/

De volta às folhas. Supermercados asiáticos já usam embalagens orgânicas

Supermercados do Vietname e da Tailândia deram um passo na luta contra o plástico de uso único, substituindo os habituais sacos de plástico por folhas de bananeira como invólucros orgânicos para envolver e transportar alimentos. 

Tudo começou com uma publicação no Facebook, na qual era possível ver que folhas de bananeira estavam a ser utilizadas pelo supermercado Rimping, na cidade tailandesa de  Chiangmai, como substitutas dos sacos de plástico.

Vendo a aceitação e as reações positivas que a iniciativa gerou, lojas em Hanói e Ho Chi Minh City, no Vietname, adotaram a medida, replicando-a nos seus supermercados.

De acordo com o porta-voz do Lotte Market na cidade de Ho Chi Minh, o estabelecimento está apenas a fazer um teste, visando, no futuro, estender a iniciativa a todo o país. Segundo relatam os média locais, o supermercado também adotar as folhas de bananeira como embalagens orgânicas para carnes e legumes.

 

Segundo apurou uma investigação levada a cabo pela Universidade da Geórgia, nos Estados Unidos, datada de 2010, o Vietname é o quarto país que mais polui os oceanos com plásticos. No topo dos que mais poluem está a China, seguindo-se depois a Indonésia e a Filipinas. O Sri Lanka ocupa a 5.ª posição. A poluição dos mares é um problema crescente, que afeta diretamente a vida selvagem e os animais marinhos.

Também na Tailândia, a cadeia de supermercados Big C, sediada em Banguecoque, começou a introduzir sacos bio-degradáveis feitos a partir de milho.

Tal como nota a Russia Today, a luta contra os plásticos de uso único está também a ser travada por outros países asiáticos. A Coreia do Sul proibiu o uso de sacos e embalagens deste material. Por sua vez, Singapura lançou uma série de campanhas publicitárias para sensibilizar a população, tentando convencê-los a deixar de usar o plástico.

A China vetou o uso de sacos plásticos em 2008. Desde então, a circulação destes materiais caiu 66% no país, deixando 40.000 milhões de sacos fora da rota dos oceanos.

  ZAP //

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE