Crianças que participaram no Supernanny tinham que ter “manifestado expresso consentimento”

(dr) SIC

Esta sexta-feira, decorreu a segunda sessão do julgamento, no Tribunal de Oeiras. A psicóloga Rute Agulhas defendeu que o programa Supernanny “viola os direitos das crianças” e que os direitos dos pais “não são ilimitados”.

Ao contrário daquilo que consta das cláusulas da Autorização para a utilização do direito à imagem dada a assinar pela produtora Warner Bros. TV Portugal aos pais dos menores, a nenhuma das crianças “foi prestada qualquer informação sobre a sua participação no programa da SIC”, diz o Ministério Público.

Além disso, segundo o MP, nenhuma das crianças prestou “o seu expresso consentimento” para que as imagens fossem exibidas publicamente.

De acordo com o processo, os representantes legais das crianças assinaram um “Acordo de Participação” com a SIC para participaram no programa, acordo esse que estabeleceu a aquisição dos direitos de imagem e a propriedade intelectual dos pais das crianças, que iriam receber a contrapartida de mil euros.

Segundo o Público, em anexo a este acordo, existia ainda uma autorização assinada pelos pais no qual admitem limitações à reserva da sua vida privada. Essa autorização foi dada a assinar aos pais, enquanto representantes legais das crianças.

No entanto, diz o Ministério Público, as crianças não foram informadas sobre a sua participação no programa Supernanny nem sobre as possíveis implicações, o que contraria o que estava previsto no documento “Autorização para a utilização do direito à imagem” da Warner Bros.

Os pais da primeira criança que apareceu no primeiro episódio – emitido no dia 14 de janeiro – manifestaram-se arrependidos junto da Comissão de Proteção de Crianças e Jovens (CPCJ) de Loures, por terem sujeitado a criança a essa exposição.

A criança tem já uma medida de promoção e proteção acionada com o consentimento dos progenitores que assumiram o compromisso de limitar as suas responsabilidades parentais no que diz respeito à cedência do direito de imagem da criança.

O mesmo tipo de processo foi aberto pela CPCJ da área de residência à família que participou no terceiro episódio do programa, que não chegou a ser exibido. No entanto, esta família recusou ser acompanhada, tendo o caso sido enviado para o Ministério Público.

O programa “viola os direitos das crianças”

A psicóloga Rute Agulhas, testemunha pelo Ministério Público, considerou esta sexta-feira em tribunal que, em alguns momentos do programa, há evidência de situações que podem configurar maus tratos emocionais às crianças.

“Quando uma criança é chamada de tirana, diabinho, ou seja o que for, estamos a humilhar a criança, que em contexto privado configura crime e pode dar azo a processos de promoção e protecção”, explicou a psicóloga.

A especialista disse ainda que as técnicas usadas pela Supernanny estão mal aplicadas. Assim, a psicóloga considera que o programa viola igualmente quase todos os artigos do código deontológico dos psicólogos. “Olhando para os princípios gerais, percebe-se porque foi negativo o parecer da Ordem sobre o programa”, afirmou.

Ao contrário do que a SIC defende, o MP considera que o formato do programa é “altamente atentório” da privacidade dos menores, não sendo nenhum “exemplo pedagógico ou um modelo educacional”.

No primeiro episódio, a criança “viu exibida a sua vida privada, desde as suas rotinas de casa de banho, onde surge vestida de pijama, com partes do seu corpo à vista, a fazer birras, deitada na cama”. “Não obstante, no final do programa é exibida a advertência: ‘Durante as gravações foi respeitada a privacidade dos intervenientes'”, refere o MP.

Quando confrontada com os termos de autorização assinados pelos pais, Rute Agulhas respondeu que “os pais não são donos das crianças. Os seus direitos não são ilimitados”.

ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. As crianças (de 5 anos) não foram informadas e não prestaram o seu consentimento?????

    Deve ser para rir… somos o País das anedotas….

