Mas o foco é "derrotar Trump"

O maior debate televisivo para umas eleições primárias na história dos EUA juntou 12 candidatos num só palco. Foi o primeiro debate para o qual o ex-vice-Presidente Joe Biden não partiu com vantagem, tendo a …

Trump sugere que os mexicanos são uma ameaça terrorista maior do que o Daesh

O Presidente Donald Trump sugeriu que os mexicanos são uma ameaça muito maior do que o Daesh. Respondendo uma vez mais às críticas sobre ter retirado as tropas dos Estados Unidos (EUA) junto à fronteira …

Grécia. Incêndio em campo de refugiados deixa 600 pessoas sem alojamento

Um incêndio no campo de identificação e registo de migrantes de Vathy, na ilha grega de Samos, deixou 600 refugiados sem alojamento, alertou na terça-feira a organização não-governamental (ONG) Médicos Sem Fronteiras (MSF). "Em Vathy, seis …