    As crianças têm direitos, certamente, mas há razões por que os pais são os responsáveis (e não venham dizer que há pais que não o são, pois é verdade, mas são casos anómalos).

    Este programa está no ar em todo o mundo, em países MUITO mais atentos do que nós (infelizmente) e ninguém levntou problemas.
    Os tugas, mais papistas que o papa, não contentes de chegarem 10 anos atrasados, ainda armam uma confusão sem sentido, como se fossem os pioneiros paladinos dos direitos das crianças…

    • Tu, é que, claramente, andas atrasado e pouco atento!!
      O que são “países MUITO mais atentos do que nós”?!
      Conta lá, para eu me rir também…

Responder a ah Cancelar resposta

Ministério Público está a funcionar com menos 189 magistrados do que a lei prevê

Há algum tempo que fala da falta de magistrados no Ministério Público, mas só agora o Conselho Superior deste organismo decisivo no combate ao crime diagnosticou a dimensão exata do problema. Um relatório do Conselho Superior …

FC Porto vai defrontar Krasnodar na terceira pré-eliminatória da Champions

O FC Porto vai defrontar com os russos do Krasnodar o acesso aos playoffs da Liga dos Campeões, ditou o sorteio realizado, esta segunda-feira, na Suíça. O sorteio realizado esta manhã em Nyon, na Suíça, ditou uma …

PSOE e Podemos em contrarrelógio para coligação em dia de tomada de posse

O tempo para as negociações entre PSOE e Podemos para uma coligação está a esgotar-se. Em dia de tomada de posse, os dois partidos tentam os últimos esforços. Começou hoje às 11h de Lisboa a cerimónia …

Assange vai ser extraditado para os Estados Unidos, diz Mike Pompeo

O Reino Unido vai extraditar para os Estados Unidos o fundador do WikiLeaks Julian Assange para ser julgado por espionagem, afirmou o secretário de Estado norte-americano, Mike Pompeo, segundo o jornal equatoriano El Universo. “Já fizemos …

Shinzo Abe vence legislativas no Japão mas sem votos suficientes para reforma constitucional

A coligação política do primeiro-ministro japonês venceu as eleições parciais de domingo, mas sem conseguir os dois terços necessários na câmara alta do parlamento para levar avante uma reforma constitucional. Dos 124 lugares que foram a …

Índia lança missão lunar Chandrayaan-2

A Organização de Investigação Espacial da Índia (ISRO) lançou hoje a nave não tripulada 'Chandrayaan-2', que deverá alunar a 6 ou 7 de setembro, depois de permanecer na órbita da Lua. A 'Chandrayaan-2' "permanecerá em órbita …

Nova baixa no Governo britânico em protesto contra Boris Johnson como líder

O Secretário de Estado para a Europa e Américas britânico, Alan Duncan, demitiu-se esta segunda-feira em protesto pela possível vitória de Boris Johnson na corrida para a liderança do Partido Conservador e Governo Britânico. A notícia …

PS já vale o dobro do PSD. Se as legislativas fossem hoje, venceria com 43% dos votos

O PS com 43,2% dos votos obteria o dobro dos do PSD, 21,6%, caso as eleições legislativas fossem agora, de acordo com uma sondagem da Pitagórica para o Jornal de Notícias e a TSF publicada …

Encontrada em Israel cidade com dez mil anos da Idade da Pedra

Uma enorme metrópole que remonta à Idade da Pedra foi descoberta perto de Jerusalém, em Israel. Os investigadores dizem que não é apenas a maior deste tipo já encontrada no país, mas uma das mais …

Frentes de Vila de Rei e Mação estão dominadas a 90%. Teme-se "reacendimentos graves"

Pedro Nunes, comandante do Agrupamento Distrital do Centro Norte da Proteção Civil, fez esta manhã o ponto da situação a partir da Sertã. O "incêndio está estabilizado", os meios foram redistribuídos e "90% do …